Use este identificador para citar ou linkar para este item: http://www.repositorio.ufc.br/handle/riufc/17094
Título: Componentes carcaça e não carcaça de cordeiros Santa Inês submetidos à restrição alimentar
Título em inglês: Components housing and non-housing lambs Santa Inês fed restricted
Autor(es): Santos, Adrielle Albuquerque dos
Orientador(es): Pimentel, Patrícia Guimarães
Coorientador(es): Pereira, Elzânia Sales
Palavras-chave: Zootecnia
Cortes comerciais
Índice de musculosidade
Órgão interno
Ovinos
Commercial Cuts
Data do documento: 2014
Citação: SANTOS, A. A. (2014)
Resumo: Objetivou-se com o presente estudo avaliar o efeito de classe sexual (castrado e não castrado) e níveis de restrição alimentar (0%, 30% e 60%) sobre as características quantitativas dos componentes carcaça e não carcaça de cordeiros Santa Inês. Foram utilizados 30 cordeiros, 15 castrados e 15 não castrados, com aproximadamente dois meses de idade e peso corporal inicial médio de 13 ± 1,49 kg. Os cordeiros foram distribuídos em delineamento inteiramente casualizado em arranjo fatorial 3x2 (nível de restrição x classe sexual), de acordo com a quantidade de alimento fornecida (0%, 30% e 60% de restrição). A duração do experimento foi determinada pelo tempo necessário para que a média de peso corporal dos animais de um dos tratamentos atingisse 28 kg, ocasião em que todos os 30 animais foram abatidos. Houve influência da classe sexual sobre as características quantitativas peso corporal ao abate, peso do corpo vazio, peso de carcaça quente e peso de carcaça fria, sendo os animais não castrados os que apresentaram maiores valores. O peso da perna mostrou-se maior para animais não castrados (1,727) que para os castrados (1,637). Houve interação entre classe sexual e níveis de restrição para profundidade do tórax e comprimento da perna. Houve efeito linear decrescente de acordo com o aumento dos níveis de restrição alimentar para as características e cortes de carcaça, exceto para rendimento de perna e lombo posterior. Não foi observada interação entre níveis de restrição e classe sexual para peso dos componentes não carcaça. Houve diferença entre classes sexuais para os pesos dos rins, patas, sangue e intestino grosso de animais não castrados, os quais obtiveram médias superiores aos animais castrados. Para sangue, cabeça, pele, pata, rúmen-retículo, abomaso, intestino delgado, intestino grosso e gorduras perirrenal, omental, mesentérica e do coração houve efeito linear decrescente para os níveis de restrição. As características quantitativas dos componentes carcaça e não carcaça de cordeiros Santa Inês são influenciadas pelas classes sexuais e níveis restrição alimentar.
Abstract: The present study was conducted to investigate the effect of sex class(castrated and non- castrated) and levels of feed restriction (0%, 30% e 60%) on the quantitative characteristics of carcass and non-carcass components of Santa Ines lambs. We used thirty Santa Ines lambs, castrated (n=15) and non–castrated (n=15) with approximately two months of age and average initial body weight of 13 ± 1.49 kg. The lambs were assigned to a completely randomized design in a 3x2 factorial arrangement (restriction level x sex class), according to the amount of food provided (0%, 30% and 60% restriction). Experiment period was determined based in the time required for the animals of one of the groups achieved 28 kg of average body weight, when all 30 animals were slaughtered. We found the influence of sex class on quantitative traits body weight at slaughter, empty body weight, hot and cold carcass weight non castrated animals showed higher averages than the castrated animals. The weight of the leg of the non- castred animal (1,727) was biggest than the castrated animals (1,637). Was observed interaction between sex class and dietary restriction for the all of characteristics of carcass, except to leg yield and back rib. Interaction between restriction levels and genders was not observed for non-carcass components. There were differences between genders for the weights of the kidneys, paws, blood and large intestine of non-castrated animals, which had higher averages than castrated animals. A linear decreasing effect to the restriction levels were observed for blood, head, skin, paw, rumen-reticulum, abomasum, small intestine, large intestine and perirenal fat, omental fat, mesenteric and heart fats. Quantitative characteristics of carcass and non-carcass components of growing Santa Ines lambs are influenced by sex class and dietary restriction levels.
Descrição: SANTOS, Adrielle Albuquerque dos. Componentes carcaça e não carcaça de cordeiros Santa Inês submetidos à restrição alimentar. 2014. 57 f. Dissertação (mestrado em zootecnia)- Universidade Federal do Ceará, Fortaleza-CE, 2014.
URI: http://www.repositorio.ufc.br/handle/riufc/17094
Aparece nas coleções:PPGZO - Dissertações defendidas na UFC

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
2014_dis_aasantos.pdf1,4 MBAdobe PDFVisualizar/Abrir


Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.