Use este identificador para citar ou linkar para este item: http://www.repositorio.ufc.br/handle/riufc/1325
Título: Ação da terapia fotodinâmica antimicrobiana sobre biofilmes orais crescidos in vitro e in situ
Título em inglês: The Photodynamic Antimicrobial Chemotherapy effect on in vitro and in situ biofilms
Autor(es): Teixeira, Alrieta Henrique
Orientador(es): Zanin , Iriana Carla Junqueira
Palavras-chave: Streptococcus mutans
Fotoquimioterapia
Data do documento: 2010
Citação: TEIXEIRA, A. H. (2010)
Resumo: O tratamento das doenças ocasionadas por biofilmes orais envolve basicamente a remoção mecânica e o uso de antibióticos e agentes anti-sépticos os quais podem originar cepas resistentes aos antimicrobianos tradicionais. A Terapia Fotodinâmica Antimicrobiana (TFDA) apresenta-se como uma opção alternativa ao tratamento clássico, promovendo a morte bacteriana por meio da fotossensibilização dos componentes microbianos. Este estudo verificou a ação antimicrobiana da terapia fotodinâmica sobre biofilmes orais produzidos in vitro e in situ utilizando um diodo emissor de luz (LED) associado ao fotossensibilizador azul de orto-toluidina (TBO). No estudo in vitro, biofilmes de Streptococcus mutans UA159, foram formados sobre discos de hidroxiapatita utilizando um modelo de banhos de cultura e submetidos à TFDA após 5 dias. Para o estudo in situ, vinte e um voluntários foram previamente selecionados para utilizar dispositivos intra-orais palatinos contendo 8 blocos de dentina humana durante 7 dias. Solução de sacarose 10% foi gotejada sobre os blocos dentais 8 vezes ao dia. O biofilme formado em um dos lados do dispositivo recebeu tratamento da TFDA, e o lado oposto serviu como grupo controle. O material coletado passou por um processo de disrupção para a dispersão das células e diluição em série decimal de 10-1 a 10-4. Em ambos os experimentos, meios de cultura específicos para o crescimento de estreptococos totais e estreptococos do grupo mutans foram inoculados e incubados em condições ideais para o crescimento desses microrganismos. Reduções significativas acima de 99,99% (p<0.05) foram observadas na viabilidade das colônias de S. mutans UA159 quando expostos ao TBO e LED no estudo in vitro. Entretanto, nos biofilmes formados in situ e submetidos às mesmas condições experimentais, não foram verificadas diferenças estatisticamente significantes (p≥0.05) da contagem microbiana quando comparadas ao grupo controle. Portanto, podemos concluir que a TFDA foi efetiva na redução microbiológica de S. mutans UA159 crescidos em modelo de formação de biofilme in vitro, mas, pouco efetiva sobre biofilmes de estreptococos orais formados in situ.
Abstract: The treatment of diseases caused by oral biofilms involves mechanical removal and use of antibiotics and antiseptics which can lead to problems of bacterial resistance. Photodynamic antimicrobial chemotherapy (PACT) represents an alternative option to conventional treatment, promoting bacterial killing by photo-sensitization of microbial components. This study assessed the antimicrobial action of photodynamic therapy on oral biofilms produced in vitro and in situ using a light emitting diode (LED) associated with the photosensitizer toluidine blue O (TBO). Biofilms of Streptococcus mutans UA159 were grown on hydroxyapatite discs immersed in bathing culture and submitted to PACT after 5 days. For the in situ study, twenty-one volunteers were previously selected to use intra-oral palatal appliances containing eight blocks of human dentin during 7 days. Sucrose solution (10%) was dripped onto the dental blocks 8 times a day. The biofilm formed on one side of the device received treatment (PACT), and the opposite side acted as control. The collected material has gone through a process of disruption to the dispersion of cells and diluted in decimal series (10-1 to 10-4). In both experiments, specific culture media for the growth of total streptococci and mutans streptococci were inoculated and incubated under optimal conditions for growth of these microorganisms. Significant reductions in excess of 99.99% (p<0.05) were observed in the viability of colonies of S. mutans UA159 when exposed to TBO and LED on in vitro study. However, the biofilms formed in situ and subjected to the same experimental conditions showed no statistically significant differences (p≥0.05) in the microbiological counting when compared with control group. Therefore, we conclude that PACT was effective in microbiological reduction of S. mutans UA159 grown in an in vitro biofilm model, but very little effective on oral streptococci biofilms produced in situ.
Descrição: TEIXEIRA, Alrieta Henrique. Ação da terapia fotodinâmica antimicrobiana sobre biofilmes orais crescidos in vitro e in situ. 2010. 53 f. Dissertação (Mestrado em Odontologia) - Universidade Federal do Ceará, Fortaleza, 2010.
URI: http://www.repositorio.ufc.br/handle/riufc/1325
Aparece nas coleções:DCOD - Dissertações defendidas na UFC

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
2010_dis_ahteixeira.pdf1,7 MBAdobe PDFVisualizar/Abrir


Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.