Use este identificador para citar ou linkar para este item: http://www.repositorio.ufc.br/handle/riufc/1351
Título: "Influência dos protocolos de fotoativação na microdureza e no grau de conversão de uma resina composta"
Título em inglês: "Influence of curing protocols on microhardness and degree of conversion of a composite resin"
Autor(es): Bomfim, Andréa Galvão Marinho
Orientador(es): Santiago, Sérgio Lima
Palavras-chave: Resinas compostas
Data do documento: 2009
Citação: BOMFIM, A. G. M. (2009)
Resumo: O objetivo deste trabalho foi avaliar in vitro o grau de conversão da resina composta Filtek Z 350 (3M ESPE), na cor A3, empregando a luz halógena pelo aparelho VIP (Variable Intensity Polymerizer) Júnior (Bisco), utilizando três protocolos de fotoativação, a saber: convencional 500mW/cm² por 40s; gradual 300mW/cm² por 3s e, em seguida, 500mW/cm² por 30s; pulso tardio 300mW/cm² por 3s, com pausa de 3 min; e 300mW/cm² por 30s. O grau de conversão da resina foi obtido através do teste de microdureza Knoop e espectrografia Raman. Uma matriz metálica, bipartida, com orifício central de 2,5mm de profundidade e 5mm de diâmetro, foi utilizada para confecção dos corpos de prova, que foram fotoativados segundo os protocolos descritos. Foram confeccionados cinco corpos de prova de cada tipo de protocolo para o ensaio de microdureza e uma amostra de cada protocolo para o teste de Raman. Os testes foram realizados 24 horas após a polimerização dos corpos de prova, que foram armazenados a seco, ao abrigo da luz e à temperatura ambiente. Na microdureza, cinco indentações foram realizadas em cada superfície (topo e base) do corpo de prova com uma carga de 10gf por 10s. O Raman foi realizado no centro da amostra do topo e da base. Os resultados obtidos foram submetidos à Análise de Variância a 2 critérios e ao teste de comparações múltiplas de Student-Newman-Keuls, a um nível de significância de 5%. Pode-se observar que houve diferenças estatisticamente significantes entre os protocolos de fotoativação utilizados, quando a análise foi realizada no topo dos espécimes, sendo que a fotoativação convencional apresentou os maiores valores de dureza. Entretanto, quando a mensuração da dureza foi realizada na extremidade oposta dos espécimes (base), não foram observadas diferenças estatisticamente significantes entre os protocolos de fotoativação. Contudo, nas comparações entre os valores de dureza observados em relação à localização da mensuração (topo ou base), pode-se observar que os valores obtidos no topo dos espécimes foram estatisticamente superiores aos observados na base dos mesmos, com exceção do protocolo pulso tardio, onde não houve diferença estatísticamente significante ente as superfícies do topo e da base. O teste de Raman confirmou os resultados achados na microdureza, com o grau de conversão da resina, sendo maior nas superfícies de topo e com maior conversão dos protocolos convencional e soft start.
Abstract: This study evaluate the degree of conversion of composite resin Filtek Z 350 (3M ESPE), on shade A3, using halogen light VIP (Variable Intensity Polymerizer) Junior (Bisco) utilizing three light curing protocols, they are: standard 500mW/cm² by 40 sec; soft start 300mW/cm² by 3 sec and after 500mW/cm² by 30 sec; pulse delay 300mW/cm² by 3 sec, stop by 3 min and 100mW/cm² by 30 sec. The degree of conversion of the resin was analyzed by the test of microhardness Knoop and Raman spectrography. Five samples of each type of protocol for the microhardness test had been confectioned and one sample of each protocol for the test of Raman. The tests had been made 24 hours after the polymerization of the samples, that had been stored the dry one, protected from the light and at room temperature. In the microhardness, five indentations had been made in each surface (top and bottom) of the sample with a load of 10gf for 10s. The Raman was obtained from the center of the sample of the top and the bottom surfaces. The results had been submitted the Two-Way ANOVA and to the test of multiple comparisons of Student-Newman-Keuls, to a level of significance of 5%. It can be observed that it had statistical significant differences between the used curing protocols when the analysis was made in the top of specimens, being that the standard curing protocol presented biggest values of hardness. However, when the value of the hardness was obtained from in the opposing extremity of specimens (bottom), statistical significant differences between the curing protocols had not been observed. In the comparisons between the values of hardness observed in relation to the localization of the indentation, it can be observed independently that the values obtained in the top of specimens had been statistical differences, with exception for the protocol pulse delay, where had not significant statistical difference between the surfaces of top and bottom. The test of Raman confirmed the results finds in the microhardness, with the degree of conversion of resin higher in top surface, and with bigger degree of conversion of the conventional and soft start protocols.
Descrição: BOMFIM, Andréa Galvão Marinho. Influência dos protocolos de fotoativação na microdureza e no grau de conversão de uma resina composta. 2009. 43 f. Dissertação (Mestrado em Odontologia) - Universidade Federal do Ceará. Fortaleza, 2009.
URI: http://www.repositorio.ufc.br/handle/riufc/1351
Aparece nas coleções:DCOD - Dissertações defendidas na UFC

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
2009_dis_agmbomfim.pdf242,31 kBAdobe PDFVisualizar/Abrir


Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.