Please use this identifier to cite or link to this item: http://www.repositorio.ufc.br/handle/riufc/48166
Title in Portuguese: A dinâmica socioambiental e econômica no baixo Jaguaribe: os atores do arranjo produtivo em Jaguaruana-CE
Author: Monteiro, Jéssica de Sousa
Sales, Marta Celina Linhares
Keywords: Arranjo produtivo
Baixo Jaguaribe
Conflitos pela água
Issue Date: 2016
Publisher: Universidade Federal do Ceará
Citation: MONTEIRO, Jéssica de Sousa; SALES, Marta Celina Linhares. A dinâmica socioambiental e econômica no baixo Jaguaribe: os atores do arranjo produtivo em Jaguaruana-CE. Revista Encontros Universitários da UFC, Fortaleza, v. 1, n. 1, 2016. (Encontro de Pesquisa e Pós-Graduação, 9)
Abstract in Portuguese: O Baixo Jaguaribe é uma das regiões mais atraentes para a instalação de diferentes atividades econômicas que comportam diferentes escalas de empreendimentos, tal conjuntura é facilitada pelo Rio Jaguaribe. São desenvolvidas diversas atividades ao longo do rio que estão diretamente ligadas à dinâmica ambiental de sua bacia. Duas atividades exercem grande destaque na dinâmica produtiva do seu baixo curso, a carcinicultura e a fruticultura. Alimentadas pelo discurso do desenvolvimento econômico local nos municípios onde se inserem, ambas as atividades se disseminaram em larga escala pela região do Baixo Jaguaribe. A carcinicultura após compreender avanços tecnológicos em seu sistema de produção permitiu a adaptação de espécies marinhas em águas de baixa salinidade, possibilitando o cultivo destas espécies em águas interiores, havendo assim, a expansão de seu mercado. A fruticultura teve sua inserção na região há décadas atrás, quando o principal plano estatal de desenvolvimento do Nordeste se baseou na idealização de projetos de irrigação voltados para a produção agrícola. Os perímetros irrigados atrelados às diversas vantagens concedidas pelo poder público foram impulsores para a consolidação da atividade na região. Porém, ambas as atividades possuem grande demanda hídrica para o desenvolvimento de todo o seu processo produtivo, e este se torna um dos principais problemas que cercam suas dinâmicas, principalmente em períodos de longas e intensas estiagens. A desregrada disponibilidade hídrica para a manutenção dessas atividades é uma das principais causas de conflitos ligados à água na Região Nordeste, enquanto falta água para grande parte da população e pequenos produtores nesses locais, estes grandes empreendimentos mantém suas produções. Esta pesquisa tem como objetivo discutir os impactos socioambientais e econômicos provocados pela inserção de atividades desse porte considerando o ambiente natural da Lagoa de São Bento, localizada no município de Jaguaruana-CE.
URI: http://www.repositorio.ufc.br/handle/riufc/48166
metadata.dc.type: Resumo
Appears in Collections:EPPG - Resumo de trabalhos apresentados em eventos

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
2016_resumo_eve_jsmonteiro.pdf48,87 kBAdobe PDFView/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.