Please use this identifier to cite or link to this item: http://www.repositorio.ufc.br/handle/riufc/11192
Full metadata record
DC FieldValueLanguage
dc.contributor.authorUeta, Vanessa-
dc.contributor.authorCysne, Andréa Pereira-
dc.contributor.authorCampos, José Nilson Beserra-
dc.date.accessioned2015-03-31T16:44:09Z-
dc.date.available2015-03-31T16:44:09Z-
dc.date.issued2007-
dc.identifier.citationUETA, V.; CYSNE, A. P.; CAMPOS, J. N. B. Eficiência de acumulação de reservatórios anuais: aplicação da equação de esvaziamento. In: SIMPÓSIO BRASILEIRO DE RECURSOS HÍDRICOS, 17., 2007, Porto Alegre. Anais... Porto Alegre: ABRH, 2007.pt_BR
dc.identifier.urihttp://www.repositorio.ufc.br/handle/riufc/11192-
dc.description.abstractThe reservoirs of superficial waters have been the most applied solution for governments and people to live together with the hydrologic adverse regime of the Northeastern interiors. To the small reservoirs the paper of intra-annual regularization of waters is reserved and, for that, annual reservoirs are denominated. This article approaches the subject related to the annual dams, of the Brazilian semi-arid area. An equation was developed to esteem the time of emptying of a reservoir in function of the retreats and of the evaporation. Soon afterwards the equation was applied to evaluate the efficiencies of the reservoirs through the relationship among the volume used for hydro agriculture and the accumulated volume in the end of the humid station. The reservoir assumes the form of a cone (V = αh3) with the values of α equal to 1000, 5000 and 10000 and heights varying from one to eight meters. The times of emptying were taken equals to four and six months. The results showed that the efficiency with respect to the capacity varies a lot with the depth and, practically, it doesn't depend on the opening of the cone.pt_BR
dc.language.isopt_BRpt_BR
dc.publisherSimpósio Brasileiro de Recursos Hídricospt_BR
dc.subjectReservatórios anuaispt_BR
dc.subjectEficiência de reservatóriospt_BR
dc.subjectEquação de esvaziamentopt_BR
dc.titleEficiência de acumulação de reservatórios anuais: aplicação da equação de esvaziamentopt_BR
dc.typeArtigo de Eventopt_BR
dc.description.abstract-ptbrOs reservatórios de águas superficiais têm sido a solução mais aplicada por governos e particulares para conviver com o regime hidrológico adverso dos sertões nordestinos. Aos pequenos reservatórios é reservado o papel de regularização intra-anual de águas e, por isso, são denominados reservatórios anuais. Esse artigo aborda a questão relacionada aos açudes anuais, da região semi-árida brasileira. Foi desenvolvida uma equação para estimar o tempo de esvaziamento de um reservatório em função das retiradas e da evaporação. Em seguida a equação foi aplicada para avaliar as eficiências dos reservatórios por meio da relação entre o volume utilizado para fins hidroagrícolas e o volume acumulado no final da estação úmida. O reservatório assume a forma de um cone (V = αh3) com os valores de α de 1.000, 5.000 e 10.000 e alturas variando de um a oito metros. Os tempos de esvaziamento foram feitos iguais a quatro e seis meses. Os resultados mostraram que o rendimento reativo à capacidade varia muito com a profundidade e, praticamente, não depende da abertura do cone.pt_BR
Appears in Collections:DEHA - Trabalhos apresentados em eventos

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
2007_eve_jnbcampos_eficiencia.pdf103,69 kBAdobe PDFView/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.