Use este identificador para citar ou linkar para este item: http://www.repositorio.ufc.br/handle/riufc/16972
Título: Efeitos do plasma de baixa temperatura sobre os substratos esmalte e dentina
Título em inglês: Effecs of low temperature plasma on enamel and dentin substrates
Autor(es): Alves, Roberto Haniery Ponte
Orientador(es): Zanin , Iriana Carla Junqueira
Palavras-chave: Gases em Plasma
Testes de Dureza
Análise Espectral Raman
Microscopia Eletrônica de Varredura
Data do documento: 22-Jul-2015
Citação: ALVES, R. H. P. ; ZANIN, I. C. J. (2015)
Resumo: O plasma de baixa temperatura (PBT) tem tido seu uso investigado na destruição dos biofilmes orais, no entanto, seu efeito sobre os substratos dentários ainda não está completamente esclarecido. O objetivo deste trabalho foi avaliar o efeito do PBT na dureza superficial, no ângulo de contato, na morfologia das superfícies e composição química do esmalte e dentina bovinos. Para tanto, foram analisados a dureza de superfície Knoop (DS), as alterações nos ângulos de contato (AC), a morfologia de superfície por Microscopia Eletrônica de Varredura (MEV) e sua composição química através da Espectofotometria Raman (ER). Inicialmente, foram confeccionados blocos de esmalte e dentina com dimensões de 4x4x2 mm preparados a partir de dentes bovinos. Todos os blocos foram polidos e dividos em três grupos (n=6): Plasma de Argônio, Gás de Argônio e Controle. A DS foi avaliada antes e depois de cada tratamento, realizando-se cinco penetrações em cada espécime (50g/5s para esmalte e 25g/5s para dentina). A determinação do AC foi realizada dispersando uma gota de água sobre a superfície tratada e observando o ângulo de contato obtido em 1 min e 1 hora, utilizando fotografias digitais de alta resolução e o programa Image J. As alterações físicas na morfologia do esmalte e dentina submetidos ao PBT foram observadas a partir da MEV. Adicionalmente, a proporção relativa do conteúdo orgânico e mineral do esmalte e dentina após os tratamentos foram analisados por ER. Os dados foram avaliados por análise de variância (ANOVA) – 1 via para DS e 2 vias (tratamento e tempo) para AC, após Tukey teste (α < 0,05). Os resultados da DS demostraram não haver diferença significativa no esmalte (p = 0,087) após os tratamentos. No entanto, a MS da dentina diminuiu após o tratamento de plasma de argônio (p = 0,005). Os resultados indicaram que os valores de ângulo de contato da água diminuíram após 1 minuto da aplicação de plasma de argônio no esmalte (p < 0,05) e após 1 minuto e 60 minutos da aplicação de plasma de argônio na dentina (p < 0,05). Os resultados da ER demonstraram que os tratamentos com o plasma de argônio e gás de argônio apresentaram menores intensidades nas bandas da matriz orgânica para o esmalte e para a dentina. Em adição, a MEV demonstrou que, além de remover a smear layer externa aos túbulos dentinários, o tratamento com PBT promoveu rachaduras na superfície do esmalte e da dentina. Em conclusão, o PBT diminuiu a dureza superficial da dentina e melhorou potencialmente o molhamento da superfície do esmalte e dentina. Alterações morfológicas superficiais e diminuição da matrix orgânica foram observadas para ambas as estruturas dentais, depois dos tratamentos com plasma de argônio e gás de argônio.
Abstract: Low-temperature plasma (LTP) is a promising technology with the potential benefit of destroying the matrix of the oral biofilm and also produce antimicrobial effect on the bacterial cell. However, the effect of LTP on dental structures is not clear. The objective of this study was to evaluate the effect of LTP on enamel and dentin substrates. Therefore, we analyzed Knoop microhardness to calculate the percentage of surface hardness (SH), changes in contact angles (CA), the surface topography by Scanning Electron Microscopy (SEM) and also the chemical composition by Raman spectrometry (RS). Initially, 4x4x2 mm enamel and dentin blocks were prepared from bovine incisors. All blocks were polished and divided into three groups (n = 6); argon plasma, argon flow rate and control. The SH was assessed before and after each treatment, performing five penetrations in each specimen (50g / 25g and 5s enamel / dentin 5s). Contact angles changes were performed by dispersing water drop on the treated surfaces and observing the contact angle obtained after 1 min and 1 hour. For that, high-resolution digital photos and the Image J program was used. Physical changes in the structure of enamel and dentin submitted to LTP were observed from the SEM. Additionally, the relative proportion of the organic and mineral content of the enamel and dentin after treatment were analyzed by RS. Data were evaluated by analysis of variance (ANOVA) - 2-way (treatment and time) and Tukey test (α <0.05). For the SH the results showed no significant difference in the enamel (p=0.087), however, the SH of dentin decreased after treatment with argon plasma (p=0.005). The results indicated that water contact angle values in enamel decreased after 1min of the application of argon plasma (p<0.05). In the dentin the contact angle decreased after 1 and 60 min of the application of argon plasma (p<0.05). The RS results showed than argon plasma and argon gas presented lower organic matrix bands, similar results were observated for both enamel and dentin. The SEM showed that in addition to removing the external smear layer to the dentinal tubules, treatment with LTP promoted cracks in the enamel and the dentin surfaces. In conclusion, the use of argon plasma decreased the superficial hardness in dentin and, potentially increased the wetting in booth substract. Superficial morphological change and decreased of the organic matrix were observed in booth estructures after treatment with argon plasma and argon flow rate.
Descrição: ALVES, R. H. P. Efeitos do plasma de baixa temperatura sobre os substratos esmalte e dentina. 2015. 44 f. Dissertação (Mestrado em Odontologia) - Faculdade de Farmácia, Odontologia e Enfermagem, Universidade Federal do Ceará, Fortaleza, 2015.
URI: http://www.repositorio.ufc.br/handle/riufc/16972
Aparece nas coleções:DCOD - Dissertações defendidas na UFC

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
2015_dis_rhpalves.pdf3,14 MBAdobe PDFVisualizar/Abrir


Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.