Use este identificador para citar ou linkar para este item: http://www.repositorio.ufc.br/handle/riufc/32190
Registro completo de metadados
Campo DCValorIdioma
dc.contributor.advisorDallago, Maria Lúcia Lopes-
dc.contributor.authorNóbrega, José Wilson Menezes da-
dc.date.accessioned2018-05-23T14:41:13Z-
dc.date.available2018-05-23T14:41:13Z-
dc.date.issued1990-
dc.identifier.citationNóbrega, J. W. M.; Dallago, M. L. L. (1990)pt_BR
dc.identifier.urihttp://www.repositorio.ufc.br/handle/riufc/32190-
dc.descriptionNÓBREGA, José Wilson Menezes da. Estudo do estádio de raciocínio formal em alunos do 1º Ciclo de Ciências da UFC, que cursam a disciplina Biologia Geral I. 1990. 63f. Dissertação (Mestrado) - Universidade Federal do Ceará, Programa de Pós-graduação em Educação, Fortaleza (CE), 1990.pt_BR
dc.language.isopt_BRpt_BR
dc.subjectNível de raciocínio formalpt_BR
dc.subjectEstádio cognitivo dos estudantespt_BR
dc.subjectTeste cognitivopt_BR
dc.subjectTeste de raciocínio formalpt_BR
dc.titleEstudo do estádio de raciocínio formal em alunos do 1º Ciclo de Ciências da UFC, que cursam a disciplina Biologia Geral Ipt_BR
dc.typeDissertationpt_BR
dc.description.abstract-ptbrO presente estudo aborda o nível de raciocínio formal dos estudantes do 1º Ciclo de Ciências da Universidade Federal do Ceará, matriculados pela primeira vez na disciplina Biologia Geral. Para determinação do estádio cognitivo dos estudantes, utilizou-se um teste com conteúdo biológico e um outro teste formulado por Longeot para medida de raciocínio formal utilizando, tarefas piagetianas. Observando-se o curso dos sujeitos da amostra classificada no nível formal, verifica-se que 12 (46%), desses sujeitos ou são dos cursos de Medicina ou de Odontologia, 9 (35%) são de um dos cursos de Engenharia e os restantes distribuindo-se pelos cursos de Farmácia (2), Psicologia (1) e Geografia (1). Verifica-se também que a idade desses sujeitos varia no intervalo de 17 a 20 anos, com média de idade de 18,6 anos, enquanto os demais sujeitos da amostra apresentam idades no intervalo de 17 a 44 anos e com idade média igual a 21 anos. - Outra observação relativa aos sujeitos da amostra que trabalham constatou que entre os 25 sujeitos da amostra somente 2 se situam no estádio de pensamento formal. As evidências aqui apresentadas recomendam um modelo instrucional e curricular, voltado para o nível de pensamento dos alunos ,uma vez que a maioria ainda tem dificuldades de operacionalizar operações que exijam o pensamento formal.pt_BR
Aparece nas coleções:PPGEB - Dissertações defendidas na UFC

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
1990_dis_jwmnobrega.pdf32,71 MBAdobe PDFVisualizar/Abrir


Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.