Use este identificador para citar ou linkar para este item: http://www.repositorio.ufc.br/handle/riufc/1332
Título: Leptospirose humana no município de Fortaleza, Ceará, Brasil : abordagem socio-ambiental
Título em inglês: Leptospirosis human being in the município of Fortaleza, Ceara, Brazil : social-ambient boarding
Autor(es): Moreira, Josué de Oliveira
Orientador(es): Silva, Luiz Fernando Ferreira da
Palavras-chave: Leptospirose
Saúde Pública
Data do documento: 2006
Citação: MOREIRA, J. O., (2006)
Resumo: A leptospirose e uma zoonose de relevante interesse na area da Saude Publica, causada por microrganismo do genero Leptospira muito comum em Fortaleza - CE. Foi analisada retrospectivamente, a base de dados sobre leptospirose do Sistema de Informacao de Agravos de Notificacao e do Sistema de Informacao de Mortalidade no periodo de 2001 a 2004. Verificou-se que a doenca acomete predominantemente pessoas do sexo masculino, em idade produtiva (20 a 49 anos), trabalhadores com baixa qualificação profissional. As manifestacoes clinicas mais comuns foram: febre, mialgia, cefal?ia, ictericia, nausea/vomito, diarreia e insuficiencia renal. Os hospitais da Rede Publica Estadual sao responsaveis por 79,6% dos internamentos. O mes de abril foi o de maior ocorrencia e obitos no periodo estudado, o que pode estar ligado ao alto indice pluviometrico do mes. A leptospirose esta dispersa em 69,7% dos bairros e destes 31,3% registraram ocorrencia de obitos. Todas as seis Secretarias Executivas Regionais (SER) estiveram envolvidas com esse agravo, a SER-V destacou-se com o maior numero de casos. Os aspectos socio-economicos da populacao, a degradacao do meio ambiente dos bairros ao longo do tempo, o processo de urbanizacao descontrolada, principalmente nas areas de maior carencia em infra-estrutura e saneamento basico e habitacoes inadequadas contribuiram para o aumento da doenca em Fortaleza.
Abstract: Leptospirosis is a zoonosis of increasing interest within the Public Health area, caused by microorganisms of Leptospira gender. In this study, clinical and epidemiological features of infections transmitted by leptospira were reviewed, as well as the environmental and social factors included in Fortaleza?s urban space, from 2001 to 2004, according to data obtained from the notifications and obit reports information systems (SINAN and SIM). The research verified that this disease is more likely to affect male people, in productive age (20 to 49 years-old), and with low professional qualification. Most common clinical features were: fever, myalgia, headache, jaundice, nausea and vomit, diarrhea, and renal failure. April was the month when leptospirosis and its resulting obits most occurred, which can be associated to the high pluviometric index. State hospitals were responsible for 79.6% of hospitalizations. The disease was spread in 69.7% of the districts, and among these 31.3% registered obits. All of the six Region Executive Departments (SER?s) registered the illness, and SER V showed the higher number of cases. Socio-economic aspects of the population, district environmental degradation over time, uncontrolled urbanization process, mostly in the areas where infrastructure lacks, and basic sanitation, and unsuitable habitations collaborated to increase the disease in Fortaleza.
Descrição: MOREIRA, Josue de Oliveira. Leptospirose humana no município de Fortaleza, Ceará, Brasil : abordagem socio-ambiental. 2006. 100 f. Dissertação (Mestrado em Saúde Pública)-Universidade Federal do Ceará, Fortaleza, 2006.
URI: http://www.repositorio.ufc.br/handle/riufc/1332
Aparece nas coleções:DSC - Dissertações defendidas na UFC

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
2006_dis_jomoreira.pdf2,06 MBAdobe PDFVisualizar/Abrir


Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.