Use este identificador para citar ou linkar para este item: http://www.repositorio.ufc.br/handle/riufc/1357
Título: Comportamento predatório do caranguejo Menippe nodifrons Stimpson, 1859 (Decapoda: Brachyura: Menippidae) sobre moluscos gastrópodes em laboratório
Título em inglês: Predatory behavior of the crab Menippe nodifrons Stimpson, 1859 (Decapoda: Brachyura: Menippidae) on gastropod molluscs in the laboratory
Autor(es): Santana, Givanildo Ximenes
Orientador(es): Cascon, Helena Matthews
Palavras-chave: Ecologia costeira
Molusco
Caranguejo
Data do documento: 2005
Editor: http://www.teses.ufc.br/
Citação: SANTANA, G. X. ; CASCON, H. M. (2005)
Resumo: Foi realizado experimento em laboratório para observar a predação do caranguejo mão-grossa Menippe nodifrons sobre três espécies de moluscos gastrópodes: Stramonita haemastoma, Tegula viridula e Neritina virginea. Os aspectos observados foram de preferência alimentar do caranguejo, tempo de manipulação e manipulação das presas, tamanho crítico da presa, e ainda, a análise biomecânica das quelas dos caranguejos. Os caranguejos e os moluscos foram coletados na praia do Pacheco, localizada no município de Caucaia-Ce. Menippe nodifrons alimentou-se das três espécies de gastrópodes, com uma maior preferência alimentar por N. virginea (n = 62) em relação aos outros moluscos oferecidos S. haemastoma (n = 41) e T. viridula (n = 35). A predação pelos caranguejos foi maior sobre S. haemastoma, do que em T. viridula. Os machos predaram mais ativamente Neritina virginea, enquanto as fêmeas não tiveram preferência por nenhuma das presas oferecidas, predando-as indistintamente. O tempo de manipulação foi menor para N. virginea (44,2 min.) do que para S. haemastoma (106,1 min.) e T. viridula (120,7 min.). Os moluscos foram manipulados através de duas técnicas: esmagamento e descascamento. O esmagamento foi predominante em Neritina virginea, enquanto que o descascamento foi usualmente maior em Tegula viridula e Stramonita haemastoma. O tamanho crítico da presa foi menor para N. virginea (0,34), seguida por S. haemastoma (0,38) e T. viridula (0,50) respectivamente. O caranguejo Menippe nodifrons apresentou vantagem mecânica para as duas quelas (Quela Maior = 0,38) e (Quela menor = 0,32), que os classificam como especialistas em quebrar conchas mais resistentes e duras. As quelas são dimórficas e possuem dentições diferentes, com atividades funcionais distintas para quebrar as conchas dos moluscos. O comportamento predatório do caranguejo Menippe nodifrons está diretamente relacionado ao nível de especialização de suas quelas, das características morfológicas e vulnerabilidade de suas presas.
Abstract: Laboratory experiments were used to study the effect of the predation of the crab Menippe nodifrons on the gastropods Stramonita haemastoma, Tegula viridula and Neritina virginea. Aspects studied were prey preference, handling time, predation techniques, prey critical size and chelal biomechanic analysis of the crabs. The crabs and the clams were collected in Pacheco beach, located in the city of Caucaia-Ce. Menippe nodifrons preferred Neritina virginea over both Stramonita haemastoma and Tegula viridula, and Stramonita haemastoma was strongly preferred over Tegula viridula, possibly because of differences in shell characteristics among the three species. The male crabs preyed more heavily upon Neritina virginea than on both gastropods Stramonita haemastoma and Tegula viridula, while the females had eaten indistinctly the three clams. There were differences in hadling times between Neritina virginea, Stramonita haemastoma and Tegula viridula (handling times: N. virginea < S. haemastoma < T. viridula). Crabs attacked snails using crushing and peeling techniques, the last was used only upon S. haemastoma and T. viridula. The mean critical size for Neritina virginea was significantly smaller than that for Stramonita haemastoma, which in turn was smaller than that for Tegula viridula. The claws of the crab Menippe nodifrons are well designed for breaking shells. Menipppe nodifrons is heterochelous, having one larger crusher claw and one smaller less robust cutter claw. Due to their greater mechanical advantage, crusher claws are able to generate considerably greater forces than cutters. Differences in the morphological and mechanical features of crab claws reflect their function and account for many of the observed differences in prey handling techniques and foraging behavior. Menippe nodifrons seems to be specialised for attacking hardshelled molluscan prey. The predatory behavior of the crab Menippe nodifrons is directly related to the level of specialization of its claws, of the morphological characteristics and vulnerability of its prey items.
Descrição: SANTANA, Givanildo Ximenes. Comportamento predatório do caranguejo Menippe nodifrons Stimpson, 1859 (Decapoda: Brachyura: Menippidae) sobre moluscos gastrópodes em laboratório. 2005. 58 f. Dissertação (Mestrado em Ciencias Marinhas Tropicais)- Instituto de Ciencias do Mar - LABOMAR, Universidade Federal do Ceará, 2005.
URI: http://www.repositorio.ufc.br/handle/riufc/1357
Aparece nas coleções:LABOMAR - Dissertações defendidas na UFC

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
2005_dis_gxsantana.pdf2,12 MBAdobe PDFVisualizar/Abrir


Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.