Please use this identifier to cite or link to this item: http://www.repositorio.ufc.br/handle/riufc/54913
Title in Portuguese: Influência das equações explicitas de fator de atrito no dimensionamento de redes de distribuição.
Author: Araújo, Renata Shirley de Andrade
Bezerra, Alessandro de Araújo
Sousa, Mauro César de Brito
Moura, Bruno Duarte
Keywords: Fator de Atrito
Equações Explícitas
Dimensionamento
Redes de Distribuição
Perda de carga
Equação de Darcy-Weisbach
Equação de Colebrook-White
Issue Date: 2019
Citation: ARAÚJO, Renata Shirley de Andrade; BEZERRA, Alessandro de Araújo; SOUSA, Mauro César de Brito; MOURA, Bruno Duarte. Influência das equações explicitas de fator de atrito no dimensionamento de redes de distribuição. In: CONGRESSO BRASILEIRO DE ENGENHARIA SANITÁRIA E AMBIENTAL, 30°., 16 a 19 jun. 2019, Natal, no Rio Grande do Norte. Anais [...] Natal, no Rio Grande do Norte, 2019.
Abstract in Portuguese: Este trabalho tem o objetivo de analisar a influência de equações explícitas para o fator de atrito f da equação universal da perda de carga de Darcy-Weisbach no dimensionamento de redes de distribuição e identificar as equações que mais se aproximam da fórmula de Colebrook-White. A indicação preferencial do uso da equação Darcy-Weisbach para o cálculo da perda de carga no dimensionamento de redes, que, por sua vez, necessita da obtenção do fator de atrito f para o cálculo em cada trecho. A fórmula do fator de atrito de Colebrook-White é a equação mais representativa para a realidade da tubulação, mas é implícita para f. As equações explícitas são aproximações que tentam contornar este problema, mas, muitas vezes, são equações extensas e apresentam erros, o que as tornam opções pouco confiáveis. A análise da situação no dimensionamento de uma rede ramificada e uma rede malhada a partir de cada uma das metodologias de fator de atrito selecionadas apresentaram resultados que permitiram avaliar quais as melhores opções alternativas de equações explícitas para a fórmula implícita de Colebrook-White, de acordo com os valores obtidos do fator f, da perda de carga total das redes e das pressões disponíveis nos nós. Os resultados exibidos indicam que as equações de Sousa-Cunha-Marques e de Zigrang-Silvester apresentam uma maior aproximação a fórmula de Colebrook-White, enquanto que a equação de Swamee-Jain apresenta valores que mais se distancia das outras equações e, apesar disso, a diferença consiste na terceira e quarta casa decimal, o que não a torna inviável para utilização.
URI: http://www.repositorio.ufc.br/handle/riufc/54913
metadata.dc.type: Artigo de Evento
Appears in Collections:DEHA - Trabalhos apresentados em eventos

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
2019_eve_rsaaraújo.pdf502,82 kBAdobe PDFView/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.