Please use this identifier to cite or link to this item: http://www.repositorio.ufc.br/handle/riufc/44938
Full metadata record
DC FieldValueLanguage
dc.contributor.authorCordeiro, Larissa Muniz-
dc.contributor.authorMota, Etienne Lucas Rocha-
dc.contributor.authorTeófilo, Caio Victor Pereira-
dc.contributor.authorRibeiro, Ana Paula de Medeiros-
dc.date.accessioned2019-08-21T13:49:31Z-
dc.date.available2019-08-21T13:49:31Z-
dc.date.issued2016-
dc.identifier.citationCORDEIRO, Laissa Muniz et al. Estrutura curricular e evasão discente no curso de letras (licenciatura): a organização curricular como meio de adaptação ao curso e à profissão. Revista Encontros Universitários da UFC, Fortaleza, v.1, n. 1, 2016. (Encontro de Monitoria de Projetos da Graduação, 6).pt_BR
dc.identifier.urihttp://www.repositorio.ufc.br/handle/riufc/44938-
dc.language.isopt_BRpt_BR
dc.publisherUniversidade Federal do Cearápt_BR
dc.subjectEstrutura Curricularpt_BR
dc.subjectProjeto Pedagógico de Cursopt_BR
dc.subjectEvasãopt_BR
dc.titleEstrutura curricular e evasão discente no curso de letras (licenciatura): a organização curricular como meio de adaptação ao curso e à profissãopt_BR
dc.typeResumopt_BR
dc.description.abstract-ptbrA evasão discente nos cursos de graduação é um caso comum em todas as universidades brasileiras, a qual pode decorrer de diversos motivos, tais como: situação socioeconômica do alunado, desencontro profissional, aspectos familiares e inadequação curricular. Partindo disso, este trabalho apresenta uma análise de como a estrutura curricular pode influenciar na permanência do aluno durante os anos iniciais do curso. A pesquisa foi do tipo bibliográfica e documental, cujas fontes principais foram artigos científicos sobre formação de professores, pesquisas de satisfação realizadas com estudantes de cursos de licenciatura, o projeto pedagógico do curso de Letras-Português da UFC e as Diretrizes Nacionais Curriculares para os cursos de licenciatura. O ponto principal que foi analisado no PCC foi a integralização curricular do curso. De acordo com o levantamento sobre a satisfação dos discentes em cursos de licenciatura, um dos aspectos mais ressaltados nas pesquisas é a falta de oferta de componentes curriculares que tratam da parte pedagógica e prática do ensino nos primeiros semestres. Partindo disso, foi observado que o curso investigado oferece aos discentes dos três primeiros semestres componentes que contemplam apenas a parte teórica da área e não há nenhum componente curricular que proporcione um contato mais próximo com a prática. Apenas no 6º semestre é ofertada a disciplina de Didática I que traz a especificidade de possibilitar reflexões sobre a prática. Por fim, conclui-se que a estrutura curricular do curso de Letras-Português pode ser reorganizada de modo a proporcionar experiências que aliem a teoria e a prática, por meio da flexibilização de componentes curriculares nos semestres iniciais que proporcionem a oportunidade ao discente de participar de projetos de extensão, PIBID, atividades extracurriculares e disciplinas optativas que aproximem os alunos do tão sonhado encontro profissional.pt_BR
Appears in Collections:EMPG - Resumo de trabalhos apresentados em eventos

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
2016_resumo_eve_lmcordeiro.pdf49,13 kBAdobe PDFView/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.