Please use this identifier to cite or link to this item: http://www.repositorio.ufc.br/handle/riufc/14851
Title in Portuguese: O gás radônio doméstico e a radioatividade natural em terrenos metamórficos: o caso do município de Lucrecia (Rio Grande do Norte, Brasil)
Author: Campos, T. F. C.
Petta, R. A.
Pastura, V. F. S
Sichel, S. E.
Motoki, A.
Malanca, A.
Keywords: Radônio Doméstico
Terrenos Metamórficos
Nordeste do Brasil
Issue Date: 2013
Publisher: Revista de Geologia
Citation: CAMPOS, T. F. C.; PETTA, R. A.; PASTURA, V. S. F.; SICHEL, S. E.; MOTOKI, A.; (2013).
Abstract in Portuguese: Um pool de estudo epidemiológico internacional realizado sobre uma coorte de mineiros de urânio demonstrou que a exposição contínua ao gás radônio aumenta fortemente o risco de se contrair câncer de pulmão. O Radônio Doméstico (Domestic Radon) ou Radônio Interior (Indoor Radon) foi identificado como o mais importante fator de risco ambiental para o câncer de pulmão. A cidade de Lucrecia no Rio Grande Norte-Brasil apresenta uma incidência de diferentes tipos de câncer anormalmente alta (incluindo o câncer de pulmão) em relação aos municípios vizinhos. Esta região é formada por rochas metamórficas de composição granítica e carbonática (mármores). Este trabalho apresenta os resultados das medidas obtidas por meio de 210 detectores passivos do gás Radônio, distribuídos em algumas residências do município, tanto da zona urbana, como narural. As medições foram realizadas durante dois períodos na estação seca (Dezembro - Fevereiro). A maioria das habitações não possui forro e são cobertas por telhas de cerâmica vermelha, com piso de cerâmica vitrificada e/ou cimento. O nível de radiação gama nas habitação variou entre 106 a 264 nGy/h (MED: 152; MA: 151; MG:150: DP: 28). Para os dois períodos o radônio doméstico variou entre 40-7679 Bq/m3 (Mediana: 237; Média geometrica: 220 e Desvio Padrão: 957). No primeiro período medido, todas as habitações excederem o teor de Radônio- 222 (intervalo: 170-6538; MED: 307; GM: 370; DP: 956) para o nível de ação estabelecido pela Organização Mundial de Saúde (OMS; ZEEB II, E SHANNOUN III, 2009) que é de 100 Bq/m3. Contudo, no segundo período medido, os dados são mais dispersos (intervalo: 42-7679; MED: 115; GM: 135; SD: 919) devido ao início precoce de uma anormal temporada de chuvas, mas a maioria das habitações continuou a apresentar valores que ultrapassam o limite máximo de contaminante estabelecido pela OMS.
Description: CAMPOS, T. F. C.; PETTA, R. A.; MALACA, A.; et al. O gás radônio doméstico e a radioatividade natural em terrenos metamórficos: o caso do município de Lucrecia (Rio Grande do Norte, Brasil). Revista de Geologia, Fortaleza, v.26, n.2, 2013.
URI: http://www.repositorio.ufc.br/handle/riufc/14851
metadata.dc.type: Artigo de Periódico
ISSN: 0103-2410
Appears in Collections:DGL - Artigos publicados em revista científica

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
art_tfccampos_2013.pdf1,3 MBAdobe PDFView/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.