Please use this identifier to cite or link to this item: http://www.repositorio.ufc.br/handle/riufc/40987
Title in Portuguese: Influência dos cânions urbanos, tráfego veicular e variáveis meteorológicas na concentração de NO² em área com intenso processo de verticalização (Fortaleza – CE)
Author: Santos, Rafael Pereira dos
Advisor(s): Cavalcante, Rivelino Martins
Co-advisor(s): Rocha, Camille Arraes
Keywords: Urbanização
Desfiladeiro
Ar - Qualidade
Poluição
Dióxido de Nitrogênio
Issue Date: 2018
Publisher: Instituto de Ciências do Mar
Citation: SANTOS, R. P. dos (2018)
Abstract in Portuguese: A população mundial e as áreas urbanas têm aumentado aceleradamente nas últimas décadas. Esse crescimento, que dar-se principalmente de maneira desordenada, tem sido responsável por uma série de impactos ao meio ambiente. A poluição atmosférica constitui um dos principais problemas relacionados a esse crescimento, sendo apontada pela Organização Mundial da Saúde como a principal causa ambiental de mortes no mundo. O aumento do tráfego veicular e a presença de industrias em aglomerados urbanos representam as principais contribuições para a degradação da qualidade do ar. Aliando-se a isto, estão as condições desfavoráveis a dispersão dos poluentes causadas pelas características da superfície urbana (rugosidade, tipo de material, etc.), como aquelas observadas nos cânions urbanos, ambientes formados pelas paredes de dois edifícios e o solo entre elas. O objetivo deste trabalho é avaliar as concentrações de dióxido de nitrogênio (NO2) em uma área com intenso processo de verticalização, buscando identificar a influência dos diferentes graus de profundidade (classes) de cânions urbanos, do volume de tráfego e de variáveis meteorológicas nas concentrações do analito. Para tal foram selecionados 3 cânions urbanos de cada classe presente na área de estudo (avenida de cânion, cânion regular e cânion profundo) no bairro Meireles, e 3 pontos controles no bairro Varjota, uma área com construções baixas e onde o fluxo de vento recebe menor resistência. Foram realizadas 5 campanhas de amostragem utilizando amostradores passivos que permaneceram nos pontos de coleta durante o período de uma semana nos meses de março, maio, julho, setembro e outubro/novembro. Os dados de tráfego veicular foram obtidos com a Autarquia Municipal de Trânsito e Cidadania de Fortaleza, e os dados meteorológicos com o Instituto Nacional de Meteorologia (INMET). A análise dos resultados foi feita utilizando estatísticas descritiva e inferencial. Observou-se que o tráfego veicular apresenta maior impacto sobre as concentrações de NO2, sendo responsável por uma variação espacial das concentrações. Os níveis de NO2apresentaram comportamento inversamente proporcional a profundidade dos cânions urbanos, isto em termos médios, estando esse resultado ligado aos seus efeitos sobre as propriedades meteorológicas e climáticas da atmosfera urbana, mas principalmente ao fato de as avenidas de cânions terem maior volume de tráfego que os cânions profundos estudados. As variáveis meteorológicas apresentaram efeitos antagônicos sobre as concentrações de NO2 entre alguns locais, sugerindo a variação entre a predominância de emissão/produção local ou transporte de áreas adjacentes.
Abstract: The world population and have increased rapidly in recent decades. This growth, which occurs mainly in a disorderly way, has been responsible for a number of environmental impacts. Air pollution is one of the main problems related to this growth and is pointed out by the World Health Organization as the main environmental cause of death in the world. The increase in vehicular traffic and the presence of industries in urban agglomerations represent the main contributions to the degradation of air quality. In addition to this, there are unfavorable conditions for the dispersion of pollutants caused by the characteristics of the urban surface (roughness, type of material, etc.), such as those observed in urban canyons, nvironments formed by the walls of two buildings and the soil between them. The objective of this work is to evaluate the concentrations of nitrogen dioxide (NO2) in an area with an intense verticalization process, aiming to identify the influence of different degrees of depth (classes) of urban canyons, traffic volume and meteorological variables in concentrations of the analyte. To this end, 3 urban canyons of each class present in the study area (canyon avenue, regular canyon and deep canyon) in the Meireles neighborhood, and 3 control points were selected in the Varjota neighborhood, an area with low buildings and where the wind flow receives lower resistance. Five sampling campaigns were carried out using passive samplers that remained at collection points during the period of one week in the months of March, May, July, September and October/November. The vehicular traffic data was obtained with the Municipal Authority of Transit and Citizenship of Fortaleza, and the meteorological data with the National Institute of Meteorology (INMET). The analysis of the results was done using descriptive and inferential statistics. It was observed that the vehicular traffic has a greater impact on the concentrations of NO2, being responsible for a spatial variation of the concentrations. The NO 2levels presented an inversely proportional behavior to the depth of the urban canyons, this in average terms, being this result related to its effects on the meteorological and climatic properties of the urban atmosphere, but mainly to the fact that the avenues of canyons have greater volume of traffic than the deep canyons studied. The meteorological variables presented antagonistic effects on the concentrations of NO2 between some sites, suggesting the variation between the predominance of emission/local production or transport of adjacent areas.
Description: SANTOS, R. P. dos. Influência dos cânions urbanos, tráfego veicular e variáveis meteorológicas na concentração de NO² em área com intenso processo de verticalização (Fortaleza – CE). 2018. 80 f. TCC- Trabalho de Conclusão de Curso- (Graduação em Ciências Ambientais) - Instituto de Ciências do Mar, Universidade Federal do Ceará, Fortaleza, 2018.
URI: http://www.repositorio.ufc.br/handle/riufc/40987
Appears in Collections:CIÊNCIAS AMBIENTAIS - TCC

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
2018_tcc_rpdossantos.pdf1,3 MBAdobe PDFView/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.