Use este identificador para citar ou linkar para este item: http://www.repositorio.ufc.br/handle/riufc/21736
Título: Luta por reconhecimento, consideração e direitos nos movimentos paredistas da Polícia Militar do Ceará (1997-2011): um estudo de tramas reivindicatórias no contexto brasileiro
Autor(es): Sá, Leonardo Damasceno de
Sales, Larissa Jucá de Moraes
Silva Neto, Antonio Sabino da
Palavras-chave: Reconhecimento
Movimentos paredistas
Polícia Militar
Data do documento: 2015
Editor: 39º Encontro Anual da ANPOCS
Citação: Sá, L. D.; Sales, L. J. M.; Silva Neto, A. S. (2015)
Resumo: Este artigo discute eventos críticos (DAS, 1995), no campo da segurança pública, envolvendo demandas de direitos das "tropas" da Polícia Militar. Essas tramas reivindicatórias são nacionais e se iniciaram em movimento de contestação do que os atores sociais definiram como "militarismo". Em 1997, o movimento foi desencadeado pela PM de Minas Gerais, evento que obteve forte adesão de tropas de outros 14 estados. No Ceará, houve confronto armado e o Comandante Geral da PM foi baleado. Em 2011, outro movimento paralisou o Ceará, levando ao decreto do estado de emergência e intervenção do Exército. Policiais foram acusados de formar milícias para realizar guerrilha, foi "o dia do medo", com adesão de antigos líderes de 1997...
Descrição: SÁ, Leonardo Damasceno de; SALES, Larissa Jucá de Moraes; SILVA NETO, Antonio Sabino da. Luta por reconhecimento, consideração e direitos nos movimentos paredistas da Polícia Militar do Ceará (1997-2011): um estudo de tramas reivindicatórias no contexto brasileiro. In: ENCONTRO ANUAL DA ANPOCS, 39., 2015, Caxambu. Anais... Caxambu: ANPOCS, 2015, p. 1-23.
URI: http://www.repositorio.ufc.br/handle/riufc/21736
ISSN: 2176-8064
Aparece nas coleções:DCSO - Trabalhos apresentados em eventos

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
2015_eve_ldSa.pdf118,43 kBAdobe PDFVisualizar/Abrir


Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.