Please use this identifier to cite or link to this item: http://www.repositorio.ufc.br/handle/riufc/28967
Title in Portuguese: Tratamento da má oclusão de classe III na dentição mista: relato de caso Fortaleza
Author: Oliveira, Anna Karolyne Pereira de
Advisor(s): Gondim, Juliana Oliveira
Keywords: Ortodontia Interceptora
Dentição Mista
Má Oclusão de Angle Classe III
Issue Date: 2017
Citation: OLIVEIRA, Anna Karolyne Pereira de. Tratamento da má oclusão de classe III na dentição mista: relato de caso Fortaleza. 30 f. 2017. TCC (Trabalho de Conclusão de Curso em Odontologia) - Faculdade de Farmácia, Odontologia e Enfermagem, Universidade Federal do Ceará, Fortaleza, 2017.
Abstract in Portuguese: As más oclusões podem estar presentes devido a alterações dentárias, esqueléticas ou funcionais. Nos casos de má oclusão de Classe III, pode-­se observar retrusão maxilar, protusão mandibular ou uma combinação de ambos. Além disso, pode estar associada à atresia maxilar, geralmente manifestada por mordidas cruzadas anteriores, posteriores, uni ou bilaterais. O tratamento precoce da classe III é considerado um desafio devido à sua etiologia multifatorial e as dificuldades em prever o padrão de crescimento do complexo crânio-­facial. A abordagem precoce apresenta como vantagem principal o fato de maximizar os efeitos esqueléticos, reduzindo a necessidade de tratamento na dentição permanente, em que a camuflagem ortodôntica ou abordagem cirúrgica são as únicas opções. O objetivo do presente trabalho é relatar o caso de um paciente no primeiro período transicional da dentadura mista com má oclusão de classe III, tratado por meio da expansão rápida seguida da tração reversa da maxila. Paciente apresentava padrão braquifacial, perfil reto, retrusão maxilar, protrusão mandibular, mordida cruzada anterior e posterior bilateral. Foi realizada a expansão rápida da maxila com aparelho de Hyrax seguida da sua tração reversa com mascara facial de Petit. Após 15 meses de tratamento foi instalado o aparelho progênico. Pôde-­se observar que a abordagem precoce para tratamento da Classe III foi eficiente na correção da má oclusão, verificando-­se uma melhora na relação maxilo-­mandibular sendo os resultados clínicos considerados bastante satisfatórios.
Abstract: A malocclusion may be present due to dental, skeletal or functional factors. In cases of Class III malocclusion it may be observed maxillary retrusion, mandibular protrusion or a combination of both conditions. Moreover, it may be associated with maxillary constriction, usually manifested as anterior or posterior crossbite, in one side or in two sides. The early treatment of Class III malocclusion may be considered a real challenge to Orthodontists due to its multifactorial etiology and the difficulties in craniomandibular growth pattern prediction. The early treatment has a notable advantage: maximizes the skeletal effects, reducing the need of treatment in permanent dentition, when orthodontic camouflage or surgical approach are the only options available. The purpose of this paper is to present a clinical report of a patient in early mixed dentition period with Class III malocclusion, treated by maxillary rapid expansion combined with reverse pull headgear. The patient presented a brachyfacial type, straight profile, maxillary retrusion, mandibular protusion, anterior and posterior crossbite. Rapid maxillary expansion was performed by using a Hyrax appliance, followed by Petit facemask therapy. After 15 months, a progeny appliance was installed. It was observed that the early approach was efficient to correct the Class III malocclusion, shown by an improvement of the maxilla-­ mandibular relation and the clinical results were considered very satisfactory.
URI: http://www.repositorio.ufc.br/handle/riufc/28967
Appears in Collections:ODONTOLOGIA - Monografia

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
2017_tcc_akpoliveira.pdf9,68 MBAdobe PDFView/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.