Please use this identifier to cite or link to this item: http://www.repositorio.ufc.br/handle/riufc/55431
Full metadata record
DC FieldValueLanguage
dc.contributor.advisorSilva, Edson Vicente da-
dc.contributor.authorJalane, Orlando Inácio-
dc.date.accessioned2020-11-23T11:35:49Z-
dc.date.available2020-11-23T11:35:49Z-
dc.date.issued2020-
dc.identifier.citationJALANE, Orlando Inácio. Carbono no solo e correlações com a dinâmica da paisagem: contribuição para o planejamento e gestão da bacia hidrográfica do rio Umbelúzi – Moçambique. 2020. 176 f. Dissertação (Mestrado em Geografia) - Universidade Federal do Ceará, Fortaleza, 2020.pt_BR
dc.identifier.urihttp://www.repositorio.ufc.br/handle/riufc/55431-
dc.description.abstractThe Umbelúzi river basin is located in the south of Mozambique, in the Maputo province, probably the most intensive soil use place, highly pressured by atrophic actions. They are variety of landscape units with different economic activities, which not always adjusted to the environment when consider the basin, as an environmental basis for analysis, the research aimed to present a proposal for an integrated analysis of environmental, economic and social factors in the landscape dynamics. To achieve the propose, the research was developed by the modelling of soils carbon stocks in the range of 0 to 30 cm, to contribute in the environmental planning for the catchment area. Using integrated landscape studies and the geo-technology applied to the planning and management of natural factors that influence good human practices. In order to contribute with technical scientific instruments to aid decision-making for the improvement of environmental quality in the Umbelúzi River catchment land. The research follows six steps to achieve the proposed objective and it was carried out on a base scale of 1: 250,000, which satisfies the representation of basins with larger area than 1000 square meter. The results demonstrate that there is an influence between the basin's landscapes and the dynamics of carbon in the soil, and with the increase of atrophic activities in the landscape, the disposition of carbon in the soil and its function as an environmental and soil health regulator has changed. Land use is related to economic systems and causes changes in natural systems, which change and create consequences such as erosion, floods, droughts, loss of homes, deaths, etc., interfering with social factors, such as food insecurity and extreme poverty.pt_BR
dc.language.isopt_BRpt_BR
dc.subjectCarbono do solopt_BR
dc.subjectPlanejamento ambientalpt_BR
dc.subjectDinâmica das paisagenspt_BR
dc.subjectBacia hidrográfica do Umbelúzipt_BR
dc.titleCarbono no solo e correlações com a dinâmica da paisagem: contribuição para o planejamento e gestão da bacia hidrográfica do rio Umbelúzi – Moçambiquept_BR
dc.typeDissertaçãopt_BR
dc.contributor.co-advisorSopchaki, Carlos Henrique-
dc.description.abstract-ptbrA bacia hidrográfica do rio Umbelúzi está localizada no sul de Moçambique, na província de Maputo, é provavelmente o local com o uso mais intensivo dos solos, portanto altamente pressionada pelas ações antrópicas. Possui diversas unidades paisagísticas com diferentes atividades econômicas, nem sempre adequadas ao meio ambiente. Ao considerar a bacia hidrográfica como base ambiental de análise, a pesquisa teve como objetivo apresentar uma proposta de análise integrada de fatores ambientais, econômicos e sociais na dinâmica da paisagem. Para alcançar a proposta, a pesquisa foi desenvolvida com a modelagem de estoques de carbono dos solos na faixa de 0 a 30 cm, como um contributo no planejamento ambiental da bacia hidrográfica. Recorrendo a estudos integrados da paisagem através do uso das geotecnologias aplicadas ao planejamento e gerenciamento de todos os fatores naturais que influem nas boas práticas humanas. De modo, a contribuir com instrumentos técnicos científicos de auxílio a tomada de decisão para o melhoramento da qualidade ambiental nas terras drenadas pela Bacia Hidrográfica do Rio Umbelúzi. A pesquisa segue seis etapas para alcançar o objetivo proposto e ela foi realizada na escala base de 1: 250.000, o que satisfaz a representação de bacias com áreas maiores que 1000 m2. Os resultados demonstram que há uma correlação entre as paisagens da bacia e a dinâmica do carbono no solo, e com o aumento das atividades antrópicas na paisagem vem alterando a disposição do carbono no solo e sua função como regulador ambiental e da saúde do solo. O uso da terra está relacionado a sistemas econômicos e causa alterações nos sistemas naturais, que mudam e criam consequências como a erosão, inundações, secas, perda de casas, mortes, etc., interferindo em fatores sociais, como insegurança alimentar e pobreza extrema.pt_BR
dc.title.enThe soil carbon and landscape dynamics correlations: contribution to the planning and management of the Umbelúzi river hydrographic basin – Mozambiquept_BR
Appears in Collections:DGR - Dissertações defendidas na UFC

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
2020_dis_oijalane.pdf13,28 MBAdobe PDFView/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.