Please use this identifier to cite or link to this item: http://www.repositorio.ufc.br/handle/riufc/3101
Full metadata record
DC FieldValueLanguage
dc.contributor.advisorDamasceno, Maria Nobre-
dc.contributor.authorBandeira, João Tancredo Sá-
dc.date.accessioned2012-07-09T14:38:48Z-
dc.date.available2012-07-09T14:38:48Z-
dc.date.issued2006-
dc.identifier.citationBandeira, J. T. S.; Damasceno, M. N. (2006)pt_BR
dc.identifier.urihttp://www.repositorio.ufc.br/handle/riufc/3101-
dc.descriptionBANDEIRA, João Tancredo Sá. Conselho Tutelar: espaço público de exercício da democracia participativa e seus paradoxos. 2006. 216f. Dissertação (Mestrado em Educação) - Universidade Federal do Ceará, Faculdade de Educação, Programa de Pós-graduação em Educação, Fortaleza-CE, 2006.pt_BR
dc.language.isopt_BRpt_BR
dc.publisherhttp://www.teses.ufc.brpt_BR
dc.subjectAdministração municipal-Fortaleza (CE) - participação do cidadãopt_BR
dc.subjectParticipação social - Fortaleza(CE)pt_BR
dc.subjectParticipação política - Fortaleza(CE)pt_BR
dc.subjectConselho Municipal de Defesa dos Direitos da Criança e do Adolescente (Fortaleza,CE)pt_BR
dc.titleConselho Tutelar: espaço público de exercício da democracia participativa e seus paradoxospt_BR
dc.typeDissertationpt_BR
dc.description.abstract-ptbrA presente pesquisa, enfoca investigação do Conselho Tutelar - CT, em Fortaleza, e analisa a atuação da sociedade civil, nesse espaço público de controle social do Estado, a partir das contradições sociais aguçadas no contexto da reestruturação do capital. Privilegia estudos que mesclam abordagem estrutural com a apreensão do cotidiano, para estabelecer aproximações da realidade social. Dedica-se a conhecer a estrutura, o funcionamento, as competências do CT e, sobretudo, suas formas de organização e de atuação, para saber das ações e relações por ele desenvolvidas e, nesse sentido, analisar paradoxos e perspectivas atuais da democracia no Brasil, frente aos limites e desafios da política e da participação social. Desenvolve estudos no campo da pesquisa qualitativa, tendo o materialismo histórico como quadro teórico básico. Elege a teoria crítica como eixo norteador para a fundamentação teórica, por entende-la capaz de enfrentar a dinâmica da realidade social num contexto histórico determinado, que, se movem por acirradas disputas ideológicas e profundas contradições sociais. Especificamente busca nas contribuições do pensador italiano Antônio Gramsci e do educador brasileiro Paulo Freire, aprofundar análises que enfocam a problemática e suas temáticas numa compreensão totalizadora de sociedade, priorizando como categorias do debate: democracia, sociedade civil, direitos sociais e cidadania. Nesse sentido, recorre à metodologia dialética para investigar o movimento entre a parte e o todo, apoiando-se em três instrumentos de coleta de dados: análise documental, observação participante e entrevistas semi-estruturada, para efetivar dinâmica interpretação do conhecimento adquirido, por meio de triangulação das informações coletadas. O problema central da investigação vai preocuparse e tentar avançar na discussão sobre a participação da sociedade civil nas lutas por direitos para a criança e o adolescente, no espaço público do Conselho Tutelar I, tendo o Estatuto da Criança e do Adolescente – ECA, como inovadora referência para transformações sociais, neste campo de atuação.pt_BR
Appears in Collections:PPGEB - Dissertações defendidas na UFC

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
2006_dis_jtsbandeira.pdf3,52 MBAdobe PDFView/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.