Use este identificador para citar ou linkar para este item: http://www.repositorio.ufc.br/handle/riufc/8779
Título: Caracterização da ictiofauna em três canais de maré do estuário do Rio Paciência, Ilha de São Luís, Estado do Maranhão
Título em inglês: Characterization of the fish fauna in three tidal creeks of Paciência River estuary, São Luís Island, Maranhã
Autor(es): Silva Júnior, Milton G.
Castro, Antônio Carlos L.
Saint-Paul, Ulrich
Porto, Heliene Leite Ribeiro
Palavras-chave: Ictiofauna
Estuários - Ilha de São Luís
Data do documento: 2013
Editor: Arquivos de Ciências do Mar
Citação: SILVA JUNIOR, M. G.; CASTRO, A. C. L.; SAINT-PAUL, U.; PORTO, H. L. P. (2013)
Resumo: Os canais de maré de ecossistemas estuarinos funcionam como importantes áreas de refúgio, alimentação e crescimento para várias espécies de peixes. Este trabalho teve como objetivo determinar as distribuições espaciais e temporais da ictiofauna e explicar as características comportamentais e ecológicas das principais espécies que ocupam os canais de maré estudados. As pescarias foram realizadas bimestralmente entre janeiro/2006 e setembro/2007 durante a maré vazante. Foram capturados com o auxílio de redes de emalhar e tapagem 12.219 indivíduos pertencentes a 55 espécies de peixes. Sciaenidae, Ariidae, Carangidae, Engraulidae e Mugilidae foram as famílias que apresentaram maior riqueza de espécies. Dez espécies dominaram nas áreas amostradas, totalizando 81,3% de todas as capturas, com destaque para Ariopsis bonillai e Cetengraulis edentulus, que apresentaram maior contribuição para a formação dos grupos de similaridade, sendo que Stellifer naso e Cynoscion acoupa foram os maiores responsáveis pelas diferenças na densidade da assembléia de peixes. Considerando o grau de maturação, 66% dos peixes capturados foram representados por indivíduos jovens. Das espécies que ocorreram nos quatro estádios de maturação, apenas Cathorops spixii obteve uma alta densidade de indivíduos adultos, devido a sua migração reprodutiva.
Abstract: Tidal creeks in estuarine ecosystems are important areas of refuge, feeding and growth for various fish species. The aim of the present study was to determine the spatial and temporal distribution of fish fauna and explain the behavioral and ecological characteristics of species that occupy tidal creeks. Sampling was carried out bimonthly between January, 2006 and September, 2007 during ebb tide. Using block nets and gillnets, 12,219 individuals belonging to 55 species of fish. Sciaenidae, Ariidae, Carangidae, Engraulidae and Mugilidae were the families with the greatest species richness. Ten species dominated the samples, accounting for 81.3% of the total catch, highlighting Ariopsis bonillai and Cetengraulis edentulus, which made a major contribution to the formation of groups of similarity. Stellifer naso and Cynoscion acoupa were responsible for the greatest differences in the density of the fish assemblage. Regarding the maturation stage, 66% of the caught fish were juveniles. Among the species that occurred in all four stages of maturation, only Cathorops spixii showed a high adult density due to their reproductive migration.
Descrição: SILVA JUNIOR, M. G. et al. Caracterização da ictiofauna em três canais de maré do estuário do Rio Paciência, Ilha de São Luís, Estado do Maranhão. Arquivos de Ciências do Mar. Fortaleza, v. 46, n. 1, p. 5-21, 2013.
URI: http://www.repositorio.ufc.br/handle/riufc/8779
Aparece nas coleções:LABOMAR - Artigos publicados em revistas científicas

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
2013_art_mgsilvajunior.pdf2,3 MBAdobe PDFVisualizar/Abrir


Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.