Use este identificador para citar ou linkar para este item: http://www.repositorio.ufc.br/handle/riufc/17139
Título: Efeito da água produzida nos atributos microbiológicos do solo sob cultivo de plantas no semiárido
Título em inglês: Effect of produced water on soil microbial attributes under plants cultivation in semiarid
Autor(es): Lopes, Eva Dayana Oliveira Rios
Orientador(es): Weber, Olmar Baller
Palavras-chave: Microbiologia aplicada
Micro-organismos do solo
Indicadores de qualidade
Petróleo
Água residuária
Soil microorganisms
Data do documento: 2013
Citação: LOPES, E. D. O. R. (2013)
Resumo: A degradação ambiental e as restrições hídricas de regiões semiáridas comprometem a produção agrícola e reforçam a necessidade de manejo da água para manutenção da produtividade das culturas. Pesquisas sugerem o uso de água produzida, obtida no processo de extração do petróleo, como alternativa de irrigação, especialmente em áreas próximas aos campos petrolíferos com escassez de água. No entanto, têm-se limitações da aplicação dessa água devido à presença comum de sais, compostos tóxicos e metais que podem impactar negativamente o solo. Este estudo teve por objetivo avaliar atributos microbiológicos do solo cultivado com oleíferas irrigadas com diferentes águas (subsolo e água produzida) e compará-los com solos controles não cultivados e sob vegetação nativa. Experimentos com espécies de girassol e mamona irrigadas com água captada do subsolo (AC), água produzida tratada com filtragem simples (APF), água produzida tratada por osmose reversa (APO) e solo não cultivado (NCNI) foram conduzidos na fazenda Belém, Aracati, Ceará. O solo rizosférico da camada superficial (0-10 cm) foi coletado nos períodos pré-plantio e durante as fases de crescimento e florescimento das culturas, e avaliado através das variáveis densidade populacional de fungos filamentosos e bactérias cultiváveis, carbono orgânico (COT), carbono da biomassa microbiana (CBM), respiração basal (RB), quociente metabólico (qCO2) e atividade enzimática. A partir dos resultados pôde-se concluir que tratamentos com APF e APO afetam de forma distinta os atributos do solo, com o primeiro alterando positivamente o número de micro-organismos e a atividade enzimática, enquanto o segundo reduz a desidrogenase e as populações de fungos e bactérias do solo. A irrigação com AC e APF teve efeitos semelhantes sobre os indicadores estudados. Não foram detectadas diferenças entre tratamentos de manejo do solo quando analisados os parâmetros COT, CBM, RB e qCO2 no primeiro ciclo das culturas. Os valores da maioria dos indicadores microbiológicos avaliados foram similares na mata nativa e nas áreas cultivadas com oleíferas irrigadas.
Abstract: Environmental degradation and water restrictions in semiarid regions undertake agricultural production and reinforce the need for water management to maintain crop productivity. Researchers suggest the use of produced water, obtained in the process of oil extraction, as alternative of irrigation, especially in areas close to oil fields with water scarcity. However, there have been limitations on application this water due to the common presence of salts, metals and toxic compounds that may to impact negatively the soil. This study aimed to evaluate soil microbiological attributes in areas under cultivation of bioenergy plants irrigated with different waters (underground and produced water) and compare them with controls uncultivated and native vegetation soils. Experiments with species of sunflower and castor beans irrigated with water collected from underground (AC), produced water treated with simple filtering (APF), produced water treated by reverse osmosis (APO) and uncultivated soil (NCNI) were conducted on Belém farm, Aracati, Ceará state, Brazil. The surface layer of soil (0-10 cm) was collected in the ranks of pre-planting and planting during the growing and flowering plants, and evaluated by the population density of filamentous fungi and cultivable bacterias, organic carbon (COT), microbial biomass carbon (CBM), basal respiration (RB), metabolic quotient (qCO2) and enzyme activity. The results of this study revealed that treatment with APF and APO affect differently soil attributes, with the first positively changing the number of microorganisms and enzyme activity, while the second reduces dehydrogenase and populations of fungi and bacterias of soil. However, treatments with AC and APF had similar effects on indicators studied. Differences were not found between treatments when analyzed soil parameters of management COT, CBM, RB and qCO2 in first crop cycle. The values of most microbiological indicators evaluated were similar in native forest and areas cultivated with bionergy plants irrigated.
Descrição: LOPES, Eva Dayana Oliveira Rios. Efeito da água produzida nos atributos microbiológicos do solo sob cultivo de plantas no semiárido. 2013. 55 f. Dissertação (Mestrado em ecologia e recursos naturais)- Universidade Federal do Ceará, Fortaleza-CE, 2013.
URI: http://www.repositorio.ufc.br/handle/riufc/17139
Aparece nas coleções:DBIO - Dissertações defendidas na UFC

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
2013_dis_edorlopes.pdf929,33 kBAdobe PDFVisualizar/Abrir


Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.