Please use this identifier to cite or link to this item: http://www.repositorio.ufc.br/handle/riufc/32140
Full metadata record
DC FieldValueLanguage
dc.contributor.advisorMatos, Kelma Socorro Lopes de-
dc.contributor.authorCastro, Lívia Maria Duarte de-
dc.date.accessioned2018-05-23T11:09:58Z-
dc.date.available2018-05-23T11:09:58Z-
dc.date.issued2018-
dc.identifier.citationCASTRO, Livia Maria Duarte de. Cultura de paz, extensão e formação de educadores: práticas de educação para a paz. 2018. 156f. - Tese (Doutorado) - Universidade Federal do Ceará, Programa de Pós-graduação em Educação, Fortaleza (CE), 2018.pt_BR
dc.identifier.urihttp://www.repositorio.ufc.br/handle/riufc/32140-
dc.description.abstractThis study had as object Peace Education practices that occurred from the formation in Culture of Peace of the educators belonging to the municipal public education network of Fortaleza, who acted as technicians, trainers and coordinators of the modality of Youth Education and Adults. It was sought to contribute with training in Culture of Peace, through theoretical and practical knowledge, with new initiatives and actions aimed at the promotion of this culture. In this sense, the objective of the study was to investigate how the possibilities of practices for an Education for Peace are developed from the formative process. We are based on the theoretical support of authors such as Jares (2002, 2007), Guimarães (2005, 2006) and Matos (2008, 2010, 2011, 2014, 2015, 2016), who discuss the theme in question. Among the research possibilities related to the qualitative approach, we use action research (THIOLLENT, 1988). We also add to the workshop methodology a resource that favors better dialogues and experiences, thus facilitating theoretical understanding and, also, distance education through the use of a virtual learning environment, and other tools associated with new technologies. As a methodological procedure, we used the participant observation technique, having as instruments of questionnaire collection, interviews and field diary records during monthly and distance training. The results indicate that the training provided contributed to a theoretical and practical learning, which reverberated in concrete actions in three districts of education. The research pointed out that it is necessary to think and, above all, to seek the implementation of permanent actions and policies aimed at the development of actions aimed at promoting peace. It was pointed out that such work favors learning that stimulates transformative actions in educational spaces, and also in the way we come to act in the world. We emphasize that exchanges were valuable during the unfolding of the actions, but especially in the formative process, in which we were able to record the participants' conceptual understandings and elaborations about the theme.pt_BR
dc.language.isopt_BRpt_BR
dc.subjectCultura de pazpt_BR
dc.subjectFormação de Professorespt_BR
dc.subjectEducação para a pazpt_BR
dc.subjectTraining of educatorspt_BR
dc.subjectEducation for peacept_BR
dc.titleCultura de paz, extensão e formação de educadores: práticas de educação para a pazpt_BR
dc.typeThesispt_BR
dc.description.abstract-ptbrEste estudo teve como objeto práticas de Educação para a Paz que ocorreram a partir da formação em Cultura de Paz dos educadores pertencentes à rede pública municipal de ensino de Fortaleza, os quais atuavam desempenhando a função de técnicos, formadores e coordenadores da modalidade Educação de Jovens e Adultos. Buscou-se contribuir com formação em Cultura de Paz, por meio de conhecimento teórico e prático, com novas iniciativas e ações voltadas à promoção dessa cultura. Nesse sentido, o objetivo do estudo foi investigar como se desenvolvem, a partir do processo formativo, as possibilidades de práticas para uma Educação para a Paz. Fundamentamo-nos por meio do apoio teórico de autores, como Jares (2002, 2007), Guimarães (2005, 2006) e Matos (2008, 2010, 2011, 2014, 2015, 2016), que discutem sobre a temática em questão. Dentre as possibilidades de pesquisa relacionadas ao enfoque qualitativo, utilizamos a pesquisa-ação (THIOLLENT, 1988). Agregamos, também, à metodologia de oficinas, um recurso que favorece melhores diálogos e vivências, facilitando, assim, a compreensão teórica e, ainda, a educação a distância por meio do uso de um ambiente virtual de aprendizagem, e de outras ferramentas associadas às novas tecnologias. Como procedimento metodológico, lançamos mão da técnica observação participante, tendo como instrumentos de coleta questionário, entrevista e registros do diário de campo durante a formação mensal e a distância. Os resultados obtidos indicam que a formação realizada contribuiu para uma aprendizagem teórica e prática, as quais reverberaram em ações concretas em três distritos de educação. A pesquisa apontou ser necessário pensarmos e, sobretudo, buscarmos a efetivação de ações e políticas permanentes que visem ao desenvolvimento das ações voltadas à promoção da paz. Destacou-se que tal trabalho favorece aprendizagens que estimulam ações transformadoras nos espaços educativos, e, também, na maneira que passamos a atuar no mundo. Ressaltamos que foram valiosas as trocas durante o desdobramento das ações, mas, em especial, no processo formativo, no qual pudemos registrar as compreensões e elaborações conceituais dos participantes acerca da temática.pt_BR
Appears in Collections:PPGEB - Teses defendidas na UFC

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
2018_tese_lmddecastro.pdf1,93 MBAdobe PDFView/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.