Please use this identifier to cite or link to this item: http://www.repositorio.ufc.br/handle/riufc/12898
Full metadata record
DC FieldValueLanguage
dc.contributor.authorJucá, Vládia Jamile dos Santos-
dc.date.accessioned2015-06-19T16:36:22Z-
dc.date.available2015-06-19T16:36:22Z-
dc.date.issued2004-
dc.identifier.citationJucá, V. J. S. (2004)pt_BR
dc.identifier.issn2179-1740 (online)-
dc.identifier.issn0102-1222 (impresso)-
dc.identifier.urihttp://www.repositorio.ufc.br/handle/riufc/12898-
dc.descriptionJUCÁ, Vládia Jamile dos Santos. O phármakon na saúde mental: uma relação ambígua. Revista de Psicologia, Fortaleza, v.22, n.2, 2004, p 45-53.pt_BR
dc.description.abstractThe present article presents some results of the thesis "The Directions of the Cure in Mental Health" that had two core objectives: 1) to look into the meanings of healing for psychiatrists, outpatients and their familiars in a mental health hospital; 2) to understand how the direction of the treatment was defined, the goals established and the therapeutics selected. With relation to the treatment, it was possible to perceive that the medication occupied a central place, supplanting many times the relation doctor-patient. However, the relation that the users of the service established with the drugs was marked by an intense dubiousness that we intend to discuss.pt_BR
dc.language.isopt_BRpt_BR
dc.publisherwww.revistapsicologia.ufc.brpt_BR
dc.subjectSaúde mentalpt_BR
dc.subjectTratamento ambulatorialpt_BR
dc.subjectMedicação psiquiátricapt_BR
dc.titleO phármakon na saúde mental: uma relação ambíguapt_BR
dc.typeArtigo de Periódicopt_BR
dc.description.abstract-ptbrO presente artigo apresenta alguns resultados da tese de doutorado intitulada "Os Sentidos da Cura em Saúde Mental", que tinha dois propósitos fundamentais: 1) a investigação dos significados da cura para psiquiatras, familiares e usuários de um ambulatório de saúde mental; 2) a observação de como se construía a direção do tratamento com relação à definição de objetivos e eleição de práticas terapêuticas. Com relação ao tratamento, foi possível perceber que a medicação ocupava um lugar central, suplantando muitas vezes a relação médico-paciente. No entanto, a relação que os usuários do serviço estabeleciam com os fármacos estava marcada por uma intensa dubiedade que tentaremos retratar a seguir.pt_BR
Appears in Collections:DPSI - Artigos publicados em revistas científicas

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
2004_art_vjsjuca.pdf864,54 kBAdobe PDFView/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.