Use este identificador para citar ou linkar para este item: http://www.repositorio.ufc.br/handle/riufc/3161
Título: O trabalho com projetos e o desenvolvimento profissional dos professores de educação infantil
Título em inglês: The project work and professional development of teachers in early childhood education
Autor(es): LEITÃO, Fátima Maria Araújo Saboia
Orientador(es): CRUZ, Sílvia Helena Vieira
Palavras-chave: Educação infantil de qualidade
Formação de professores de educação infantil
Trabalho com projetos
Desenvolvimento profissional
Quality early childhood education
Teacher training in early childhood education
Project work
Professional development
Professores de educação pré-escolar - Formação - Fortaleza(CE)
Professores de educação pré-escolar - Educação(Educação permanente) - Fortaleza(CE)
Professores de educação pré-escolar - Fortaleza(CE) - Atitudes
Educação pré-escolar - Fortaleza(CE) - Projetos
Data do documento: 2011
Editor: www.teses.ufc.br
Citação: LEITÃO, F. M. A. S. ; CRUZ, S. H. V. (2011)
Resumo: Esta tese buscou analisar as possibilidades de o trabalho com projetos constituir estratégia de formação continuada e contribuir para o desenvolvimento profissional dos professores da Educação Infantil. Procurou-se identificar de que forma o trabalho com projetos tanto pode contribuir para que em sua prática educativa, o professor se torne mais sensível para atender melhor as crianças estimule mais adequadamente as suas aprendizagens e lhes propicie maior autonomia como também para que ele se torne mais sensível às suas próprias demandas desenvolva a sua autonomia e amplie os seus conhecimentos. Também foi propósito deste trabalho investigar que fatores influenciam para que a realização do trabalho com projetos contribua para o desenvolvimento profissional dos professores de Educação Infantil. As análises sobre o desenvolvimento profissional e formação de professores fundamentam-se nos estudos de Oliveira-Formosinho (1998, 2001, 2003, 2009); Dewey (1976, 1978) Nóvoa (1995) Imbernón (2009) e Gomes (2009) e sobre o trabalho com projetos baseiam-se em Dewey (1978) Kilpatrick (2005) Barbosa e Horn (2008) Hernandèz (1998) e Oliveira-Formosinho (2002, 2007). Trata-se de uma pesquisa qualitativa do tipo pesquisa-ação também denominada intervenção (ANDRÉ, 1995) com professoras da rede pública de Fortaleza que mediante intervenção realizada vivenciaram elas próprias um projeto e posteriormente desenvolveram projetos junto às suas crianças. A coleta dos dados se deu por meio de técnicas como observações e entrevistas e de instrumentos como a Escala de Empenhamento do Adulto e questionários. Os dados foram registrados no diário de campo vídeo filmagens e fotos. Os achados desse estudo apontam que as oportunidades de formação têm mais chance de acontecer quando o trabalho com projetos constitui um processo formativo. As professoras em diferentes níveis de envolvimento desenvolveram com relação às crianças atitudes de empenho referentes à sensibilidade no sentido de se esforçarem para “prestar atenção” e ouvir as crianças à estimulação da aprendizagem das crianças na proposição de atividades desafiadoras e à sua autonomia nas oportunidades de experimentação oferecidas. Também desenvolveram, com relação a elas próprias atitudes de empenho relacionadas à sensibilidade, na atenção dada às suas necessidades e desejos de aprender sobre projetos à estimulação na intenção de se envolverem nas leituras na busca de informações e ideias para as atividades e à autonomia nas ocasiões de escolher e decidir como realizar essas atividades. Reviram posições acerca das expectativas de aprendizagem das crianças menores e as de escolas públicas ao desenvolver projetos e repensaram sobre a participação da família nos projetos. As professoras estranharam a postura protagonista exigida no planejamento e realização das ações referentes ao projeto. Fatores relacionados ao contexto de trabalho e às condições organizacionais como formação na própria instituição participação da coordenadora no grupo de formação orientação de uma formadora e disponibilidade de recursos materiais contribuíram com os esforços de desenvolvimento das professoras. Ficou evidenciado que o pouco tempo destinado à formação o descumprimento de acordos com relação ao tempo e espaço destinados às formações e o distanciamento entre a gestão e as professoras desencorajaram esses esforços.
Abstract: This thesis investigates the possibilities of working with projects in order to provide training strategy and contribute to the continuous professional development for teachers of Early Childhood Education. It soughts to identify how the project work can contribute for making the teachers become more sensitive in their educational practice as to better serve children, stimulate their learning more effectively and allow them greater autonomy, but also for making them become more sensitive to their own needs, develop their autonomy and expand their knowledge. The purpose of this study was also to investigate what factors influence to the completion of project work to contribute to the professional development of kindergarten teachers. The analysis of professional development and teacher training are based on studies of Oliveira-Formosinho (1998, 2001, 2003, 2009), Dewey (1976, 1978), Nóvoa (1995), Imbernon (2009) and Gomes (2009) and of working with projects is based on Dewey (1978), Kilpatrick (2005), Barbosa & Horn (2008), Hernandèz (1998) and Oliveira-Formosinho (2002, 2007).This is a qualitative research, like action research, also called intervention (ANDRE 1995), with teachers from public schools in Fortaleza. Through intervention, these teachers experienced a project and later developed their own projects with their pupils. Data collection was done through techniques such as interviews and observations and instruments such as the Adult Engagement Scale and questionnaires. Data were recorded in the diary, video footage and pictures. Our findings indicate that training opportunities are more likely to happen when the project work is a formative process. The teachers, at different levels of involvement, developed, regarding the children, attitudes concerning the sensitivity of commitment, strove to “pay attention to” and listen to the children, to stimulate their learning by the proposition of challenging activities and their independence, in the opportunities for experimentation offered. They also developed, to themselves, attitudes related to the sensitivity of commitment, by paying attention to their needs and desires to learn about projects; as well as attitudes related to stimulation, by intending to engage in readings, in search of information and ideas for activities; and to autonomy, on the occasions of choosing and deciding how to accomplish these activities. These teachers revised positions about the learning expectations of younger children and public schools in order to develop projects and rethought the family participation in projects. The teachers were surprised at the protagonist attitude required in the planning and implementation of actions for the project. Factors related to the workplace and organizational conditions, such as training in the institution, the participation of the coordinator in group training; guidance of a trainer and availability of material resources contributed to the development efforts of the teachers. It was evident that the little time for training, the breach of agreements with respect to time and space allocated to training and the gap between management and the teachers have discouraged such efforts.
Descrição: LEITÃO, Fátima Maria Araújo Saboia. O trabalho com projetos e o desenvolvimento profissional dos professores de educação infantil. 2011. 260f. Tese (Doutorado em Educação) – Universidade Federal do Ceará, Faculdade de Educação, Programa de Pós-Graduação em Educação Brasileira, Fortaleza-CE, 2011.
URI: http://www.repositorio.ufc.br/handle/riufc/3161
Aparece nas coleções:PPGEB - Teses defendidas na UFC

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
2011_Tese_ FMASLEITAO.pdf1,54 MBAdobe PDFVisualizar/Abrir


Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.