Use este identificador para citar ou linkar para este item: http://www.repositorio.ufc.br/handle/riufc/16274
Registro completo de metadados
Campo DCValorIdioma
dc.contributor.advisorSales, Marta Celina Linhares-
dc.contributor.authorSilveira, Armando Elísio Gonçalves-
dc.date.accessioned2016-04-15T17:23:47Z-
dc.date.available2016-04-15T17:23:47Z-
dc.date.issued2012-
dc.identifier.citationSILVEIRA, A. E. G. (2012)pt_BR
dc.identifier.urihttp://www.repositorio.ufc.br/handle/riufc/16274-
dc.descriptionSILVEIRA, Armando Elísio Gonçalves. Impactos socioambientais da implantação dos loteamentos fechados e condomínios horizontais no município de Eusébio, Ceará. 2012. 145 f. : Dissertação (mestrado) - Universidade Federal do Ceará, Programa de Pós-Graduação em Desenvolvimento e Meio Ambiente - PRODEMA, Fortaleza-CE, 2012.pt_BR
dc.description.abstractThis research aims to discuss the social and environmental impacts caused by the deployment of condominiums and closed subdivisions in the municipality of Eusebius, Ceará. The methodology was developed in three steps described below. The first was the literature review on the origins, forms and implications of housing typologies closed the production of urban space, highlighting the possible impacts of the installation of such enterprises to the city of Eusebius, focusing on the metropolitan context of Fortaleza, capital of the State of Ceará. Then departure for the discussion of the case study through a description of the urban evolution of Eusebius and environmental systems in the region. Part of this step was developed based on the observations of the first master plan, approved in 2001, the structural element of the production of closed condominiums and subdivisions. The review of this plan in 2008 brought some innovations to the process of division of land that were discussed by comparing both laws, especially the effects on the production of space caused by the two plans. In the last phase was produced a database on the production of enterprises closed in the city, using as base the time frame mentioned above. Through photographic and cartographic material, such ventures were geocoded in order to provide subsidies for the discussion of the production of space afforded by the exclusionary and elitist housing typologies closed. The description of the social and environmental impacts brought by the enterprises closed used Matrix based on the Leopold et al. (1971 cited by Sánchez 2010). This method was adapted in order to depict the interactions between actions and the impact of the environmental components affected showing the relative impacts of the recent expansion of the city to the environment, the economical and social environment. Along with this, the comparison was by means of satellite images, the process of land occupation, understood in a temporal space of about ten years (1997-2008). The production of this material cooled the discussion of results from the distortion to the natural environment, more precisely due to the removal of vegetation and degradation of water resources (rivers, streams, ponds, lakes and dams), and also on the privatization of public spaces through the deployment of typologies closed to dismantle the evolution of the urban city, creating large "enclaves" harmful to the development of intraurban location. This pattern of urbanization was put into the debate, highlighting the social and environmental consequences of living in closed enterprises located in areas of poor infrastructure and away from urban centers consolidated.pt_BR
dc.language.isopt_BRpt_BR
dc.subjectCondomínios horizontais e loteamentospt_BR
dc.subjectImpactos socioambientaispt_BR
dc.subjectRecursos hídricospt_BR
dc.subjectEspaço públicopt_BR
dc.subjectCondominiums and horizontal subdivisionspt_BR
dc.subjectSocial and environmental impactspt_BR
dc.subjectWater resourcespt_BR
dc.subjectPublic spacept_BR
dc.subjectConjuntos habitacionaispt_BR
dc.subjectImpacto ambientalpt_BR
dc.subjectPlanejamento urbanopt_BR
dc.subjectLoteamentopt_BR
dc.titleImpactos socioambientais da implantação dos loteamentos fechados e condomínios horizontais no município de Eusébio, Cearápt_BR
dc.typeDissertationpt_BR
dc.description.abstract-ptbrEsta pesquisa pretende discutir os impactos socioambientais provocados pela implantação dos condomínios horizontais e loteamentos fechados no município de Eusébio, Ceará. A metodologia empregada foi desenvolvida em três etapas descritas a seguir. A primeira consistiu na revisão bibliográfica sobre as origens, formas e implicações das tipologias habitacionais fechadas à produção do espaço urbano, destacando os possíveis impactos da instalação de tais empreendimentos ao município de Eusébio, tendo como enfoque o contexto metropolitano de Fortaleza, Capital do Estado do Ceará. Em seguida, partiremos para a discussão do estudo de caso, através de uma descrição sobre a evolução urbana de Eusébio e dos sistemas ambientais da região. Parte dessa etapa foi desenvolvida considerando as observações do primeiro plano diretor, aprovado em 2001, elemento estruturador da produção dos condomínios horizontais e loteamentos fechados. A revisão desse plano em 2008 trouxe algumas inovações ao processo de parcelamento do solo que foram discutidas através de comparações entre ambas as legislações, destacando os efeitos sobre a produção do espaço provocado pelos dois planos. Na última fase foi produzido um banco de dados relativos à produção de empreendimentos fechados do município, usando como base o recorte temporal já referido. Por meio de material cartográfico e fotográfico, tais empreendimentos foram georreferenciados no intuito de fornecer subsídios para a discussão sobre a produção do espaço excludente e elitista proporcionada pelas tipologias habitacionais fechadas. A descrição dos impactos socioambientais trazidos pelos empreendimentos fechados utilizou como base a Matriz de Leopold et al. (1971 apud Sánchez 2010). Este método foi adaptado no intuito de retratar as interações entre as ações impactantes e as componentes ambientais impactadas mostrando os efeitos relativos da recente expansão do município ao meio ambiente, ao meio econômico e ao meio social. Junto a isso, houve a comparação, por meio de imagens de satélites, do processo de ocupação do território, compreendido num espaço temporal de aproximadamente dez anos (1997 a 2008). A produção desse material arrefeceu a discussão dos resultados sobre a descaracterização ao meio natural, mais precisamente em decorrência da supressão da cobertura vegetal e degradação dos recursos hídricos (rios, córregos, lagunas, lagoas e açudes); e também quanto à privatização dos espaços públicos, por meio da implantação de tipologias fechadas que desarticulam a evolução da malha urbana municipal, gerando grandes “enclaves” prejudiciais ao desenvolvimento intra-urbano do local. Esse modelo de urbanização foi posto em debate, destacando as conseqüências socioambientais da moradia em empreendimentos fechados localizados em locais de infra-estrutura precária e distantes dos centros urbanos consolidados.pt_BR
dc.title.enSocial and environmental impacts of the deployment of settlements closed and condominiums in the city of Eusebius, Cearápt_BR
Aparece nas coleções:PRODEMA - Dissertações defendidas na UFC

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
2012_dis_aegsilveira.pdf11,4 MBAdobe PDFVisualizar/Abrir


Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.