Use este identificador para citar ou linkar para este item: http://www.repositorio.ufc.br/handle/riufc/10972
Título: Locus de controle no contexto organizacional: um estudo entre servidores de uma instituição pública de ensino superior
Autor(es): BASTOS, Antonio Virgilio Bittencourt
Palavras-chave: Locus de controle
Internos e externos
Literatura
Data do documento: 1992
Editor: www.revistapsicologia.ufc.br
Citação: BASTOS, A. V. B. (1992)
Resumo: O estudo analisa a associação entre locus de controle e algumas variáveis do contexto organizacional, entre servidores de uma instituição pública de ensino superior. No geral a literatura aponta diferenças consistentes na forma como "internos" e "externos" reagem e lidam com aspectos do seu mundo de trabalho. Obteve-se dados de uma amostra de 313 sujeitos de diferentes níveis ocupacionais e educacionais, coletados através de entrevistas. Locus de controle foi medida através da escala específica proposta por Spector (1988) cuja a natureza bi-fatorial levou ao cálculo de um índice de internalidade que foi correlacionado com variáveis atitudinais, percepções do contexto de trabalho e do papel ocupacional e dados da carreira do servidor. Os sujeitos mais "internos" (com escores mais baixos na escala),revelaram maior nível de comprometimento organizacional (r = - .22), maior adesão aos valores intrínsecos do trabalho, e preferência por organizações que permitem o crescimento e realização profissional. Não se encontrou associações positivas entre locus e mobilidade ocupacional.
Abstract: This study analyses the correlation between locus of control and some organizational variables in a sample of publie employrees at a Brazilian University. The literature points consistent differences in reactions of internals and externals to their work contexts.The data were collected by interviewning 313 individuals from different occupational and educational levels. Locus of control was measured by a specific (Speetor, 1988). The bi-factorial nature of the construct led us to compute a general score of internality that was correlated with values and attitudes towards work options of organizational context and occupational role, and career data of employees, The internals presented more organizational commitment (r = - .22)more adhesior: to Intrinsic work values and, preferred organizations that gave them opportunities, for self development and professional realization. Siqnificant correlations between locus of control and occupational mobility have not been found.
Descrição: BASTOS, Antonio Virgilio Bittencourt. Locus de controle no contexto organizacional: um estudo entre servidores de uma instituição pública de ensino superior. Revista de Psicologia, Fortaleza, v.9/10, n.1/2, 1991/1992, p.03-22.
URI: http://www.repositorio.ufc.br/handle/riufc/10972
ISSN: 2179-1740 (online)
0102-1222 (impresso)
Aparece nas coleções:DPSI - Artigos publicados em revistas científicas

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
1992_art_avbbastos.pdf9,43 MBAdobe PDFVisualizar/Abrir


Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.