Please use this identifier to cite or link to this item: http://www.repositorio.ufc.br/handle/riufc/49511
Title in Portuguese: Sensoriamento remoto e sig aplicados à análise da evolução espaçotemporal da linha de costa do município de Icapuí, Ceará - Brasil
Author: Souza, Wallason Farias de
Leite, Nicolly Santos
Silva, Edson Vicente da
Meireles, Antônio Jeovah de Andrade
Keywords: Linha de costa
DSAS
Sensoriamento remoto e SIG
Issue Date: 2016
Publisher: Universidade Federal do Ceará
Citation: SOUZA, Wallason Farias de et al. Sensoriamento remoto e sig aplicados à análise da evolução espaçotemporal da linha de costa do município de Icapuí, Ceará - Brasil. Revista Encontros Universitários da UFC, Fortaleza, v. 1, n. 1, 2016. (Encontro de Pesquisa e Pós-Graduação, 9).
Abstract in Portuguese: A linha de costa é um ambiente dinâmico e os seus constantes ajustes morfodinâmicos resultam de processos naturais e humanos. O Município de Icapuí está localizado no extremo leste do Estado do Ceará, possui aproximadamente 45 km de linha de costa e representa um dos mais complexos sistemas ambientais do litoral cearense. O objetivo principal desta pesquisa é analisar a evolução espaçotemporal (1987-2014) da linha de costa de Icapuí, considerando de forma integrada a dinâmica costeira local. A pesquisa foi realizada em cinco etapas: o levantamento bibliográfico e cartográfico, os trabalhos de campo, a elaboração e análise de banco de dados em SIG, o diagnóstico da evolução com a elaboração de produtos cartográficos e a projeção de cenários. Segmentou-se a área em três setores (oeste, central e leste) e foram aplicados quatro procedimentos matemáticos e estatísticos da extensão Digital Shoreline Analysis System 4.3 (DSAS) para o ArcGIS 10.1, que permitiram comparar as linhas de costa multitemporais extraídas de produtos sensores remotos por meio de uma linha de base e transectos espaçados em 500 metros entre si. Possibilitou-se estimar em metros a variação máxima (NSM), a variação absoluta (SCE), a média de variação anual (EPR) e a tendência anual de regressão linear (LRR). Atribuíram-se à linha de costa cinco classes conforme os processos identificados nos trechos, sendo eles: progradação contínua, progradação moderada e/ou semicontínua, relativa estabilidade, erosão moderada e/ou semicontínua e erosão contínua. Evidenciou-se que os processos evolutivos mais relevantes se encontram nos setores oeste, com tendências de -0,5 a -4 m/ano, e central com recuos de até 115 metros e tendências entre -1,2 e -4,5 m/ano, enquanto o setor leste denotou relativa estabilidade. Assim, foi possível discutir as estratégias de contenção da erosão, projetar possíveis cenários evolutivos e sugerir direcionamentos para o planejamento e a gestão da zona costeira do município.
URI: http://www.repositorio.ufc.br/handle/riufc/49511
metadata.dc.type: Resumo
Appears in Collections:EPPG - Resumo de trabalhos apresentados em eventos

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
2016_resumo_eve_wfsouza.pdf51,44 kBAdobe PDFView/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.