Please use this identifier to cite or link to this item: http://www.repositorio.ufc.br/handle/riufc/39946
Title in Portuguese: O pássaro não tem boca, tem bico: um projeto integrador da matemática na creche
Title: The bird has no mouth, the bird has a beak: an integrative project of mathematics for toddlers
Author: Lousada, Clara Megre
Felgueira, Catarina
Lima, Cláudia Manuela Maia Ferreira
Couto, Ângela Maria Pinto do
Keywords: Matemática
Educação de infância
Creche
Aprendizagem ativa
Issue Date: 2018
Publisher: Revista Educação em Debate
Citation: LOUSADA, Clara Megre; FELGUEIRA, Catarina; LIMA, Cláudia Manuela Maia Ferreira; COUTO, Ângela Maria Pinto do. O pássaro não tem boca, tem bico: um projeto integrador da matemática na creche. Revista Educação em Debate, Fortaleza (CE), ano 40, n.77, p. 145-161, set./dez. 2018.
Abstract in Portuguese: Os primeiros anos da vida de uma criança assumem-se como fundamentais para o seu pleno desenvolvimento, numa fase em que as interações com o ambiente familiar e educativo podem encorajá-la a explorar as suas próprias aprendizagens e a envolver-se ativamente nelas. Neste processo o papel das famílias, do educador e auxiliares e da própria criança será primordial para que possa desempenhar um papel ativo, criativo, livre e em constante compreensão do espaço que a rodeia. O estudo seguiu a metodologia de trabalho de projeto e foi desenvolvido em contexto de creche, com um grupo crianças com idades compreendidas entre os dois e os três anos. A sala estava organizada por áreas específicas, característica do modelo pedagógico de High/Scope. A criação do projeto foi motivada pela observação de alguns pássaros no espaço exterior e permitiu articular as diferentes áreas do saber e as múltiplas linguagens da criança. Os instrumentos de recolha de dados centraram-se na observação, nas notas de campo, nos registos fotográficos e de áudio. Nesta idade, as ações voluntárias das crianças expressam a sua escolha espontânea, tão importantes para a construção da sua própria identidade e saberes e, por isso, a observação das suas expressões faciais, o seu bem-estar, a autoconfiança, a sua vivacidade, o entusiasmo e a vontade de participar permitiam perceber a existência de uma emersão total no projeto e nas múltiplas aprendizagens que dele decorriam.
Abstract: The early years of a child are seen as fundamental to its full development at a time when interactions with the family and the educational environment can encourage the infant to explore and actively engage oneself in the process of self learning. In this process the role of the families, and all the agents of education and the child himself will be fundamental to an active, creative, free and constantly understanding role of the surrounding environment. This paper took on the methodology of project work and was developed in a day care context, with a group of children aged between two and three years old, whose room was organized by specific areas, according to the High/Scope pedagogical model. The creation of the project was motivated by the observation of some birds in the outside space, and allowed the articulation of the different areas of knowledge and the child’s multiple languages. Data collection instruments focused on observation, field notes, photographic and audio recordings were used in this study. The child at this age shows spontaneous actions to express its own will which is very important for the construction of its own identity and knowledge. Therefore the observation of all the children’s facial expressions, well-being, self-confidence, the enthusiasm and the willingness to participate in the study, allowed us to apprehend the existence of a total immersion in the project and the multiple learning that followed.
Abstract in Spanish: Los primeros años de la vida de un niño son fundamentales para su pleno desarrollo, en una etapa en que las interacciones con el ambiente familiar y educativo pueden motivarlo a explorar sus propios aprendizajes así como participar activamente en ellas. En este proceso el papel de las familias, del educador y auxiliares y de los proprios niños serán primordiales para que éstas puedan desempeñar un papel activo, creativo, libre y en constante comprensión del espacio que lo rodea. El trabajo aquí presentado asumió la metodología de trabajo de proyecto y fue desarrollado con niños con edades comprendidas entre los dos y los tres años. La sala se encontraba organizada por áreas específicas, característica del modelo pedagógico de High/Scope. La creación del proyecto fue motivada por la observación de algunos pájaros en el espacio exterior y permitió articular las diferentes áreas del saber y los múltiples lenguajes del niño. Los instrumentos de recogida de datos se centraron en la observación, en las notas de campo, en los registros fotográficos y de audio. En esta edad, las acciones de los niños expresan su voluntad espontánea, tan importantes para la construcción de su propia identidad y saberes y, por eso, la observación de sus expresiones faciales, bienestar, autoconfianza, vivacidad, el entusiasmo y la voluntad de participar, permitían percibir la existencia de una emersión total en el proyecto y en los múltiples aprendizajes que de ahí resultan.
URI: http://www.repositorio.ufc.br/handle/riufc/39946
ISSN: 0102-1117 (impresso)
2526-0847 (online)
Appears in Collections:PPGEB - Artigos publicados em revistas científicas

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
2018_art_cmlousadacfelgueira.pdf797,16 kBAdobe PDFView/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.