Please use this identifier to cite or link to this item: http://www.repositorio.ufc.br/handle/riufc/40016
Title in Portuguese: Caracterização cultural e fisiológica de estirpes de rizóbios oriundas da Região de Baixo Acaraú no Ceará
Title: Cultural and physiological characterization of rhizobia strains from the Baixo Acaraú region of Ceará
Author: Cunha, Mayara Gama da
Advisor(s): Martins, Claudia Miranda
Keywords: Bactérias diazotróficas
Salinidade
Semiárido
Issue Date: 2018
Citation: CUNHA, Mayara Gama da. Caracterização cultural e fisiológicas de estirpes de rizóbios oriundas da Região de Baixo Acaraú no Ceará. 2018. 34f. Monografia (Graduação em Agronomia) - Centro de Ciências Agrárias, Universidade Federal do Ceará, Fortaleza, 2018.
Abstract in Portuguese: A disponibilidade de nitrogênio é um fator limitante para os sistemas de produção vegetal, as bactérias que fixam nitrogênio desempenham um importante papel nesse tipo de produção, reduzindo os custos e os impactos ambientais além do aumento na produtividade. O objetivo desse trabalho foi isolar, caracterizar,testar a resistência a diferentes níveis de salinidade e avaliar a tolerância a pH extremos (pH 4 e pH 10) a elevadas temperaturas de estirpes de rizóbio obtidos de nódulos radicularesoriundos da região de Acaraú no Ceará. Das 19 estirpes testadas, uma tornou o pH do meio alcalino e em 18 o pH manteve-se neutro. Todas apresentaram velocidade de crescimento lento, consistência do muco butírica. Para o diâmetro das colônias, uma é puntiforme, quinze têm diâmetro inferior a 1 mm e três têm diâmetro superior a 1 mm. Nenhuma das estirpes foram capazes tolerar pH 4, crescendo apenas em pH 10. No teste de temperatura 18 estirpes cresceram a 45°C e no teste de salinidade 8 estirpes cresceram a concentração de NaCl 10gL-1.As estirpes estudadas não mostraram significativas variações nas características culturais, contudo houve variações nas características que se a resistência a elevadas temperaturas e tolerância a diferentes níveis de salinidade
Abstract: Nitrogen availability is a limiting factor for plant production systems, bacteria that fix nitrogen, play an important role in this type of production, reducing costs, environmental impacts and increase productivity. The objective of this work was to isolate, characterize, test the salinity levels and evaluate the tolerance to extreme pH (pH 4 and pH 10) at elevated temperatures of rhizobia from the Acaraú region in Ceará. Out of the 19 strains, just one turn the medium pH to alkaline and 18 maintained the medium pH at neutral. All presented slow growth and mucus with butyric consistency. According with colony diameter evaluation, one is punctiform, fifteen have a diameter less than 1 mm and three have a diameter greater than 1 mm. None of the strains were able to tolerate pH 4, growing at pH 10 only. In the temperature test 18 strains were grown at 45 ° C and in salinity test 8 were grown at 10gL-1 NaCl concentration.The did not show significant variations in the cultural characteristics, however there were variations in the resistance to high temperatures and tolerance to different levels of salinity.
URI: http://www.repositorio.ufc.br/handle/riufc/40016
metadata.dc.type: TCC
Appears in Collections:AGRONOMIA - Monografias

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
2018_tcc_mgcunha.pdf396,54 kBAdobe PDFView/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.