Please use this identifier to cite or link to this item: http://www.repositorio.ufc.br/handle/riufc/15140
Title in Portuguese: Radipetro - sistema de monitoramento da radioatividade em instalações de petróleo - (avaliação de residências e comunidades)
Author: Petta, R. A.
Campos, T. F. C.
Keywords: Petróleo
Mossoró
Radônio
Radioatividade Natural
Issue Date: 2013
Publisher: Revista de Geologia
Citation: PETTA, R. A.; CAMPOS, T. F. C.; (2013).
Abstract in Portuguese: O Radônio interior é um dos maiores problemas de saúde pública da atualidade. Entretanto sua prevenção e consequente mitigação podem ser controladas a partir da determinação dos possíveis fatores de risco que possam contribuir para a sua acumulação em residências ou instalações. Este trabalho examina fatores específicos de risco do Radônio utilizando técnicas de Geomática para construir um diagnóstico ambiental das feições de saúde pública e da radioatividade natural nas habitações que se encontram inseridas, ou nas vizinhanças do Campo de Petróleo do Canto do Amaro (Mossoró - RN). Foi avaliada a distribuição do Radônio (interior) nestas residências e a definição do “Risco Radônio”, através de amostragem emanométrica (ativa e passiva) bem como medições espectrométricas da radioatividade Gama superficial regional, definindo-se quais são os elementos radioativos responsáveis pela radiação Gama Total (U, Th e K) e pela radiação alfa (222 Rn). Ao longo de duas expedições (estação seca e úmida) foram coletados dados em residências e nas proximidades do campo petrolífero, visando detectar a variação de fundo da radioatividade natural superficial e estabelecer os valores regionais usados para a comparação dos resultados. Os resultados obtidos demonstram que cerca de 50% das residências estudadas possuem valores médios de Radônio acima do limite admitido pelos organismos internacionais, que preveem uma taxa média de radiação (Gama + Alfa) de 64,5 mSv para 30 anos. Com base nesta avaliação, foi identificado que população das imediações do campo petrolífero do “Canto do Amaro” da Bacia Potiguar está exposta ao um risco de Radiação Natural de grau médio a alto. A análise dos dados geológicos e da radioatividade regional demonstra que a profundidade do Calcário Jandaíra não teve relação significativa com a acumulação de Radônio residencial. Entretanto as características do carste subjacente à área, tais como os fluxos de água no subsolo, rachaduras, fissuras e cavernas, provavelmente facilitam o transporte e acumulação de gás Radônio e pode desempenhar um significante papel no padrão de Radônio irregular detectado em algumas anomalias notificadas. No entanto, também é possível que haja outra fonte de Radônio mais perto da superfície que não foi identificada, mas que uma pesquisa suplementar poderia elucidar. O tamanho da casa não foi identificado como um fator de risco, mas casas mais antigas e menores apresentaram maiores numero de anomalias.
Description: PETTA, R. A.; CAMPOS, T. F. C.. Radipetro - sistema de monitoramento da radioatividade em instalações de petróleo - (avaliação de residências e comunidades). Revista de Geologia, Fortaleza, n.26, n.2, 2013.
URI: http://www.repositorio.ufc.br/handle/riufc/15140
metadata.dc.type: Artigo de Periódico
ISSN: 0103-2410
Appears in Collections:DGL - Artigos publicados em revista científica

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
art_rapetta3_2013.pdf738,08 kBAdobe PDFView/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.