Please use this identifier to cite or link to this item: http://www.repositorio.ufc.br/handle/riufc/39631
Title in Portuguese: Trabalho, educação e práxis: relações e distinções ontológicas em torno do ofício de professor
Title: Work, education and praxis: ontological relations and distinctions around the college professor office
Author: Silva, Maiara Lopes da
Rabelo, Josefa Jackline
Maia Filho, Osterne Nonato
Keywords: Trabalho
Educação
Práxis
Issue Date: 2018
Publisher: Revista Eletrônica Arma da Crítica
Citation: SILVA, Maiara Lopes da; RABELO, Josefa Jackline; MAIA FILHO, Osterne Nonato. Trabalho, educação e práxis: relações e distinções ontológicas em torno do ofício de professor. Revista Eletrônica Arma da Crítica, Fortaleza (CE), ano 8, n. 9, p.148-169, maio 2018.
Abstract in Portuguese: O presente artigo toma por objetivo explicar, sob uma perspectiva marxiana, como as categorias “Trabalho”, “Educação” e “Práxis” diferem e são, ao mesmo tempo, ontologicamente dependentes umas das outras. Cumpre enfatizar, nesse sentido, que o complexo fundante do ser social é o trabalho, e a educação é por ele um complexo fundado enquanto sinônimo de práxis, cujo ofício do professor consiste em um de seus tipos. Tal atividade situa-se aqui como a mediação protagonista de nosso exame, o qual privilegiou ancorar a revisão de literatura no arcabouço teórico, histórico e filosófico da ontologia marxiano-lukacsiana, na qualidade de perspectiva teórico-metodológica de investigação. Nosso referencial teórico engloba, além de Marx, especialmente Vásquez (2011), a fim de refletir particularmente sobre o conceito de práxis no contexto da relação trabalho-educação; e Lessa (2012), que captura as relações ontológicas entre trabalho e reprodução social.
Abstract: This article aims to explain, from a Marxian perspective, how the categories "Work", "Education" and "Praxis" differ and are, at the same time, ontologically dependent on one another. In this sense, it should be emphasized that the founding complex of the social being is work, and education is for it a complex founded as a synonym of praxis, whose office of teacher consists of one of its types. This activity is situated here as the protagonist mediation of our examination, which privileged to anchor the literature review in the theoretical, historical and philosophical framework of the Marxian-Lukacsian ontology as a theoretical-methodological perspective of research. Our theoretical framework encompasses, in addition to Marx, especially Vásquez (2011), in order to reflect particularly on the concept of praxis in the context of the work-education relationship; and Lessa (2012), which captures the ontological relationships between work and social reproduction.
URI: http://www.repositorio.ufc.br/handle/riufc/39631
ISSN: 1984-4735
Appears in Collections:PPGEB - Artigos publicados em revistas científicas

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
2018_art_mlsilvajjrabelo.pdf212,13 kBAdobe PDFView/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.