Use este identificador para citar ou linkar para este item: http://www.repositorio.ufc.br/handle/riufc/16432
Título: Estratégias discursivas na construção das identidades de profissionais de saúde e usuários do Programa Saúde da Família: uma perspectiva etnográfico-discursiva
Título em inglês: Discursive strategies in construction of health professionals identities and users of Family Health Program: an ethnographic-discursive perspective
Autor(es): Pereira, Rebeca Sales
Orientador(es): Magalhães, Maria Izabel Santos
Palavras-chave: Critical Discourse Analysis
Discursive Strategies
Pessoal da área de saúde pública - Ceará - Análise do discurso
Serviços de Saúde Comunitária - Utilização - Ceará - Análise do discurso
Análise crítica do discurso - Ceará Serviços de saúde pública - Ceará
Identidade social - Ceará
Data do documento: 2016
Editor: www.teses.ufc.br
Citação: Pereira, R. S.; Magalhães, M. I. S. (2016)
Resumo: Esta pesquisa situa-se na grande área da Linguística e está fundamentada nos estudos críticos do discurso. Meu foco é a utilização de estratégias discursivas na construção das identidades nos discursos de profissionais de saúde e usuários do Programa de Saúde da Família (PSF) com a análise das categorias avaliação e modalidade, componentes do significado identificacional do discurso (FAIRCLOUGH, 2001;2003). Objetivo responder às seguintes questões de pesquisa: Como os aspectos identitários apreensíveis no discurso de usuários e profissionais de saúde do PSF assemelham-se ou distanciam-se dos aspectos identitários apreensíveis a partir da observação de campo?; De que forma o lugar social (usuário ou profissional de saúde do PSF) ocupado por um ator social influencia no uso de determinada modalidade (epistêmica ou deôntica) como estratégia discursiva?; Qual a influência de questões socioeconômicas em duas Unidades Básicas de Saúde, uma de baixo IDH e outra de alto IDH, na prática assistencial de saúde do PSF? Para tanto, tomamos por base os estudos de van Leeuwen (2005), sobre os Modelos de Interdisciplinaridade; Halliday (1973;1985) no tocante à Linguística Sistêmico-Funcional; Resende & Ramalho (2006), Ramalho & Resende (2011), Fairclough (2001, 2003), Chouliaraki & Fairclough (1999) e Magalhães (2000;2004) a respeito do quadro teórico-metodológico da Análise de Discurso Crítica; entre outros autores relevantes para esta pesquisa. Para a análise dos dados, realizamos pesquisa etnográfica em duas unidades básicas de saúde nos municípios de Pacatuba e Fortaleza, no Ceará, utilizando técnicas de entrevistas semi-estruturadas, grupos focais e observações de campo, almejando a triangulação dos dados na análise. Os resultados indicam que as identidades de profissionais de saúde e usuários no contexto do PSF são construídas nas práticas assistenciais de maneira avaliativa, apresentando determinadas marcas de modalidade discursiva para cada ator social específico, denotando maior comprometimento avaliativo dos usuários de Pacatuba e Fortaleza, mas havendo menor comprometimento avaliativo dos profissionais de Pacatuba, em relação aos de Fortaleza. Além disso, as identidades engendradas nas manifestações avaliativas no discurso de profissionais de saúde e usuários do PSF indicam por traços linguísticos explícitos e implícitos que a eficácia na prática dialógica assistencial está diretamente relacionada à qualidade no atendimento, além de assinalar problemas na prática social investigada relacionados a fatores socioeconômicos.
Abstract: This research is part of the great area of Linguistics and is based on Critical Discourse Studies. My focus is the use of discursive strategies in the construction of identities in the discourse of health professionals and users of the Family Health Program (PSF) from the analysis of the categories evaluation and modalization, components of the identificational meaning of discourse (Fairclough, 2001; 2003). I aim to answer the following research questions: How do identity aspects in the speech of users and PSF health professionals resemble or distance themselves from identity aspects grasped in field observation?; How does the social place (user or PSF health professional) occupied by a social actor influences the use of a particular mode (epistemic or deontic) as a discursive strategy?; What is the influence of socioeconomic factors in two Basic Health Units, one of low Human Development Index (HDI) and another at high Human Development Index (HDI), in health care of PSF? We based this study on the work of van Leeuwen (2005) on Interdisciplinary Models; Halliday (1973, 1985) regarding Systemic Functional Linguistics; Resende & Ramalho (2006), Ramalho & Resende (2011), Fairclough (2001, 2003), Chouliaraki & Fairclough (1999), and Magalhães (2000; 2004) about the theoretical and methodological framework of Critical Discourse Analysis. For data analysis, we conducted a research of ethnographic character in two basic health units in the towns of Pacatuba and Fortaleza, in Ceará, using the techniques of semi-structured interviews, focus groups and field observations, aiming at the triangulation of data in the analysis. The results indicate that the identities of health professionals and users in the PSF context are constructed in practice by evaluative speech, with certain language modes for each specific social actor, showing evaluative commitment of users of Pacatuba and Fortaleza, but less evaluative commitment of Pacatuba professionals in relation to Fortaleza. In addition, the identities engendered in evaluative phrases in the speech of PSF health professionals and users show by explicit and implicit linguistic traits that effective dialogue in the health care practice is directly related to the quality of health care, in addition to pointing out problems in the investigated social practice related to socioeconomic factors.
Descrição: PEREIRA, Rebeca Sales. Estratégias discursivas na construção das identidades de profissionais de saúde e usuários do Programa Saúde da Família: uma perspectiva etnográfico-discursiva. 2016. 278f. – Dissertação (Mestrado) – Universidade Federal do Ceará, Departamento de Letras Vernáculas, Programa de Pós-graduação em Linguística, Fortaleza (CE), 2016.
URI: http://www.repositorio.ufc.br/handle/riufc/16432
Aparece nas coleções:PPGL - Dissertações defendidas na UFC

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
2016_dis_rspereira.pdf5,26 MBAdobe PDFVisualizar/Abrir


Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.