Por favor, use este identificador para citar o enlazar este ítem: http://www.repositorio.ufc.br/handle/riufc/28803
Título em portugués: A representação do negro no romance O cortiço
Autor: Galvão, Anderson
Tutor(es): Oliveira, Irenísia Torres de
Palabras clave : História
Cultura afro-brasileira
Teorias raciais
Théories raciales
La culture afro-brésilienne
Fecha de publicación : 2015
Citación : Galvão, A.; Oliveira, I. T. (2015)
Resumen en portugués: O presente trabalho analisa as representações do negro no romance O Cortiço (1890) de Aluísio Azevedo. O Cortiço é o primeiro romance publicado no Brasil, após a abolição, com diversas personagens negras, disso advém a indagação sobre como foram representadas essas personagens no contexto da nova ordem social que se estabelecia. Diversas pesquisas feitas sobre o romance, seja no campo da História, seja no campo da Literatura, abordam a questão do negro como parte das pesquisas, mas não contemplam todas as personagens. As personagens do romance foram criadas com base na observação de sujeitos históricos e o autor procurou representá-las seguindo a estética naturalista. Nesse sentido, a obra é um importante documento histórico, e figura como projeto de nação e alegoria de país. A partir de diferentes estudos feitos sobre as visões do negro no Brasil e na literatura, analisamos o romance de Aluísio Azevedo, relacionando as caracterizações das personagens presentes na trama às questões ideológicas, às visões cientificistas e às práticas culturais vigentes no momento de sua produção. Trabalhamos as personagens negras e suas trajetórias na trama, recuperando a história de negros e negras que viveram no período da abolição, confrontando-a com os assuntos que pautavam as discussões das elites e dos intelectuais no período. As questões de interesse são: a Abolição, o destino dos ex-escravos, a mestiçagem, o imigrantismo, o branqueamento da sociedade, entre outras. Ao intercruzar os assuntos abordados no romance com notícias de jornais, publicações de cunho científico e pesquisa histórica, descortinamos a ideologia do autor, mostrando que a obra possui papel significativo na veiculação de ideias. O romance, lido de modo crítico, traz vários elementos da cultura afro-brasileira o que revela resistência às formas de dominação e contribui para a afirmação e conscientização da população negra brasileira.
Descripción : GALVÃO, Anderson. A representação do negro no romance O cortiço. 2015. 158f. – Dissertação (mestrado) – Universidade Federal do Ceará, Centro de Humanidades, Programa de Pós Graduação em História, Fortaleza (CE), 2015.
URI : http://www.repositorio.ufc.br/handle/riufc/28803
metadata.dc.type: Dissertação
Aparece en las colecciones: PPGH - Dissertações defendidas na UFC

Ficheros en este ítem:
Fichero Descripción Tamaño Formato  
2015_dis_agalvao.pdf2,06 MBAdobe PDFVisualizar/Abrir


Los ítems de DSpace están protegidos por copyright, con todos los derechos reservados, a menos que se indique lo contrario.