Use este identificador para citar ou linkar para este item: http://www.repositorio.ufc.br/handle/riufc/1338
Título: Avaliação da atenção básica em saúde no estado do Ceará :explorando concepções no nível central
Título em inglês: Evaluation of basic attention health in Ceara :exploring conceptions central
Autor(es): Vasconcelos, Suziana Martins de
Orientador(es): Bosi, Maria Lúcia Magalhães
Palavras-chave: Avaliação de Programas e Projetos de Saúde
Atenção Primária à Saúde
Pesquisa Qualitativa
Programa Saúde da Família
Data do documento: 2006
Citação: VASCONCELOS, S. M. (2006)
Resumo: Reconhece-se, por meio da observação empírica, que o Modelo de Atenção Básica, operacionalizado pela Estratégia Saúde da Família, ainda não funciona em sua plenitude, uma vez que não se dispõe de mecanismos sistematizados e validados, para seu monitoramento e avaliação. Assim, estruturado em três componentes: o Projeto de Expansão do Saúde da Família (PROESF), do Ministério da Saúde, o qual surgiu com o objetivo de ampliar a cobertura de atendimento, objetivando em seu terceiro componente: “Monitoramento e Avaliação” a institucionalização da avaliação na atenção básica, por meio do fortalecimento das ações de monitoramento e avaliação das secretarias estaduais de saúde. Este estudo deriva-se de uma experiência concreta na operacionalização do objetivo, tendo como objetivo compreender as experiências e percepções de técnicos e gestores da Secretaria da Saúde do Estado do Ceará (SESA-CE) em relação às práticas de avaliação e monitoramento desenvolvidas no nível local. A metodologia inscreve-se na abordagem qualitativa e a população estudada abrange o grupo responsável pela atenção básica (NUORG), informantes-chave para a compreensão das concepções sobre avaliação da atenção básica em saúde. Utilizamos a técnica de grupo focal para a apreensão dos dados empíricos. A partir da leitura e releitura das narrativas, emergiram três temas centrais: natureza e finalidades da avaliação; a experiência com avaliação; e o espaço da qualidade na avaliação, que constituem o eixo central da nossa análise. Estes temas, por sua vez, desdobram-se em dimensões, que explicitam a estreita interface das categorias empíricas nas narrativas dos informantes. Dentre os principais achados evidencia-se que a concepção de avaliação formulada pelos informantes não condiz com a prática de serviço do grupo, o processo de avaliação não é levado a cabo e as experiências e práticas avaliativas de saúde se dão sempre em resposta a uma demanda verticalizada. Em acréscimo, os resultados obtidos não contribuem para uma reformulação efetiva de propostas e intervenções concretas no serviço. Também os envolvidos no serviço não participam do processo de discussão das avaliações de programas e serviços de saúde, o que faz com que o conceito de avaliação seja pouco compreendido pelos informantes, tornando-o desgastado no processo de operacionalização das atividades nos serviços. Além disso, o desgaste também acontece devido a interrupções no processo avaliativo e fraco envolvimento dos atores do serviço de saúde. O termo qualidade é utilizado, simplesmente, na dimensão objetiva, consoante o modelo avaliativo tradicional. Nas experiências avaliativas, prevalece o enfoque normativo, com abordagem quantitativista, revelando-se uma distância em relação ao enfoque qualitativo-participativo.
Abstract: It is recognized, by means of the empirical comment, that the Model of Basic Attention, operacionalizado for the Strategy Health of the Family, still does not function in its fullness, a time that is not made use of systemize and validated mechanisms, for its monitoring and evaluation. Thus, structuralized in three components: the Project of Expansion of the Health of Família (PROESF), of the Health Department, which appeared with the objective to extend the attendance covering, objectifying in its third component: "Monitoring and Evaluation" the institutionalization of the evaluation in the basic attention, by means of the fortifying of the actions of monitoring and evaluation of the state secretariats of health. This study drift of a concrete experience in the operacionalization of the objective, having as objective to understand the experiences and perceptions of technician and managers of the Secretariat of the Health of the State of Ceará (SESA-CE) in relation to practical of developed evaluation and the monitoring in the local level. The methodology is enrolled in the qualitative boarding and the studied population encloses the responsible group for the basic attention (NUORG), key-informers for the understanding of the conceptions about the evaluation of the basic attention in health. We use the technique of focal group for the apprehension of the empirical data. From the reading and rereading of the narratives, three subjects had emerged central offices: nature and purposes of the evaluation; the experience with evaluation; and the space of the quality in the evaluation, that constitutes the central axle of our analysis. These subjects, in turn, are unfolded in dimensions, that clarify the narrow interface of the empirical categories in the narratives of the informers. Amongst the main findings it is proven that the conception of evaluation formulated for the informers not they are in agreement with the practical one of service of the group, the evaluation process is not taken the handle and the experiences and evaluation practice of health if they always give in reply to a verticalized demand. In addition, the gotten results do not contribute for a reformularization accomplish of proposals and concrete interventions in the service. Also the involved ones in the service do not participate of the process of quarrel of the evaluations of programs and services of health, what it makes with that the evaluation concept little is understood by the informers, becoming consumed it in the process of operacionalization of the activities in the services. Moreover, the consuming also happens due the interruptions in the avaliative process and weak envolvement of the actors of the health service. The term quality is used, simply, in the objective dimension, consonant the traditional avaliative model. In the avaliative experiences, the normative approach prevails, with quantitativist boarding, showing a distance in relation to the qualitative-participative approach.
Descrição: VASCONCELOS, Suziana Martins. Avaliação da atenção básica em saúde no estado do Ceará : explorando concepções no nível central. 2006. 106 f. Dissertação (Mestrado em Saúde Pública) - Universidade Federal do Ceará, Fortaleza, 2006.
URI: http://www.repositorio.ufc.br/handle/riufc/1338
Aparece nas coleções:DSC - Dissertações defendidas na UFC

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
2006_dis_smvasconcelos.pdf809,78 kBAdobe PDFVisualizar/Abrir


Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.