Use este identificador para citar ou linkar para este item: http://www.repositorio.ufc.br/handle/riufc/16397
Título: Governança corporativa nas empresas cearenses: motivações e práticas adotadas
Autor(es): Maia, Sávio Roberto Rodrigues
Orientador(es): Vasconcelos, Alessandra Carvalho de
Palavras-chave: Governança corporativa
Empresas - Ceará
Administração de empresas
Data do documento: 2014
Citação: MAIA, S. R. R. (2014)
Resumo: A reconfiguração da economia do país possibilitou a reconstrução do mercado de capitais, que, por conseguinte, alavancou o desenvolvimento da governança corporativa. Esse ambiente propício atualmente alcança regiões como o Nordeste brasileiro, cujo PIB cresceu nos últimos 10 anos acima da média nacional. O presente estudo teve como objetivo geral analisar os fatores motivacionais para adoção da governança corporativa e as práticas implementadas nas empresas cearenses, considerando-se suas características institucionais. No sentido de facilitar o alcance do objetivo geral, foram delineados os seguintes objetivos específicos: (i) identificar os principais fatores motivacionais, (ii) investigar as práticas de governança corporativa e sua aderência às melhores práticas preconizadas no Código do IBGC (2009) e (iii) verificar semelhanças e diferenças nas motivações e nas práticas de governança corporativa, considerando-se características institucionais como setor econômico, porte econômicofinanceiro, faixa etária, tipo de controle e tipo de capital. A metodologia da pesquisa caracteriza-se como descritiva, com abordagem predominantemente qualitativa dos dados, realizada por meio de pesquisa de campo. A população do estudo compreende as 62 empresas cearenses vencedoras do Prêmio Delmiro Gouveia nos anos 2007 a 2012, optando-se por um censo com o intuito de oportunizar o máximo de participantes, 30 dos quais responderam ao questionário enviado. Quanto à motivação, replicou-se o questionário de Aragão et al. (2009), estruturado com 25 quesitos, em escala likert. No que tange às práticas de governança corporativa, consideraram-se no questionário as práticas emanadas do Código do IBGC (2009), estruturado com 28 quesitos, focando osseguintes aspectos: propriedade, conselho de administração, gestão, auditoria independente, conselho fiscal e conduta e conflito de interesses. Os resultados revelaram que os fatores motivacionais mais importantes para os respondentes foram: profissionalizar a empresa, perpetuar a empresa, melhorar a imagem institucional, garantir mais transparência e relacionamento com o mercado de capitais, melhorar o relacionamento entre os acionistas componentes do bloco de controle, melhorar o processo sucessório, viabilizar a abertura de capital e aumentar a captação de recursos junto a credores e acionistas, nessa ordem decrescente de importância. Quanto às práticas de governança corporativa, embora 83,3% dos participantes da pesquisa tenham respondido que implantaram a governança, os resultados apontaram que apenas 46,7% das melhores práticas do IBGC (2009) são observadas pelas empresas, denotando que ainda há muito espaço para se avançar nesse tema. Foi possível constatar ainda que para os principais fatores motivacionais, há uma convergência de importância para as empresas de grande porte, com mais de 40 anos de existência, de controle familiar e com governança corporativa em estágio inicial ou em desenvolvimento.
Abstract: The reconfiguration of the Brazilian economy allowed a reconstruction of capital market which, therefore, leveraged the development of corporate governance market. This current enabling environment reaches regions such as northeastern Brazil, which showed GDP growth above the national average in the last 10 years. The present study aimed to analyze the motivational factors for adopting the corporate governance and practices in the companies of Ceará, considering business characteristics. In order to achieve the main goal, specific objectives were outlined as (i) identifying the main motivational factors, (ii) investigating the corporate governance practices and its adherence to best practices advocated in the Brazilian Institute of Corporate Governance - IBGC (2009) code and ( iii) determine similarities and differences in the motivations and practices of corporate governance, considering their business characteristics. For this purpose, the following corporate characteristics were verified: economic sector, size, age, type of control and capital. The methodology of the research is characterized as descriptive, with predominantly qualitative data analysis, conducted through field research. The study population has included 62 GouveiaDelmiro award winning Ceará companies in the years 2007 to 2012, choosing a census in order to provide the opportunity for most participants, of which 30 had answered the questionnaire. As for motivation, it has been replied the questionnaire Aragon et al. (2009) structured with 25 questions, in Likert scale. Regarding the corporate governance practices, it was considered in the questionnaire issued by the practices of IBGC Code (2009), 28 structured questions focusing on the following aspects: ownership, board of directors, management, independent auditing, tax advice and conduct, and conflict of interest. The results have revealed that the most important motivational factors to the respondents were: professionalizing the company, perpetuating the company, improving the corporate image, ensuring greater transparency and relationship with the capital markets, improving the relationship between the components of the control block shareholders, the succession process improvement, enabling the IPO and increase fundraising to creditors and shareholders, in that order. Regarding corporate governance practices, although 83% of respondents had answered that they had implemented governance, the results have indicated that, on average, only 47% of best IBGC (2009) practices have been observed by firms, indicating that there is much room for progress on this issue. It was also possible to observe that for the main motivational factors there is a convergence of importance for large companies, with over 40 years of existence, of family control and corporate governance at an early stage or in development.
Descrição: MAIA, Sávio Roberto Rodrigues. Governança corporativa nas empresas cearenses: motivações e práticas adotadas. 2014. 88 f. Dissertação (Mestrado) – Universidade Federal do Ceará, Faculdade de Economia, Administração, Atuária e Contabilidade, Programa de Pós-Graduação em Administração e Controladoria, Fortaleza-CE, 2014.
URI: http://www.repositorio.ufc.br/handle/riufc/16397
Aparece nas coleções:PPAC - Dissertações defendidas na UFC

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
2014_dis_srrmaia.pdf500,79 kBAdobe PDFVisualizar/Abrir


Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.