Use este identificador para citar ou linkar para este item: http://www.repositorio.ufc.br/handle/riufc/1571
Título: Disponibilidade dos metais cobre e chumbo em um canal de maré receptor de efluentes de carcinicultura
Título em inglês: Availability of copper and lead in a tidal channel receiver shrimp effluent
Autor(es): Torres, Roseline Freire
Orientador(es): Lacerda, Luiz Drude de
Palavras-chave: Metais - Carcinicultura
Cobre - Toxicologia - Jaguaribe (CE)
Chumbo - Aspectos ambientais - Jaguaribe (CE)
Data do documento: 2009
Editor: http://www.teses.ufc.br/
Citação: TORRES, R. F. ; LACERDA, L. D. de (2009)
Resumo: No estuário do rio Jaguaribe se encontra implantada a maior área de produção de camarão em cativeiro do estado do Ceará ocupando 1.316 ha em viveiros, cerca de 50% da atividade em todo estado. A preocupação com a contaminação por metais pesados através da atividade carcinicultura tem levado a realização de estudos com o propósito de medir os impactos dos seus efluentes nos sistemas receptores e particularmente sua incorporação na biota. A disponibilidade dos metais pesados cobre (Cu) e chumbo (Pb) no canal do Cumbe receptor de efluentes da principal área de cultivo da região foi determinada através do uso de biomonitores e de metodologia de extração seletiva. O Cu apresentou valores percentuais variando de 36,8 a 58,3 % na fração fracamente ligada aos sedimentos. As concentrações de Cu variaram de 1,27 a 2,55 (1,59 ± 0,48) (μg/g) nas algas (Ulva lactuca), de 18,1 a 22,8 (μg/g) (20,9 ± 1,6) no músculo e de 54,2 a 54,5 (μg/g) (54,4 ± 0,2), no exoesqueleto em camarões (Litopenaeus schimitti), de 10,6 a 17,1 (μg/g) (13,8 ± 3,7) no músculo e de 53,2 a 57,9 (μg/g) (55,5 ± 3,3) no exoesqueleto em siris (Callinectes sapidus), de 4,6 a 12,0 (μg/g) (7,6 ± 2,3) nas ostras (Crassostrea rhizophorae) e de 11,2 a 19,9 (μg/g) (15,6 ± 3,0) em sururus (Mytella falcata). O Pb não apresentou concentrações detectáveis tanto nos organismos quanto na fração fracamente ligada aos sedimentos e no MPS no canal do Cumbe em contraste, mostrou percentuais de biodisponibilidade elevados no canal de maré do rio Pacoti. Esse resultado sugere que a crescente da urbanização e a liberação de efluentes da RMF podem estar refletindo no aumento das concentrações de Pb e na diminuição da qualidade ambiental. As concentrações de Cu no MPS variaram de 12,6 a 28,9 (μg/g) (18,1± 5,6) cerca de duas vezes ao longo de todo o canal registrando os maiores valores próximo à região de saída dos efluentes da carcinicultura sendo transportado para a região estuarina adjacente. A análise de perfis sedimentares mostrou um aumento recente nas concentrações de Cu nas camadas mais superficiais. Os resultados mostram que as concentrações mais elevadas desse elemento estão associadas à presença de sedimentos finos e ao aumento nos teores de matéria orgânica oriundos da carcinicultura.
Abstract: In the Jaguaribe´s river estuary is located the largest area of shrimp farming in the state of Ceará occupying 1,316 ha pond, about 50% of entire shrimp farming activity of the state. The concern about heavy metals contamination through of the shrimp farming activities requires a several studies with the purpose of measuring the impacts of wastewater in receivers systems and particularly the incorporation into the biota. Availability of heavy metals copper (Cu) and lead (Pb) in Cumbe´s channel that receiver wastewater from the main area of shrimp farming acticity in the region was determined through the use of biomonitors and selective extractionmethod. The Cu showed percentages ranging from 36.8 to 58.3% in the weakly fraction bound to sediment. The concentrations of Cu ranged from 1.27 to 2.55 (1.59 ± 0.48) (μg/g) in algae (Ulva lactuca), 18.1 to 22.8 (μg/g) (20, 9 ± 1.6) in the shrimp muscle tissue and from 54.2 to 54.5 (μg / g) (54.4 ± 0.2) in the shrimp exoesqueleton (Litopenaeus schimitti), 10.6 to 17.1 (μg/g) (13.8 ± 3.7) in the crabs muscle tissue and from 53.2 to 57.9 (μg / g) (55.5 ± 3.3) in the crabs exoesqueleton (Callinectes sapidus) of 4, 6 to 12.0 (μg/g) (7.6 ± 2.3) in oysters (Crassostrea rhizophorae) and from 11.2 to 19.9 (μg/g) (15.6 ± 3.0) in mussel (Mytella falcata). Lead showed no detectable concentrations in both organisms, in the weakly fraction bound to sediment and the SSM in the Cumbe´s channel in opposite, showed high percentuals in the available form in the Pacoti´s channel. The increase in the concentracions of lead may have reflecting the fate of be situated next to urban area. The concentrations of Cu in MPS ranged from 12.6 to 28.9 (μg/g) (18.1 ± 5.6) about two times throughout the channel the highest values near the exit region of the effluent carninicultura of being transported to the adjacent estuarine region. The sedimentary profiles analyzed showed that a recent increase in the concentrations of Cu in the superficial layers. The results showed that the highest concentrations of this element are associated with the fine size grain of sediments and the increase in the organic matter levels from the shrimp farming.
Descrição: TORRES, Roseline Freire. Disponibilidade dos metais cobre e chumbo em um canal de maré receptor de efluentes de carcinicultura. 2009. 125 f. Dissertação (Mestrado em Ciências Marinhas Tropicais) - Instituto de Ciências do Mar, Universidade Federal do Ceará, Fortaleza, 2009.
URI: http://www.repositorio.ufc.br/handle/riufc/1571
Aparece nas coleções:LABOMAR - Dissertações defendidas na UFC

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
2009_dis_rftorres.pdf4,91 MBAdobe PDFVisualizar/Abrir


Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.