Please use this identifier to cite or link to this item: http://www.repositorio.ufc.br/handle/riufc/11168
Full metadata record
DC FieldValueLanguage
dc.contributor.advisorSoares, Jorge Barbosa-
dc.contributor.authorBorges, Rômulo Luiz-
dc.date.accessioned2015-03-31T13:41:10Z-
dc.date.available2015-03-31T13:41:10Z-
dc.date.issued2014-10-31-
dc.identifier.citationBORGES, R. L. Deformação permanente em misturas asfálticas a partir do Shift Model viscoplástico e ensaios triaxiais de carga repetida. 2014. 194 f. Dissertação (Mestrado em Engenharia de Transportes)–Centro de Tecnologia, Universidade Federal do Ceará, Fortaleza, 2014.pt_BR
dc.identifier.urihttp://www.repositorio.ufc.br/handle/riufc/11168-
dc.description.abstractPermanent deformation or rutting is a major distress in asphalt pavements. To predict permanent deformation of asphalt mixtures the dynamic creep test is often used in laboratory, with the result presented in terms of the so called flow number. However, for this work it was performed the triaxial repeated permanent deformation load test, a confined test that better represents field conditions. The models that incorporate the flow number do not represent the main zone of the dynamic creep test result, denoted secondary region, in which the permanent deformation rate of growth is constant. In this work the Shift Model was used, which is a viscoplastic model that accesses the permanent deformation from the superposition principles, i.e., time-temperature superposition and time-stress superposition. Thus, the asphalt mixtures were tested under different loading conditions, temperature, load time and rest period, in order to assess three parameters of the test: parameter C, which indicates where the secondary region begins (parameter that governs the primary region of the test); the parameter α (alpha) is the slope of the secondary region; and the parameter B represents the level of permanent deformation of the secondary region. The results show that the TRLPD test is more severe than the conventional dynamic creep test. Nevertheless, the use of TRLPD test represents an advance in the understanding of the behavior of asphalt mixtures with respect to rutting performance, and has the advantage of allowing the use of results in computational simulations.pt_BR
dc.language.isopt_BRpt_BR
dc.subjectTransportespt_BR
dc.subjectMisturas de emulsão asfálticapt_BR
dc.subjectAsfalto - Deformaçãopt_BR
dc.titleDeformação permanente em misturas asfálticas a partir do Shift Model viscoplástico e ensaios triaxiais de carga repetidapt_BR
dc.typeDissertaçãopt_BR
dc.description.abstract-ptbrA deformação permanente é um dos principais defeitos em pavimentos asfálticos. Para prever esta falha em revestimentos, por meio de ensaios laboratoriais, é frequentemente utilizado o ensaio de creep dinâmico cujo resultado final é apresentado em termos do chamado flow number. No entanto, para este trabalho foi realizado o triaxial repeated load permanent deformation (TRLPD) test, que é um ensaio sob condições de confinamento, a fim de melhor se aproximar das condições encontradas em campo. Os modelos que incorporam o flow number não representam a principal região de ensaio de creep dinâmico, denominada região secundária, na qual o incremento de deformação permanente cresce em valor constante. No presente trabalho utilizou-se o Shift Model, o qual é um modelo viscoplástico que avalia a deformação permanente a partir da superposição dos efeitos tempo-temperatura e tempo-tensão. Dessa forma, as misturas asfálticas foram testadas sob diferentes condições de carregamento, temperatura, tempo de aplicação de carga e período de repouso. Foram avaliados três parâmetros do ensaio em questão: o parâmetro C, que fornece os dados de onde a região secundária se inicia (parâmetro que governa a região primária do ensaio); o parâmetro α (alfa), que é o aclive da região secundária; e o parâmetro B, que representa o nível de deformação permanente da região secundária. Os resultados obtidos mostram que o ensaio TRLPD é mais severo do que o ensaio convencional de creep dinâmico, porém considera-se que a utilização de ensaios confinados representa um avanço para o entendimento do comportamento das misturas asfálticas quanto à resistência à deformação permanente das mesmas, e este traz a vantagem de poder ser usado em simulações computacionais.pt_BR
dc.title.enPermanent deformation in asphalt mixtures from viscoplastic shift model and triaxial repeated load testpt_BR
Appears in Collections:DET - Dissertações defendidas na UFC

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
2014_dis_rlborges.pdf4,66 MBAdobe PDFView/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.