Use este identificador para citar ou linkar para este item: http://www.repositorio.ufc.br/handle/riufc/16237
Título: Sustentabilidade da atividade produtora de água envasada em Fortaleza, Ce
Título em inglês: Sustainability of bottled water indsutry in Fortaleza
Autor(es): Rosas, Anny Jacquelline Cysne
Orientador(es): Araújo , Jose Carlos de
Palavras-chave: Fortaleza
água envasada
Sustentabilidade
vulnerabilidade
Drastic
Fortaleza
Bottled water
Sustainability
Vulnerability
Drastic
Data do documento: 2008
Citação: ROSAS, A. J. C. (2008)
Resumo: A presente pesquisa analisa a atividade de produção de água envasada no Município de Fortaleza, diferenciando a água mineral da água potável de mesa, esta última comercializada como água adicionada de sais. A motivação para este trabalho surgiu da perspectiva de crescimento acelerado da atividade econômica de envasamento de água potável, sabendo-se que em Fortaleza a degradação ambiental é observada com grande intensidade, com conseqüências para os recursos hídricos. A sustentabilidade foi analisada sob dois aspectos: o financeiro e o ambiental. A pesquisa foi dividida em três etapas. Na primeira foi realizada a caracterização da atividade em Fortaleza, inclusive a análise qualitativa da água envasada, considerando as Resoluções da ANVISA. No segundo momento foi realizada a análise de sustentabilidade financeira a partir de levantamento dos custos de investimento e dos custos de operação, administração e manutenção (OAM) da atividade. Na terceira etapa foi avaliada a sustentabilidade ambiental da atividade através da análise de vulnerabilidade dos aqüíferos de Fortaleza aplicando o Índice DRASTIC. Como resultado da etapa de caracterização, foram analisadas no ano de 2007, 23 marcas de água adicionada de sais e cinco de água mineral, encontrando-se presença de coliformes totais com ausência de outros microrganismos. No entanto, a qualidade da água envasada de Fortaleza está dentro do limite aceitável da legislação. Os resultados da segunda etapa indicaram que a sustentabilidade financeira da atividade será dada sempre que for possível arrecadar pelo menos R$ 1,36 por garrafão de 20 litros, o que corresponde aos custos totais de investimento e OAM. A sustentabilidade ambiental pode ser obtida, em Fortaleza, de modo relativamente simples, pois a vulnerabilidade dos seus aqüíferos é baixa e a atividade é pouco poluente. A análise do Índice DRASTIC para Fortaleza demonstrou que seus aqüíferos têm vulnerabilidade regional baixa (cerca de metade da área, predominantemente no setor centro-sul da cidade), intermediária (predominantemente no centro do município) ou alta (na região costeira norte). As áreas de exploração de águas subterrâneas para envase em Fortaleza localizam-se principalmente em regiões com vulnerabilidade baixa: das nove fontes analisadas, sete localizam-se na área de baixa vulnerabilidade, duas na região de vulnerabilidade intermediária e nenhuma na área de vulnerabilidade alta. Isso é muito positivo para a qualidade da água, embora não signifique que não haja risco de poluição, principalmente diante do cenário ambiental da cidade de Fortaleza. Quanto à atividade de envase de água em si, avaliou-se que esta pode ser realizada sem ocasionar grandes impactos negativos ao meio ambiente.
Abstract: This study examines the activity of producing bottled water in the city of Fortaleza, discriminating between mineral water and the table drinking water, the latter marketed as "water with added salts". The subject of this work was inspired by the prospect of accelerated growth of the economic activity of bottling drinking water, given that in Fortaleza environmental degradation is observably happening at a very accelerated pace, with deleterious consequences for water resources. Sustainability was examined in two respects: the financial and the environmental. The research was divided into three stages. The first was the characterization of the activity held in Fortaleza, including the qualitative analysis of the bottled water, considering the resolutions of ANVISA. In the second stage, the analysis of financial sustainability was carried out, by the assessment of investment costs and costs of operation, administration and maintenance (OAM) of the activity. In the third stage the environmental sustainability of the activity was assessed through the analysis of vulnerability of the aquifers of Fortaleza, applying the index DRASTIC. During the stage of characterization, 23 brands of salt-added water, and five of mineral water, were examined (in 2007), being observed the presence of coliform bacteria but no other microorganisms. The quality of bottled water of Fortaleza, however, was verified to be within the acceptable limits of the local legislation. The results of the second stage indicated that the financial sustainability of the activity would be met as long as it was possible to collect at least R$ 1.36 per 20 liters bottle, which would correspond to the total costs of investment and OAM. As for environmental sustainability of the activity, it can be easily satisfied (in Fortaleza) given the low average vulnerability of the Fortaleza aquifers and the low pollution potential of the activity. The analysis of DRASTIC Index for the aquifers of Fortaleza has shown that their regional vulnerability is low (about half the area, predominantly in central-southern sector of the city), intermediate (predominantly in the centre of the city) or high (in the northern coastal region). The areas of exploitation of groundwater for bottling in Fortaleza are mainly located in regions with low vulnerability: the nine sources analyzed, seven are located in downtown area of low vulnerability, two in the region of intermediate vulnerability and none in the area of high vulnerability. This, of course, is very positive for bottled water quality, but does not mean that there is no risk of pollution, especially considering the environmental scenario of the city of Fortaleza. As for the activity of water bottling, it was concluded that, in this case, it can be exerted without causing serious damage to the environment.
Descrição: ROSAS, Anny Jacquelline Cysne. Sustentabilidade da atividade produtora de água envasada em Fortaleza, Ce. 2008. 186 f. : Dissertação (mestrado) - Universidade Federal do Ceará, Pró-Reitoria de Pesquisa e Pós-Graduação, Programa Regional de Pós-Graduação em Desenvolvimento e Meio Ambiente- PRODEMA, Fortaleza-CE, 2008
URI: http://www.repositorio.ufc.br/handle/riufc/16237
Aparece nas coleções:PRODEMA - Dissertações defendidas na UFC

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
2008_dis_ajcrosas.pdf2,68 MBAdobe PDFVisualizar/Abrir


Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.