Use este identificador para citar ou linkar para este item: http://www.repositorio.ufc.br/handle/riufc/1663
Título: Industrialização de pescadas marinhas e de águas doces. : II - Processamento em forma de produto enlatado
Autor(es): Telles, Francisco José Siqueira
Vieira, Regine Helena Silva dos Fernandes
Vieira, Gustavo Hitzschky Fernandes
Palavras-chave: Peixe enlatado
Data do documento: 1975
Editor: Arquivos de Ciências do Mar
Citação: TELLES, F.J. S.; VIEIRA, S. H. S. dos F.; VIEIRA, G. H. F. (1975)
Resumo: Em sentido restrito, o enlatado significa um método de preservação, no qual a decomposição é evitada principalmente pela morte dos microrganismos, através do calor (Broek, 1965). A incidência da deterioração de alimentos enlatados industrialmente é muito baixa. Quando isto ocorre, evidencia que a esterilização foi insuficiente para a destruição dos microrganismos, que se desenvolvem na conserva (Sharf, 1965). O presente estudo tem por objetivo a elaboração de enlatados de pescadas marinhas e de águas doces, em leite de coco e em extrato de tomate.
Descrição: TELLES, F. J. S.; VIEIRA, R. H. S. dos F.; Vieira, G. H. F. Industrialização de pescadas marinhas e de águas doces.: II - Processamento em forma de produto enlatado. Arquivos de Ciências do Mar. Fortaleza, v. 15, n.2, p. 111-113, dez. 1975.
URI: http://www.repositorio.ufc.br/handle/riufc/1663
Aparece nas coleções:LABOMAR - Artigos publicados em revistas científicas

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
1975_art_fjstelles.pdf179,56 kBAdobe PDFVisualizar/Abrir


Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.