Please use this identifier to cite or link to this item: http://www.repositorio.ufc.br/handle/riufc/31128
Title in Portuguese: Divergência Genética em Anthurium affine Schott por Meio de Descritores Morfoagronômicos
Title: Genetic Divergence in Anthurium affine Schott by Morphoagronomic Descriptors
Author: Soares, Nazaré Suziane
Advisor(s): Silva, Júlio César do Vale
Co-advisor(s): Castro, Ana Cecília Ribeiro de
Keywords: Caracterização de germoplasma.
Análise multivariada
Floricultura tropical.
Issue Date: 2017
Citation: SOARES, N. S. (2017)
Abstract in Portuguese: A introdução de novas espécies no mercado ornamental é fundamental para a conservação dos recursos genéticos, suprindo ainda a necessidade de inovação que o mercado busca. Além disso, o estudo da diversidade genética é importante tanto na gestão, quanto no uso do germoplasma conservado, direcionando trabalhos de melhoramento genético. Diante do exposto, objetivou-se com esse estudo: (i) estimar a divergência genética em Anthurium affine Schott; (ii) caracterizar uma progênie de meios-irmãos; (iii) indicar os descritores mais relevantes para a divergência dessa progênie e (iv) identificar os indivíduos mais promissores para uso ornamental. Foram avaliados 21 indivíduos meios-irmãos de A. affine selecionados do Banco Ativo de Germoplasma de Flores e Plantas Ornamentais da Embrapa. As avaliações foram realizadas com base nos descritores: altura da planta (ALP), largura do dossel (LDO), hábito de crescimento (CFL), número de folhas (NFL), comprimento do limbo (CLI), largura do limbo (LLI), comprimento do pecíolo (CPE), diâmetro do pecíolo (DPE) e ondulação do limbo (OLI). Além disso, foram avaliados a aparência geral (BEL) e a taxa de recobrimento do solo (RSO) por meio de notas. Os dados foram analisados utilizando o método de agrupamento de UPGMA para a avaliação da divergência genética. As análises de componentes principais e da correlação dos caracteres foram usadas para a seleção dos descritores mais relevantes. Um sistema de pontuação foi usado para determinar os indivíduos mais adequados como plantas ornamentais com base na ALP, RSO, NFL, OLI e CFL. No dendrograma houve a formação de cinco grupos e o grupo IV (06, 08, 09, 12 e 18) foi o de melhor desempenho nos caracteres observados. Dentre os descritores analisados, observou-se que os descritores relacionados ao tamanho da folha e da planta estão correlacionados entre si, assim como o CPE com o RSO e CFL. Os descritores CFL, BEL e RSO foram os que mais contribuíram para a divergência das plantas, portanto, importantes na avaliação da progênie. Os indivíduos 06, 08, 13, 16 e 18 foram as que apresentaram melhor desempenho na pré-seleção pelo critério de notas, sendo os mais promissores para uso ornamental.
Abstract: The introduction of new species to the ornamental market is fundamental to the conservation of genetic resources, while still supplying the need for innovation that the market is seeking. In addition, the study of genetic diversity is important both in the management, as in the use of conserved germplasm, directing also breeding programs. Based on the above, the objective of this study was: (i) to estimate the genetic divergence in Anthurium affine Schott; (ii) to characterize a half-sib progeny; (iii) to indicate the most relevant descriptors for the divergence of this progeny and (iv) to identify the most promising individuals for use as ornamental plants. Twenty-one half-sib individuals of A. affine were selected from the Flowers and Ornamental Plants Germplasm Active Bank of Embrapa. Evaluations were performed based on the descriptors: plant height (ALP), canopy width (LDO), growth habit (CFL), number of leaves (NFL), limb length (CLI), limb width (LLI), petiole length (CPE), petiole diameter (DPE) and limb undulation (OLI). Additionally, general appearance (BEL) and soil cover rate (RSO) were evaluated through scoring inference. The data were analyzed using the UPGMA grouping method for the evaluation of genetic divergence. The principal component analysis and correlation of the descriptors were used to select the most relevant descriptors. A scoring system was used to determine the most suitable individuals as ornamental plants based on ALP, occupation area of the plant (AOP), NFL, OLI and CFL. In the dendrogram, five groups were obtained, and group IV (06, 08, 09, 12 and 18) was highlighted as the group with the best performance in the characters observed. Among the analyzed descriptors, it was observed that the descriptors related to leaf and plant size are correlated as well as CPE with RSO and CFL. The CFL, BEL and RSO descriptors contributed the most in plant divergence, being important in evaluating progeny diversity. The individuals 06, 08, 13, 16 and 18 were the ones that presented the best performance in pre-selection by scoring points.
Description: SOARES, Nazaré Suziane. Divergência Genética em Anthurium affine Schott por Meio de Descritores Morfoagronômicos. 2017. 53 f. Monografia (Graduação em Agronomia)-Universidade Federal do Ceará, Fortaleza, 2017.
URI: http://www.repositorio.ufc.br/handle/riufc/31128
metadata.dc.type: TCC
Appears in Collections:AGRONOMIA - Monografias

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
2017_tcc_nssoares.pdf3,52 MBAdobe PDFView/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.