Please use this identifier to cite or link to this item: http://www.repositorio.ufc.br/handle/riufc/14947
Title in Portuguese: Frações polissacarídicas obtidas a partir da alga vermelha gracilaria intermedia: um estudo químico estrutural, avaliação de atividade antioxidante e caracterização reológica
Title: Polysaccharide fractions obtained from the red alga Gracilaria intermedia: a structural chemical study, evaluation of antioxidant activity and rheological characterization
Author: Castro, Joana Paula Lima de
Advisor(s): Freitas, Ana Lúcia Ponte
Keywords: Alga marinha
Carboidratos
Reologia
Issue Date: 2014
Citation: CASTRO, J. P. L. Frações polissacarídicas obtidas a partir da alga vermelha gracilaria intermedia: um estudo químico estrutural, avaliação de atividade antioxidante e caracterização reológica. 2014. 87 f. Dissertação (Mestrado em Bioquímica) - Centro de Ciências, Universidade Federal do Ceará, Fortaleza, 2014.
Abstract in Portuguese: Algas marinhas do gênero Gracilaria são importantes fontes de ágar, polissacarídeos sulfatados que são comumente usados nas indústrias alimentícia, farmacêutica e biotecnológica. Para caracterização do material de trabalho, a alga marinha foi submetida à análise de sua composição centesimal, a qual indicou seus percentuais de umidade, cinzas, proteínas, lipídios e carboidratos totais. Para avaliação dos polissacarídeos da alga vermelha Gracilaria intermedia foram obtidas frações pelas seguintes metodologias de extração: 1. extração por meio de digestão enzimática, 2. extração nativa (a alga não é submetida à pré-tratamentos e a obtenção dos polissacarídeos ocorre pela sua fervura) e 3. extrações nas quais a alga é pré-tratada com NaOH e KOH nas concentrações de 1% e 5%. Os materiais extraídos foram submetidos a testes colorimétricos de composição química (determinação do teor de proteínas e quantificação de carboidratos, sulfato e 3,6 anidrogalactose). Os materiais foram ainda analisados por espectroscopia de infravermelho com transformada de Fourier e Ressonância Magnética Nuclear (RMN). Foram realizados testes de atividade antioxidante com cada uma das frações obtidas. Os testes antioxidantes realizados (capacidade antioxidante total e quelação do íon ferroso) indicaram que tais polissacarídeos possuem capacidade de sequestrar radicais livres de maneira significativa e dose-dependente. Devido a estes resultados, os polissacarídeos obtidos a partir da alga marinha Gracilaria intermedia mostram potencial de virem a ser utilizados como um composto antioxidante não sintético. Experimentos para avaliar o comportamento reológico de soluções aquosas dos polissacarídeos em estudo foram realizados a 25 ± 1 °C, usando medidas estacionárias e dinâmicas oscilatórias, que indicaram que os materiais obtidos devem ser classificados como pseudoplásticos e apontaram as habilidades de tais soluções poliméricas em atuar como agentes espessantes e gelificantes.
Abstract: The seaweed Gracilaria are important sources of agar sulfated polysaccharides that are commonly used in the food, pharmaceutical and biotechnology industries. For characterization of the media, the kelp was subjected to analysis of their chemical composition, which indicated their percentages of moisture, ash, protein and lipids. Extractions in which extraction by enzymatic digestion native extract (a seaweed is not subjected to pretreatments and obtaining the polysaccharides is by their boiling) is: For evaluation of red seaweed polysaccharides Gracilaria intermedia fractions were obtained for the following extraction methods seaweed is pretreated with NaOH and KOH in concentrations of 1% and 5%. The extracted material was subjected to colorimetric test chemical composition (protein content determination and quantification of carbohydrates, sulfate and 3,6-anhydro-galactose). The material was further analyzed by infrared spectroscopy with Fourier transform and Nuclear Magnetic Resonance ( NMR). Antioxidant activity with each of the fractions obtained tests were performed. Antioxidants tests (total antioxidant capacity, chelation of ferrous ion) indicated that such polysaccharides have the ability to scavenge free radicals and significant dose-dependent manner. Due to these results, the polysaccharide obtained from seaweed Gracilaria show potential intermediate that they will not be used as a synthetic antioxidant compound. Experiments to evaluate the rheological behavior of aqueous solutions of polysaccharides under study were performed at 25 ± 1 °C, using stationary and dynamic oscillatory measurements, which indicated that the material obtained should be classified as pseudoplastic and highlighted the skills of such polymer solutions in acting as thickeners and gelling agents.
URI: http://www.repositorio.ufc.br/handle/riufc/14947
metadata.dc.type: Dissertação
Appears in Collections:DBBM - Dissertações defendidas na UFC

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
2014_dis_jplcastro.pdf945,94 kBAdobe PDFView/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.