Please use this identifier to cite or link to this item: http://www.repositorio.ufc.br/handle/riufc/35386
Full metadata record
DC FieldValueLanguage
dc.contributor.advisorNunes, Ana Bárbara de Araújo-
dc.contributor.authorMarques, Leonardo da Cunha-
dc.date.accessioned2018-09-01T11:46:57Z-
dc.date.available2018-09-01T11:46:57Z-
dc.date.issued2016-
dc.identifier.citationMARQUES. L. da C. (2016)pt_BR
dc.identifier.urihttp://www.repositorio.ufc.br/handle/riufc/35386-
dc.descriptionMARQUES, Leonardo da Cunha. Análise da eficiência do tratamento em reatores UASB em Fortaleza – CE. 2016. 61 f. Monografia (Graduação em Engenharia Ambiental)-Universidade Federal do Ceará, Fortaleza, 2016.pt_BR
dc.description.abstractThe municipality of Fortaleza has several sewage treatment stations in operation which have operational problems that represent risk of pollution to the water environments that are receiving these treated effluents. In this way, there is a need for constant monitoring the pollution degree and assess compliance with environmental legislation. The aim of this study was to analyze the efficiency and compliance of 19 stations situated in Fortaleza and that are operating with UASB technology. For such, 1770 monthly data entries were obtained with Cagece and analyzed for the period of January 2013 to July 2015. The following parameters were analyzed: chemical oxygen demand (COD, affluent and effluent), Total suspended solids (TSS, effluents), pH (effluent) and E. coli (effluent). It was observed that the environmental compliance is in deficit, noting the following percentages of samples within the standards: 21% for COD, 11% for TSS, 100% for pH and 52% for E. coli. For the COD parameter was calculated an average removal efficiency of 50%. Visits were carried out at two stations, one with high treatment efficiency and another with low efficiency, in order to perform a comparison between the extremes found in the study. Finally, improvements were suggested to be performed by the company responsible, as an increase in the number of tests and installation of flow meterspt_BR
dc.language.isopt_BRpt_BR
dc.subjectÁgua - Poluiçãopt_BR
dc.subjectEsgotospt_BR
dc.subjectDigestão anaeróbiapt_BR
dc.subjectDireito ambientalpt_BR
dc.subjectEstação de tratamento de esgotospt_BR
dc.subjectUASBpt_BR
dc.subjectEficiênciapt_BR
dc.titleAnálise da eficiência do tratamento em reatores UASB em Fortaleza–CEpt_BR
dc.typeTCCpt_BR
dc.description.abstract-ptbrO município de Fortaleza possui diversas estações de tratamento de esgotos em funcionamento, estações estas que apresentam problemas operacionais que representam riscos de poluição aos corpos receptores dos efluentes tratados. Desta forma, existe a necessidade de uma fiscalização constante para acompanhar o grau de poluição e avaliar o atendimento à legislação ambiental. O objetivo deste estudo foi analisar a eficiência e o atendimento à legislação de 19 estações situadas em Fortaleza e que operam com a tecnologia UASB. Para tal, foram analisados 1.770 dados mensais de qualidade obtidos junto à Cagece, referentes ao período de janeiro de 2013 a julho de 2015. Foram analisados os seguintes parâmetros: Demanda Química de Oxigênio (DQO, afluente e efluente), Sólidos Suspensos Totais (SST, efluente), pH (efluente) e E. coli (efluente). Foi observado que o atendimento à legislação ambiental está deficitário, observando as seguintes porcentagens de amostras dentro dos padrões: 21% para DQO, 11% para SST, 100% para pH e 52% para E. coli. Para o parâmetro DQO, foi calculado uma eficiência de remoção média de 50%. Foram realizadas visitas em duas estações, uma com alta eficiência de tratamento e outra com baixa eficiência, com o intuito de realizar uma comparação entre os extremos encontrados no estudo. Por fim, foram sugeridas melhorias a serem realizadas pela companhia responsável, como aumento do número de testes e instalação de medidores de vazão.pt_BR
Appears in Collections:ENGENHARIA AMBIENTAL - Monografias

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
2016_tcc_lcmarques.pdf4,88 MBAdobe PDFView/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.