Please use this identifier to cite or link to this item: http://www.repositorio.ufc.br/handle/riufc/15907
Title in Portuguese: Condicionantes Naturais e Socioecônomicos da Desertificação nos Trechos Médio e Baixo do Vale do Rio Jaguaribe no Estado do Ceará.
Title: Natural and socioeconomic constraints of Desertification in the medium and low Jaguaribe River Valley in the state of Ceara.
Author: Muniz, Ana Cristina Fernandes
Advisor(s): Oliveira, José Gerardo Beserra de
Keywords: Degradação ambiental
Suscetibilidade à desertificação
Médio e baixo Rio Jaguaribe
Environmental degradation
Susceptibility to desertification
Mid and lower Jaguaribe River
Desertificação
Recursos naturais
Issue Date: 2009
Citation: MUNIZ, Ana Cristina Fernandes. Condicionantes Naturais e Socioecônomicos da Desertificação nos Trechos Médio e Baixo do Vale do Rio Jaguaribe no Estado do Ceará. 2009. 88 f. : Dissertação (mestrado) - Universidade Federal do Ceará, Pró-Reitoria de Pesquisa e Pós-Graduação, Programa Regional de Pós-Graduação em Desenvolvimento e Meio Ambiente, Fortaleza-CE, 2009.
Abstract in Portuguese: A desertificação constitui uma forma de degradação e vem se tornando um dos mais graves problemas ambientais enfrentados pela humanidade. As áreas suscetíveis à degradação/desertificação foram reconhecidas na Convenção de Combate a Desertificação (1977), sendo consideradas como tal aquelas situadas nas regiões de clima árido, semi-árido e sub-úmido seco. O Estado do Ceará tem a maior área proporcional suscetível à desertificação no Nordeste Brasileiro onde se destacam o município de Irauçuba, a Região dos Inhamuns e a região do Médio e Baixo curso do vale do Rio Jaguaribe. Dentro da temática abordada, o presente estudo considerou sete municípios que se encontram na região do Médio e Baixo curso do Vale do Jaguaribe: Alto Santo, Iracema, Jaguaretama, Jaguaribara, Jaguaribe, São João do Jaguaribe e Solonópole. O objetivo geral do estudo foi avaliar, através de Índices, a Suscetibilidade Geoambiental Natural à Degradação (ISGND) e a Suscetibilidade Geoambiental Antrópica a Degradação (ISGAD) considerando, respectivamente, as características geoambientais da área, e os impactos ambientais causados pelo sistema de uso da terra. Na pesquisa foi empregada uma adaptação da metodologia usada por Beltrame (1994), que fundamenta o calculo do ISGND nas características geoambientais e, para o ISGAD, na análise da variação temporal do Índice de Cobertura Vegetal. Esses índices foram expressos numericamente através de uma fórmula descritiva fundamentado na Equação da Reta computada através das ponderações dos índices de Erosividade, Erodibilidade, Climático e Classes de Relevo. Neste estudo o Índice de Cobertura Vegetal foi expresso pelos valores correspondentes do NDVI (Normalized Difference Vegetation Índex) calculado em imagens do satélite LANDSAT dos anos de 1986/89 e 2007. A aplicação da metodologia nos permitiu obter como resultados a realização de um mapeamento cartográfico da área do ISGND, dos níveis de cobertura vegetal, dos índices de Erosividade, Erodibilidade, Índice Climático e Classes de Relevo e do ISGAD dos municípios considerados.
Abstract: The desertification process constitutes itself in a form of degradation that became one of the serious environmental problems faced by Humanity. The areas that were susceptible to degradation/desertification were recognized by the Convention of Combated a Desertification (Desertification Combat Convention (1977) and were considered as such, those situated in the regions of arid, semi-arid and subhumid climate. The state of Ceará has most of the proportional area susceptible to desertification in the Brazilian Northeast with a preeminence of the areas of Irauçuba, Inhamuns and midstream, lower stream of Jaguaribe river. This study considered seven municipalities that were located along the Vale of Jaguaribe in its mid and lower stream, the municipalities chosen were: Alto Santo, Iracema, Jaguaretama, Jaguaribara, Jaguaribe, São João do Jaguaribe and Solonópole. The general objective of this research was to identify the conditioners of natural and socio-economical aspects of the process of desertification in this region, taking into account the characterization of environmental framework, observing its main potentialities (natural and socioeconomically) through the evaluation of impacts originated by the system of land use and evaluating the implication between the process of susceptibility to desertification and its impact over the socioeconomically characteristics of the area. The methodology used in the research had as its main fundamentation, the Beltrame focus (1994), that uses as its main parameter the standard analysis of vegetation through a comparison of satellite images betweens the years of 1986/89 and 2007. An application of the methodology allowed the realization of a general synthesis of the actual reality of the area regarding its problems, fragilities and potentialities of natural resources and socioeconomically aspects and to have a general vision of the degradation framework.
URI: http://www.repositorio.ufc.br/handle/riufc/15907
metadata.dc.type: Dissertação
Appears in Collections:PRODEMA - Dissertações defendidas na UFC

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
2009_dis_acfmuniz.pdf2,59 MBAdobe PDFView/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.