Use este identificador para citar ou linkar para este item: http://www.repositorio.ufc.br/handle/riufc/16772
Título: Aplicação da teoria dos números fuzzys nos modelos de transporte de poluentes para avaliar sua capacidade de previsão do risco de contaminação em rios naturais
Título em inglês: Application of fuzzy theory in the pollutant transport models to evaluate its capacity of forecasting the risk of contamination in natural rivers
Autor(es): Rocha, Giovanna Salgado da
Orientador(es): Souza, Raimundo Oliveira de
Palavras-chave: Saneamento ambiental
Teoria fuzzy
Transporte de poluente
Análise de risco
Data do documento: 29-Jan-2007
Citação: ROCHA, G. S. (2007)
Resumo: O estudo da qualidade de água em corpos hídricos, através de modelagem matemática, tem se tornado um importante caminho no controle e conservação dos recursos hídricos. Nos dias presentes, com o significativo avanço na área computacional, com computadores de alta velocidade, tem sido possível representar um processo físico qualquer, através de um modelo matemático com um maior nível de complexidade. Neste sentido, os processos de transporte de poluentes, em rios, estuários ou reservatórios têm sido representados de forma mais realista, com a ajuda de formulações matemáticas. Por outro lado, a grande parte dos modelos matemáticos disponíveis na literatura, dá um tratamento determinístico aos estudos de processos físicos. Neste caso, qualquer estudo que necessite de avaliar incerteza ou risco em engenharia, não conseguirá atingir seus objetivos sem um tratamento estocástico em suas formulações matemática. Este trabalho estuda a aplicação da Teoria Fuzzy nos modelos de transporte de poluente para estudar o comportamento das concentrações de poluentes em rios naturais, através de funções de pertinências. O estudo desenvolve uma metodologia, com base nos modelos de transporte fuzzy, e aplica esta metodologia em alguns rios com dados disponíveis na literatura. Finalmente, o estudo avalia a capacidade desta teoria predizer e avaliar campos de risco fuzzy nestes corpos d’água, mostrando, assim, seu comportamento, no tempo e ao longo do trecho do rio estudado. Os resultados mostram que os modelos fuzzys, aplicados aos processos de transporte de poluentes, podem ser uma boa alternativa na determinação do risco de degradação de um sistema hídrico qualquer.
Abstract: The study of the water quality in bodies of water, through mathematical modeling has become an important way in the control and conservation of the water resources systems. In the present days, with the significant progress in the computational area, with high-speed computers, it has been possible to represent any physical process, through a mathematical model, with a larger complexity level. In this sense, the transport processes of pollutant, in rivers, estuaries or reservoirs, have been represented in a more realistic way, with the mathematical formulations. On the other hand, the great part of the available mathematical models, in the literature, gives a deterministic treatment to the studies of physical processes. In this case, any study that needs to evaluate uncertainty or engineering risk, it will not get to reach their objectives, without a stochastic treatment in their mathematics formulations. This work studies applications of the Fuzzy Theory in the transport models of pollutant to study the behavior of the concentrations of pollutant in natural rivers, through membership functions. The study develops a methodology, with base in the models of transport fuzzy and it applies this methodology in some rivers with available data. Finally, the study evaluates the capacity of this theory to predict and to calculate fields of risk fuzzy in these bodies of water, showing, like this, its behavior, in the time and along the river. The results show that the fuzzy models, applied to the pollutant transport processes, can be an alternative in the determination of the risk of degradation of any water system.
Descrição: ROCHA, G. S. Aplicação da teoria dos números fuzzys nos modelos de transporte de poluentes para avaliar sua capacidade de previsão do risco de contaminação em rios naturais. 2007. 111 f. Dissertação (Mestrado em Engenharia Civil: Saneamento Ambiental) – Centro de Tecnologia, Universidade Federal do Ceará, Fortaleza, 2007.
URI: http://www.repositorio.ufc.br/handle/riufc/16772
Aparece nas coleções:DEHA - Dissertações defendidas na UFC

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
2007_dis_gsrocha.pdf962,94 kBAdobe PDFVisualizar/Abrir


Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.