Please use this identifier to cite or link to this item: http://www.repositorio.ufc.br/handle/riufc/20008
Full metadata record
DC FieldValueLanguage
dc.contributor.authorPordeus Júnior, Ismael de Andrade-
dc.contributor.authorSaraiva, Maria Clara Ferreira de Almeida-
dc.date.accessioned2016-10-05T14:56:38Z-
dc.date.available2016-10-05T14:56:38Z-
dc.date.issued2006-
dc.identifier.citationPordeus Júnior, I. A.; Saraiva, M. C. F. A. (2006)pt_BR
dc.identifier.issn1676-3033-
dc.identifier.urihttp://www.repositorio.ufc.br/handle/riufc/20008-
dc.descriptionPORDEUS JÚNIOR, Ismael de Andrade; SARAIVA, Maria Clara Ferreira de Almeida. Trajetos Revista de História UFC, Fortaleza, v. 4, n. 8, p. 279-289, 2006. Entrevista com Moisés Espírito Santo.pt_BR
dc.language.isopt_BRpt_BR
dc.publisherTrajetos Revista de História UFCpt_BR
dc.subjectEntrevistapt_BR
dc.subjectMoisés Espírito Santopt_BR
dc.subjectRevolução dos cravospt_BR
dc.subjectSociologia ruralpt_BR
dc.subjectReligião popular portuguesapt_BR
dc.subjectEtnologia das religiõespt_BR
dc.titleEntrevista com Moisés Espírito Santopt_BR
dc.typeArticlept_BR
dc.description.abstract-ptbrConheci o professor Moisés Espírito Santo através de seu livro A religião popular portuguesa, quando comecei a estudar o processo de transnacionalização das religiões afro-brasileiras em Portugal, em 1995. Estive com ele, nessa mesma época, em uma rápida conversa, quando fui presenteado com suas publicações do selo Instituto de Sociologia e Etnologia das Religiões da Universidade Nova de Lisboa. Ao longo dos anos passei a dialogar com ele sobre a recomposição do campo religioso português, modificado depois de 25 de abril de 1974, com a chamada Revolução dos Cravos, através de sua vasta bibliografia, em busca de compreensão das práticas religiosas lusas. Moisés Espírito Santo foi um dos primeiros sociólogos portugueses a se debruçar cientificamente e dar inteligibilidade sociológica e etnográfica à cultura tradicional portuguesa. Permanece uma referência nos estudos de Sociologia da Religião em Portugal. Sua primeira especialização voltou-se para a Sociologia Rural, com a monografia Comunidade rural ao norte do Tejo, defendida na França (EHESS), em 1976. Deu continuidade à sua formação, com a Tese de Doutorado La religion paysanne dans le nord du PortugaL, defendida na mesma instituição, em 1979, fruto de pesquisa que resultou na publicação do clássico A religião popular em Portugal. Em seus estudos posteriores, voltou-se para as culturas do Mediterrâneo, a identidade mediterrânica das populações do território português, com as matrizes culturais fenícias/ cananéias/púnicas/cartaginesas comuns a todo seu território, mas com maior incidência no noroeste Português, algumas zonas de Trás-os-Montes e das Beiras. Dessas pesquisas emergiu um livro que causou polêmica com ecos internacionais: Os mouros fatimadas e as aparições de Fátima...pt_BR
Appears in Collections:PPGH - Artigos publicados em revistas científicas

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
2006_art_ipordeusjunior.pdf4,83 MBAdobe PDFView/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.