Please use this identifier to cite or link to this item: http://www.repositorio.ufc.br/handle/riufc/33442
Full metadata record
DC FieldValueLanguage
dc.contributor.advisorPereira, Ricardo Antonio de Castro-
dc.contributor.authorLúcio, Francisco Germano Carvalho-
dc.date.accessioned2018-07-05T18:47:34Z-
dc.date.available2018-07-05T18:47:34Z-
dc.date.issued2014-
dc.identifier.citationLÚCIO, Francisco Germano Carvalho. Educação básica, capital humano e crescimento econômico: uma análise para os estados brasileiros no período de 2005 a 2013. 2014. 50 f. TCC (graduação em Ciências Econômicas) - Universidade Federal do Ceará, Faculdade de Economia, Administração, Atuária e Contabilidade, Fortaleza/CE, 2014.pt_BR
dc.identifier.urihttp://www.repositorio.ufc.br/handle/riufc/33442-
dc.description.abstractThis study intends to analyze the influence of basic education in human capital and this in economic growth in Brazilian states from 2005 to 2013. This framework necessitates the use of panel data models. The model was used by Mankiw, Romer and Weil (1992). It uses the physical capital stock, labor, human capital stock and a technological parameter as factors of production. We used the Basic Education Development Index (IDEB) aims to put the quality of basic education in the human capital proxy. The Hausman test and the Breush-Pagan test pointed to the use of random effects relatively fixed effects and pooled, respectively. It was found that the model adopted was adequate to the proposed objective. Thus, has been achieved the expected, the Basic education influences in human capital and this in the economic growth of the Brazilian states.pt_BR
dc.language.isopt_BRpt_BR
dc.subjectDesenvolvimento econômicopt_BR
dc.subjectCapital humanopt_BR
dc.subjectEducação de base - Brasilpt_BR
dc.titleEducação básica, capital humano e crescimento econômico: uma análise para os estados brasileiros no período de 2005 a 2013pt_BR
dc.typeTCCpt_BR
dc.description.abstract-ptbrO presente estudo objetiva analisar a influência da educação básica no capital humano e deste no crescimento econômico dos estados brasileiros no período de 2005 a 2013. O recorte do trabalho conduz à utilização de modelos de dados em painel. O modelo utilizado foi o de Mankiw, Romer e Weil (1992). Este utiliza estoque de capital físico, força de trabalho, estoque de capital humano e nível tecnológico como fatores de produção. Utilizou-se o Índice de Desenvolvimento da Educação Básica – IDEB para inserir a qualidade da educação básica na proxy de capital humano. O teste de Hausman e o de Breush-Pagan apontaram para a utilização de efeitos aleatórios em relação a efeitos fixos e pooled, respectivamente. O modelo adotado mostrou-se adequado para o objetivo proposto. Assim, atingiu-se o esperado, a educação básica influencia no capital humano e este no crescimento econômico dos estados brasileiros.pt_BR
Appears in Collections:CIÊNCIAS ECONÔMICAS - Monografias

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
2014_tcc_fgclúcio.pdf746,02 kBAdobe PDFView/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.