Please use this identifier to cite or link to this item: http://www.repositorio.ufc.br/handle/riufc/37848
Full metadata record
DC FieldValueLanguage
dc.contributor.advisorAmora, Kleber Carneiro-
dc.contributor.authorCarvalho, Alanny Nayra Alexandre-
dc.date.accessioned2018-12-03T19:15:41Z-
dc.date.available2018-12-03T19:15:41Z-
dc.date.issued2018-
dc.identifier.citationCARVALHO, Alanny Nayra Alexandre. Formação moral: Uma reflexão sobre o processo pedagógico na filosofia kantiana. 2018. 115f. Dissertação (Mestrado em Filosofia) - Universidade Federal do Ceará, Fortaleza, 2018.pt_BR
dc.identifier.urihttp://www.repositorio.ufc.br/handle/riufc/37848-
dc.description.abstractThe education is something essential at life of human being, and from this perspective we understand its value, since we identify that it is through it that we can achieve a state of higher nature, in other words, a moral state. This thought gains prominence in the ethics of the philosopher Immanuel Kant (1724-1804), who privileged his studies about reason and how through it man can come to know, therefore he develops a theory of knowledge, from which the reason becomes effective in the subject as a form of knowledge through sensibility and understanding, where this rational knowledge, in turn, is worked on in man by education, in which he will promote the use of reason as the foundation of moral action. Thus, this research aims to demonstrate the relationship between education and moral formation in the light of Immanuel Kant's thinking, elucidating the path that the philosopher proposes through his pedagogy for the man’s moral formation. Which addresses from the presuppositions of morality to the effectiveness of it. As main methodological source will be done the inquiry of the work About the Pedagogy, also considering, the inclusion of other relevant texts of the author in the present research. Kant, bothered with some fundamentals of his time, criticized the society and education inserted in it, warning that it should lead the man to his autonomy, his freedom, in other words, should lead man to act according to his maxims for good, developing him as a rational being, not just considering him as being passive of an imposed society. Certainly, through this research, we identify the relevance of the educational process, therefore, it is incumbent not only to broaden the forms of knowledge, as well as the responsibility of forming autonomous, enlightened and moral citizens. Thus, the theory of education proposed by Kant sees education as a favorable means for effecting morality in the individual.pt_BR
dc.language.isopt_BRpt_BR
dc.subjectEducaçãopt_BR
dc.subjectFormaçãopt_BR
dc.subjectMoralidadept_BR
dc.subjectHomempt_BR
dc.subjectEducationpt_BR
dc.subjectFormationpt_BR
dc.subjectMoralitypt_BR
dc.subjectMenpt_BR
dc.titleFormação moral: uma reflexão sobre o processo pedagógico na filosofia kantianapt_BR
dc.typeDissertationpt_BR
dc.description.abstract-ptbrA educação é algo essencial na vida do ser humano, e sob esta perspectiva compreendemos o seu valor, uma vez que identificamos que é através dela que podemos alcançar um estado de natureza superior, isto é, um estado moral. Esse pensamento ganha destaque na ética do filósofo Immanuel Kant (1724-1804), que privilegiou seus estudos acerca da razão e de como através dela o homem pode vir a conhecer, por conseguinte, ele desenvolve uma teoria do conhecimento, a partir da qual a razão se efetiva no sujeito como forma de conhecimento através da sensibilidade e do entendimento, onde esse conhecimento racional, por sua vez, é trabalhado no homem pela educação, na qual irá promover o uso da razão como fundamento da ação moral. Dessa maneira, esta pesquisa tem como objetivo demonstrar a relação entre educação e formação moral à luz do pensamento de Immanuel Kant, elucidando o caminho que o filósofo propõe através da sua pedagogia para a formação moral do homem. Caminho esse que aborda desde os pressupostos da moralidade à efetividade da mesma. Como principal fonte metodológica será feita a inquirição da obra Sobre a Pedagogia, considerando também, a inclusão de outros textos relevantes do autor a presente pesquisa. Kant incomodado com alguns fundamentos de sua época criticou a sociedade e a educação inserida na mesma, advertindo que esta deveria conduzir o homem a sua autonomia, a sua liberdade, em outras palavras, deveria conduzir o homem a agir segundo suas máximas para o bem, desenvolvendo-o como ser racional, e não apenas, considerando-o como ser passivo de uma sociedade imposta. Certamente, através dessa pesquisa, identificamos a relevância do processo educacional, pois cabe ao mesmo não só ampliar as formas de conhecimento, como também a responsabilidade de formar cidadãos autônomos, esclarecidos e morais. Assim a teoria da educação proposta por Kant vê a educação como meio favorável a efetivação da moralidade no sujeito.pt_BR
dc.title.enMoral formation: a reflection on the pedagogical process in kantian philosophypt_BR
Appears in Collections:PPGFILO - Dissertações defendidas na UFC

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
2018_dis_anacarvalho.pdf1,14 MBAdobe PDFView/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.