Use este identificador para citar ou linkar para este item: http://www.repositorio.ufc.br/handle/riufc/1382
Título: Moluscos associados à macroalga Pterocladiella Caerulescens (Rhodophyta, Pterocladiacea) na zona entremarés da Praia de Pedra Rachada, Paracuru, Ceará
Título em inglês: Molluscs associated with Pterocladiella caerulescens macroalgae (Rhodophyta, Pterocladiacea) in the intertidal zone of Split Rock Beach, Paracuru, Ceará
Autor(es): Veras, Débora Rocha Aguiar
Orientador(es): Cascon, Helena Matthews
Palavras-chave: Molusco - Paracuru (CE)
Algas Vermelhas - Paracuru (CE)
Data do documento: 2011
Editor: http://www.teses.ufc.br/
Citação: VERAS, D. R. A. ; CASCON, H. M. (2011)
Resumo: Macroalgas marinhas são habitadas por uma série de animais vágeis, incluindo moluscos, constituindo uma comunidade fital dinâmica. Para se compreender essa comunidade, deve-se considerar, entre outros fatores, a complexidade do habitat. Alguns indicadores dessa complexidade seriam biomassa e volume algais. Acredita-se que um aumento estrutural da alga resulta em maior riqueza de espécies e abundância de invertebrados associados. Foi investigada a malacofauna associada à rodófita Pterocladiella caerulecens, na zona entremarés da Praia da Pedra Rachada, em Paracuru, Ceará. Foram realizadas seis coletas, sendo três durante o período tipicamente seco (outubro, novembro e dezembro de 2009) e três durante o chuvoso (abril, maio e junho de 2010). Foram selecionadas três estações de coleta (A, B e C), sendo estabelecida, em cada, uma parcela de 10 m x 10 m, subdividida em 100 quadrantes de 1m². Foram amostrados cinco quadrantes em cada parcela, o que totalizava 15 amostras por mês. Os tufos de P. caerulescens foram coletados manualmente e acondicionados em sacos plásticos. Em laboratório, as amostras foram triadas, os moluscos identificados e armazenados em etanol 70%. O volume da alga foi estimado pelo método de deslocamento da água em recipiente graduado e a biomassa calculada através do peso seco. Foram identificadas 50 espécies, sendo 36 de Gastropoda, 11 de Bivalvia e 3 de Polyplacophora. De um modo geral, as três estações de coleta foram semelhantes, não tendo sido observado padrão de distinção entre elas. A pluviometria pareceu não influenciar o volume de alga, uma vez que não foram observadas diferenças significativas entre os meses. Foi verificada correlação positiva entre biomassa da alga e riqueza e abundância de moluscos, reforçando a ideia de que quanto maior a quantidade de alga no meio, maior a probabilidade de se encontrar diferentes espécies e um maior número de indivíduos. A malacofauna se caracterizou por indivíduos de tamanho reduzido, com hábitos alimentares diversificados. A macroalga estudada revelou atuar como importante substrato para moluscos, principalmente para juvenis, sugerindo que pode ser um habitat fundamental em estágios iniciais de desenvolvimento.
Abstract: Seaweeds are inhabited by a lot of vagile animals, including molluscs, constituting a dynamic phytal community. In order to understand this community, the complexity of the habitat should be considered, among other factors. Some indicators of this complexity may be biomass and volume of the alga. It is believed that a structural increase of algae result in higher species richness and higher abundance of associated invertebrates. This work investigated the mollusks associated with the red alga Pterocladiella caerulecens, in the intertidal zone of the beach Pedra Rachada, in Paracuru city, state of Ceará. Samples were collected during six months: three months of the dry season (October, November and December 2009) and three of the rainy season (April, May and June 2010). Three sample sites were selected (A, B and C). In each one was established a 10m x 10m plot, subdivided into 100 quadrants of 1m². Five quadrants in each plot were sampled monthly, totalizing fifteen samples. The tufts of P. caerulescens were removed and placed in plastic bags. In laboratory, samples were analyzed, the mollusks were identified and stored in 70% ethanol. The volume of algae was estimated by immersing the alga in a graduate recipient with known amount of water, and the biomass was estimated by dry weight. Fifty species of mollusks were identified: 36 of Gastropoda, 11 of Bivalvia and 3 of Polyplacophora. In general, the three sites A, B and C were similar, with no pattern of distinction between them. It seems that rainfall did not influence the volume of algae, once there were no significant differences between months. Positive correlation was observed between the alga biomass and the molluscs richness and abundance. The molluscan fauna was characterized by individuals of small size, with diversed food habits. This study confirmed that Pterocladiella caerulescens acts as substrate for molluscs, mainly for juveniles, suggesting that it plays an important role in early stages of development.
Descrição: VERAS, Débora Rocha Aguiar. Moluscos associados à macroalga Pterocladiella Caerulescens (Rhodophyta, Pterocladiacea) na zona entremarés da Praia de Pedra Rachada, Paracuru, Ceará. 2011. 77 f. Dissertação (Mestrado em Ciências Marinhas Tropicais) - Instituto de Ciências do Mar, Universidade Federal do Ceará, Fortaleza, 2011.
URI: http://www.repositorio.ufc.br/handle/riufc/1382
Aparece nas coleções:LABOMAR - Dissertações defendidas na UFC

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
2011_dis_draveras.pdf1,47 MBAdobe PDFVisualizar/Abrir


Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.