Use este identificador para citar ou linkar para este item: http://www.repositorio.ufc.br/handle/riufc/1184
Título: Composição bioquímica do plasma seminal de caprinos sem padrão racial definido (SPRD) em clima tropical úmido
Título em inglês: Biochemical composition of plasma seminal of racial set standard no goats (SPRD) in tropical weather úmido
Autor(es): Catunda, Ana Glaudia Vasconcelos
Orientador(es): Campos, Ana Cláudia Nascimento
Palavras-chave: ZOOTECNIA
Caprino
Plasma seminal
Avaliação
Data do documento: 16-Fev-2007
Resumo: Em altas latitudes tem-se observado uma variação na composição bioquímica do plasma seminal (PS) de caprinos por influência da estacionalidade. Em baixas latitudes essa variação tem sido atribuída unicamente ao baixo valor nutricional das dietas na época seca. Objetivou-se por meio deste estudo avaliar a ocorrência de variação na composição bioquímica do PS de caprinos SPRD criados intensivamente no Estado do Ceará, Brasil. O experimento foi conduzido nas instalações do Dep. de Zootecnia da Universidade Federal do Ceará – UFC. Foram utilizados 20 bodes SPRD, alimentados segundo o NRC/caprinos (1981). Os ejaculados foram coletados semanalmente em vagina artificial e letroejaculador e em seguida avaliados, mensurados, centrifugados e separados o PS (sobrenadante) das células espermáticas (precipitado), sendo acondicionados em tubos eppendorffs a -18°C, durante um ano (Set/2005 a Ago/2006). Para realização das análises as amostra semanais passaram a constituir um pool individual mensal, onde foram avaliadas as concentrações de Ca, P, Mg, PTt, AC e frutose. Foi observada variação significativa (p<0,05) na composição bioquímica do PS entre as épocas do ano, registrando-se os níveis mais elevados dos parâmetros bioquímicos na época chuvosa. A variação individual foi significativa (p<0,01), só havendo interação significativa, animal/época para a frutose (p<0,05). O estudo das correlações mostrou associações significativas (p<0,0001) entre PTt, AC e frutose, entre os volumes de ejaculado e de PS, com os componentes, e de temperatura, umidade, precipitação e ITU, com os parâmetros bioquímicos do PS. Concluindo-se que a frutose é um bom parâmetro bioquímico para o estudo da qualidade seminal, entretanto, mais estudos são necessários para identificar as causas desta variação, e compreender melhor o papel da frutose, acido cítrico e proteínas totais no metabolismo espermático
Abstract: Goat seminal plasma (SP) biochemical composition observed to very in high latitudes due to seasonality. In low latitudes this variation has been attributed only to the low nutritional value of diets in the dry period. The aims of this study were to evaluate the occurrence of variation in the SP biochemical composition of SPRD goats breed intensively in the State of Ceará, Brazil. The experiment was carried out in the facilities of Dep. of Zootecnia of the Federal University of Ceará - UFC. Twenty male SPRD goats were used, they were fed according to NRC/goats (1981). Ejaculated were collected weekly in artificial vagina and eletroejaculador, and evaluated, measure, centrifuged and separated the SP (sobreswing) from the cells spermatic (precipitate), being stored in eppendorff tubes at -18°C, during one year (Sep/2005 the Aug/2006). For analyses purpose weekly sample were mixed to constitute a monthly individual pool, from which were evaluated the concentrations of Ca, P, Mg, PTt, CA and fructose. Significant variation was observed (p <0,05) in the biochemical composition of the SP among the periods of the year, registering the highest levels of biochemical parameters in the rainy period. The individual variation was significant (p <0,01), only having significant interaction animal/period to the fructose (p <0,05). The study of correlations showed significant associations (p <0,0001) among PTt, CA and fructose, among the ejaculate volume and of SP with the components, and of temperature, humidity, precipitation and ITU with the biochemical parameters of the SP. It is concluded that fructose is a good biochemical parameter for the study of seminal quality. However, more studies are necessary to identify the causes of this variation, and to better understand the role of the fructose, citric acid and total proteins in the metabolism spermatic
Descrição: CATUNDA, Ana Glaudia Vasconcelos.Composição bioquímica do plasma seminal de caprinos sem padrão racial definido (SPRD) em clima tropical úmido.2007. 51f. Dissertação(Mestrado em Zootecnia)- Centro de Ciências Agrárias, Universidade Federal do Ceará, Fortaleza, 2007.
URI: http://www.repositorio.ufc.br/handle/riufc/1184
Aparece nas coleções:PPGZO - Dissertações defendidas na UFC

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
2007-dis-agvcatunda.pdf216,34 kBAdobe PDFVisualizar/Abrir


Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.