Please use this identifier to cite or link to this item: http://www.repositorio.ufc.br/handle/riufc/40520
Full metadata record
DC FieldValueLanguage
dc.contributor.advisorPereira, Karuza Maria Alves-
dc.contributor.authorOliveira, Denis Francisco Gonçalves de-
dc.date.accessioned2019-04-03T12:21:02Z-
dc.date.available2019-04-03T12:21:02Z-
dc.date.issued2019-02-22-
dc.identifier.citationOLIVEIRA, D.F.G. Perfil clínico-epidemiológico dos pacientes com neoplasias malignas da região de cabeça e pescoço atendidos no serviço de radioterapia da santa casa de misericórdia de sobral. 2019. 55 f. Dissertação (Mestrado em Ciências da Saúde) - Pós-Graduação em Ciências da Saúde, Universidade Federal do Ceará, Sobral, 2019pt_BR
dc.identifier.urihttp://www.repositorio.ufc.br/handle/riufc/40520-
dc.description.abstractIntroduction: Head and neck cancer (HNC) is the sixth most prevalent malignant neoplasm worldwide and is characterized by a heterogeneous group of tumors that mainly affect the oral cavity, oropharynx and larynx. In Brazil, estimated 11,200 new cases of cancer of the oral cavity in men and 3,500 in women per 100 thousand inhabitants and 6,390 new cases in men and 1,280 in women of laryngeal cancer per 100 thousand inhabitants, the two main sites of HNC involvement, where the main associated risk factors are smoking and alcohol. Objective: To describe the clinical-epidemiological profile of patients with HNC treated at a referral service in radiotherapy in a city in the Northeast region of Brazil. Material and Methods: This study is characterized by being retrospective and transversal with a quantitative character, in which the medical records of patients with head and neck cancer treated in the radiotherapy sector of the Santa Casa de Misericordia de Sobral, Ceara, were analyzed in the period of 2008 to 2018. The variables analyzed included age, sex, profession, race, schooling, smoking and alcohol habits, primary tumor location, TNM, clinical staging, degree of histological differentiation, clinical history and treatment. Data were expressed as absolute and percent frequency and analyzed by Pearson's chi-square test or Fisher's exact test using the Statistical Packing for Social Sciences (SPSS) software version 20.0 for Windows adopting a 95% confidence level. Results: A total of 284 medical records were analyzed of the last 10 years, showing that in the clinical-epidemiological profile the number of HNC increases with age, affecting mainly males and individuals with low schooling. Squamoll Cell Carcinoma (SCC) was the most common histological type and the main site was larynx, related to the most prevalent main complaint that was hoarseness, and higher in stage I/II tumors (p <0.001). Regarding the modality of treatment, radical radiotherapy had a higher percentage (72.4%) in stage III/ IV, besides the greater need for chemotherapy also in this group (39.2%) (p <0.001). Surgery obtained a higher percentage in stage I/II (25.3%). A period of more than 8 months of main complaint was observed more frequently at more advanced stages (p = 0.001). Cutaneous hyperemia with dry desquamation of the cervical region and mucositis were, respectively, the main clinical manifestations during the radiotherapy treatment. Conclusion: The profile shows a higher number of HNC in the male sex, increasing with the progression of age, where in this study the larynx was the main location. Most of the lesions were SCC, with radical radiotherapy being the main modality of treatment. The data obtained could support the development of strate gies for the prevention and early diagnosis of these neoplasms in the sector where the study was performed.pt_BR
dc.language.isopt_BRpt_BR
dc.subjectCâncer de cabeça e pescoçopt_BR
dc.subjectCarcinoma de células escamosaspt_BR
dc.subjectCavidade Oralpt_BR
dc.subjectEpidemiologia nos serviços de saúdept_BR
dc.subjectLaringept_BR
dc.titlePerfil clínico-epidemiológico dos pacientes com neoplasias malignas da região de cabeça e pescoço atendidos no serviço de radioterapia da santa casa de misericórdia de sobralpt_BR
dc.typeDissertationpt_BR
dc.contributor.co-advisorChaves, Filipe Nobre-
dc.description.abstract-ptbrIntrodução: O Câncer de cabeça e pescoço (CCP) corresponde à sexta neoplasia maligna mais prevalente em todo o mundo e se caracteriza por ser um grupo heterogêneo de tumores que acometem principalmente cavidade oral, orofaringe e laringe. No Brasil, estima-se para cada ano do biênio 2018-2019, 11.200 casos novos de câncer da cavidade oral em homens e 3.500 em mulheres por 100 mil habitantes e 6.390 casos novos em homens e 1.280 em mulheres de câncer de laringe por 100 mil habitantes, os dois principais sítios de acometimento do CCP, cujos principais fatores de risco associados são o fumo e o álcool. Objetivo: Pretende-se traçar o perfil clínico-epidemiológico dos pacientes com CCP atendidos em um serviço de referência em radioterapia de um município da região Nordeste do Brasil. Material e Métodos: Este estudo caracteriza-se por ser retrospectivo e transversal com caráter quantitativo, no qual foram analisados prontuários dos pacientes com câncer de cabeça e pescoço atendidos no setor de radioterapia da Santa Casa de Misericórdia de Sobral, Ceará, no período de 2008 a 2018. As variáveis analisadas incluíram idade, sexo, profissão, raça, escolaridade, hábitos tabagista e etilista, localização do tumor primário, TNM, estadiamento clínico, grau de diferenciação histológica, história clínica e tratamento. Os dados foram expressos em forma de frequência absoluta e percentual e analisados pelos testes qui-quadrado de Pearson ou exato de Fisher utilizando o software Statistical Packcage for the Social Sciences (SPSS) versão 20,0 para Windows adotando uma confiança de 95%. Resultados: Foram analisados 284 prontuários dos últimos dez anos, evidenciando que no perfil clínico-epidemiológico o número de CCP aumenta com a idade, acometendo principalmente o sexo masculino e indivíduos de baixa escolaridade. O Carcinoma de Células Escamosas (CEC) foi o tipo histológico mais comum, e a principal localização foi laringe, tendo relação com a queixa principal mais prevalente que foi rouquidão, e maior nos tumores no estágio I/II (p<0,001). Quanto à modalidade do tratamento, a radioterapia radical apresentou maior porcentagem (72,4%) no estágio III/IV, além da maior necessidade de quimioterapia também ser neste grupo (39,2%) (p<0,001). Já a cirurgia obteve maior porcentagem no estágio I/II (25,3%). Observou-se um período de mais de 8 meses de queixa principal com maior frequência em estágios mais avançados (p=0,001). Hiperemia cutânea com descamação seca da região cervical e mucosite foram, as principais manifestações clínicas durante o tratamento radioterápico. Conclusão: O perfil evidencia um maior número de CCP no sexo masculino, aumentando com a progressão da idade, sendo que a principal localização foi a laringe. A maioria das lesões foi CEC, tendo como principal modalidade de tratamento a radioterapia radical. Os dados obtidos poderão embasar o desenvolvimento de estratégias de prevenção e diagnóstico precoce dessas neoplasias no setor onde o estudo foi realizado.pt_BR
dc.title.enEpidemiological profile of maxillofacial traumas in patients attended at a teaching hospital in the northern region of the state of Cearápt_BR
Appears in Collections:PPGCS - Dissertações defendidas na UFC

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
2019_dis_dfgoliveira.pdfOLIVEIRA, D.F.G. Perfil clínico-epidemiológico dos pacientes com neoplasias malignas da região de cabeça e pescoço atendidos no serviço de radioterapia da santa casa de misericórdia de sobral. 2019. 55 f. Dissertação (Mestrado em Ciências da Saúde) - Campus de Sobral, Universidade Federal do Ceará, Sobral, 20191,51 MBAdobe PDFView/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.