Please use this identifier to cite or link to this item: http://www.repositorio.ufc.br/handle/riufc/15066
Title in Portuguese: Cultura de aprendizagem e desempenho organizacional em emissoras de TV cearenses
Author: Silva, Antonia
Advisor(s): Cabral, Augusto Cézar de Aquino
Keywords: Aprendizagem organizacional
Cultura Organizacional
Televisão - Ceará
Issue Date: 2013
Citation: SILVA, Antonia. Cultura de aprendizagem e desempenho organizacional em emissoras de TV cearenses. 2013. 90 f. Dissertação (Mestrado) – Universidade Federal do Ceará, Faculdade de Economia, Administração, Atuária e Contabilidade, Programa de Pós-Graduação em Administração e Controladoria, Fortaleza-CE, 2013.
Abstract in Portuguese: A cultura organizacional pode ser compreendida como um fenômeno dinâmico, constantemente desempenhado e criado e constantemente vivenciado pela interação entre pessoas, sendo moldado por comportamento de liderança e um conjunto de estruturas, rotinas, regras e normas que o orientam e o restringe (SCHEIN, 1984), com impacto no desempenho organizacional. O propósito central desta pesquisa é analisar como se dá a relação entre a cultura de aprendizagem e o desempenho organizacional em emissoras de TVs cearenses, na percepção de seus colaboradores. O estudo da cultura de aprendizagem e do desempenho nas empresas de TVs cearenses que estão em constante processo de mudanças e inovações, justifica-se por contribuir para uma área que, ainda, é pouco explorada na literatura brasileira. A base teórica desse estudo são os fatores de cultura de aprendizagem organizacional e o desempenho organizacional (EASTERBY-SMITH; BURGOYNE; ARAÚJO, 2001; YANG, 2003; SCHEIN, 1984, 2009; MARSICK E WATKINS, 2003; REBELO; GOMES, 2008; LIMA; ARRUDA, 2012). Trata-se de uma pesquisa quantitativa e descritiva, realizada mediante survey junto às emissoras TV Jangadeiro, TV Verdes Mares e TV União, localizadas na cidade de Fortaleza, estado do Ceará. Foi aplicada uma versão simplificada do questionário “Dimensions of the Learning Organization Questionnaire (DLOQ-A)” desenvolvido por Yang (2003), que contempla o processo de aprendizagem em níveis individual, grupal e organizacional. O questionário contém 27 questões fechadas, com escala tipo Likert (1 - Quase nunca a 6 - Quase sempre), aplicado em formulário impresso, junto aos 95 colaboradores das emissoras pesquisadas. Para a análise dos dados, foi utilizado o software SPSS versão 19. Após analisar os resultados, pode-se inferir que, os fatores de cultura de aprendizagem que apresentaram maior capacidade explicativa do desempenho financeiro foram: no nível individual, Oportunidade para a Aprendizagem Contínua (OAC); e, no nível organizacional, Desenvolvimento da Visão Sistêmica da Organização (DVSO), Sistemas para Capturar e Compartilhar a Aprendizagem (SCCA) e Estímulo à Liderança Estratégica para a Aprendizagem (ELEA). Os fatores de cultura de aprendizagem que apresentaram maior capacidade explicativa do ganho organizacional foram: no nível individual, Oportunidade para a Aprendizagem Contínua (OAC); nível grupal, Colaboração e Aprendizagem em Equipe (CAE); e, no nível organizacional, Delegação de Poder e Responsabilidade (DPR) e Desenvolvimento da Visão Sistêmica da Organização (DVSO). O coeficiente de regressão ( ) referente à cultura de aprendizagem foi de 0,763. Isso implica que, ao se aumentar em uma unidade a cultura de aprendizagem, o desempenho organizacional nas emissoras de TV será aumentado em 0,763 unidade. Vale ressaltar que a significância do modelo é alta, com pode ser comprovado pelo valor da estatística F (142,214). Por fim, constatou-se que a cultura de aprendizagem possui forte influência no desempenho organizacional nas emissoras de TV pesquisadas, na percepção de seus colaboradores.
Abstract: Organizational culture can be understood as a dynamic phenomenon constantly created and played by the interaction between people, shaped by leadership behavior and a set of structures, routines, rules and norms that guide and restrict (SCHEIN, 1984). The main purpose of this research is to analyze how is the relationship between learning culture and organizational performance on TV broadcasters of Ceará state, in the perception of its employees. The study of the culture of learning and performance of these firms, that are in constant process of changes and innovations, justified by contributing to an area that has been little explored in the Brazilian literature. The theoretical basis of this study are the factors of organizational learning culture and organizational performance (EASTERBY-SMITH; BURGOYNE; ARAÚJO, 2001; YANG, 2003; SCHEIN, 1984, 2009; MARSICK E WATKINS, 2003; REBELO; GOMES, 2008; LIMA; ARRUDA, 2012). This is a quantitative and descriptive survey conducted by TV broadcasters together to Jangadeiro, TV Verdes Mares and TV União, located in the city of Fortaleza, state of Ceará. It was applied a simplified version of the questionnaire "Dimensions of the Learning Organization Questionnaire (DLOQ-A)" developed by Yang (2003), which includes the process of learning at the individual, group and organizational. The questionnaire contains 27 closed questions with Likert scale (1 - Almost never to 6 - Almost always) applied in printed form, along with 95 employees of the stations surveyed. For data analysis, we used SPSS version 19. After analyzing the results, it can be inferred that the factors of learning culture with the highest explanatory power of financial performance were: the individual level, Opportunity for Lifelong Learning (OLL) and, at the organizational level, Development of Systemic View Organization (DSVO), Systems to Capture and Share Learning (SCSL) and Incentives for Strategic Leadership for Learning (ISLL). The factors of learning culture with the highest explanatory power of organizational gain were: the individual level, Opportunity for Lifelong Learning (OLL); group level, Collaboration and Team Learning (CTL) and, at the organizational level, Empowerment and Responsibility (ER) and the Development of a Systemic Vision of the Organization (DSVO). The regression coefficient ( ) on the learning culture was 0.763. This implies that, if a unit increase in the learning culture, organizational performance in the TV stations will be increased by 0.763 unit. It is noteworthy that the significance of the model is high, can be seen with the value of the F statistic (142.214). Finally, it was found that the learning culture has a strong influence on organizational performance in TV stations surveyed, the perception of its employees.
URI: http://www.repositorio.ufc.br/handle/riufc/15066
Appears in Collections:PPAC - Dissertações defendidas na UFC

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
2013_dis_asilva.pdf720,13 kBAdobe PDFView/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.