Please use this identifier to cite or link to this item: http://www.repositorio.ufc.br/handle/riufc/29869
Title in Portuguese: A arborização das áreas públicas dos bairros de Fortaleza-Ceará é influenciada pelas condições socioeconômicas da população?
Title: The arborization of public areas of the neighborhoods in Fortaleza-Ceará is it influenced by the socioeconomic conditions of the population?
Author: Cordeiro, Hemerson Thiago de Lima
Advisor(s): Loiola, Maria Iracema Bezerra
Keywords: Arborização Urbana
Ecologia aplicada
Qualidade de vida
Issue Date: 2017
Citation: CORDEIRO, H. T. L. (2017)
Abstract in Portuguese: A arborização, no ambiente urbano, desempenha diversos papéis nos ecossistemas das cidades, como redução da poluição atmosférica, visual e sonora; incremento do conforto e da qualidade ambiental e uma melhoria estética. Tendo em vista a necessidade de conhecer melhor a flora que cobre o espaço urbano, o estudo teve como objetivo realizar o inventário quali-quantitativo das árvores e arbustos de áreas públicas de seis bairros da cidade de Fortaleza-CE, Nordeste do Brasil. Em um universo de 119 bairros, foram selecionados: Jardim Iracema, Praia de Iracema, João XXIII, Itaoca, Jardim Cearense e Curió. Em campo, a amostragem total das áreas públicas dos bairros selecionados com georreferenciamento dos indivíduos encontrados foi o método utilizado para o levantamento de dados. Constatou-se que a flora arbustivo-arbórea dos bairros selecionados é constituída por um total de 103 espécies, pertencentes a 37 famílias. Ao todo foram registrados 3971 indivíduos, sendo 89,12% de espécies exóticas e 10,22% de espécies nativas. As famílias que se destacaram com maior diversidade de espécies foram Fabaceae (18), seguida por Arecaceae (10), Bignoniaceae (8), Apocynaceae (6) e Malvaceae (6). Ficus benjamina L. e Azadirachta indica A. Juss, que são elevadas em relação aos outros indivíduos, totalizando cerca de 54,4% dos indivíduos amostrados. O bairro Jardim Iracema apresentou a maior quantidade de indivíduos, enquanto o João XXIII a maior diversidade, o bairro Itaoca a menor diversidade de espécies e o Curió a menor abundância. A baixa diversidade de árvores, junto de grande dominância de espécies exóticas, sugere um processo de urbanização desordenado, muitas vezes precedidos por várias supressões e substituições da cobertura vegetal original, acarretando grandes perdas biológicas e ecológicas aos ecossistemas das cidades. Por fim, ao comparar os resultados florísticos aos dados socioeconômicos foi possível traçar uma correlação entre a qualidade de vida da população de um bairro e sua arborização. Portanto, a inserção do fator social e econômico amplia a discussão da questão ambiental, pois fornece um fator determinante para as políticas públicas de gestão dos recursos naturais urbanos, além de subsidiar cientificamente novos planos de manejo mais adequados associados à realidade de cada bairro.
Abstract: Arborization, in the urban environment, plays several roles in the ecosystems of cities, such as reducing air, visual and noise pollution; increased comfort and environmental quality and an aesthetic improvement. Considering the need to know better the flora that covers the urban space, the study had as objective to carry out the qualitative-quantitative inventory of trees and shrubs of public areas of six districts of the city of Fortaleza-CE, Northeast of Brazil. In a universe of 119 neighborhoods, were selected: Jardim Iracema, Praia de Iracema, João XXIII, Itaoca, Jardim Cearense and Curió. In the field, the total sampling of the public areas of the selected neighborhoods with georeferencing of the individuals found was the method used for data collection. It was verified that the shrub-tree flora of the selected districts is constituted by a total of 103 species, belonging to 37 families. In total, 3971 individuals were registered, being 89.12% of exotic species and 10.22% of native species. The families that stood out with the greatest diversity of species were Fabaceae (18), followed by Arecaceae (10), Bignoniaceae (8), Apocynaceae (6) and Malvaceae (6). Ficus benjamina L. and Azadirachta indica A. Juss, which are high in relation to the other individuals, totaling about 54.4% of the individuals sampled. The Jardim Iracema neighborhood had the largest number of individuals, while the João XXIII had the greatest diversity, the Itaoca neighborhood had the lowest diversity of species and the Bullfinch had the lowest abundance. The low diversity of trees, along with a great dominance of exotic species, suggests a process of disordered urbanization, often preceded by several suppressions and substitutions of the original vegetal cover, causing great biological and ecological losses to the ecosystems of the cities. Finally, when comparing floristic results to socioeconomic data, it was possible to draw a correlation between the quality of life of the population of a neighborhood and its afforestation. Therefore, the insertion of the social and economic factor broadens the discussion of the environmental issue, since it provides a determining factor for public policies for the management of urban natural resources, besides scientifically subsidizing new management plans more appropriate to the reality of each neighborhood.
Description: CORDEIRO, Hemerson Thiago de Lima. A arborização das áreas públicas dos bairros de Fortaleza-Ceará é influenciada pelas condições socioeconômicas da população? 2017. 118 f. Dissertação (Mestrado em Desenvolvimento e Meio Ambiente) - Universidade Federal do Ceará, Fortaleza, 2017.
URI: http://www.repositorio.ufc.br/handle/riufc/29869
metadata.dc.type: Dissertação
Appears in Collections:PRODEMA - Dissertações defendidas na UFC

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
2017_dis_htlcordeiro.pdf7,05 MBAdobe PDFView/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.